RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemFernanda Lira diz que se surpreendeu com comentário após descobrirem que ela é brasileira

imagemO hit da Legião Urbana que seria recado de Renato Russo para Bonfá e Villa-Lobos

imagemA única música da Legião Urbana que nenhum membro oficial participou da gravação

imagemVídeo mostra Bruce Dickinson zoando Steve Harris durante show, que reage de forma meio brusca

imagemOs 15 maiores shows de rock da história segundo a Loudwire (Inclui um no Brasil)

imagemFernanda Lira diz que para criminalidade reduzir é preciso "não votar em quem odeia pobre"

imagemQuem foi a primeira grande paixão de Cássia Eller?

imagemO dia que Nando Reis percebeu o quanto é egoísta após pergunta de sua filha sobre amor

imagemAnthrax mexeu com a cabeça de um dos ícones do black metal norueguês

imagemO álbum de Raul Seixas inspirado por cartaz que acusava cantor de ser demônio encarnado

imagemO dia que empresa de táxi interrompeu solo de Tony Iommi e quase ferrou show do Black Sabbath

imagemAs críticas negativas de Regis Tadeu ao disco "The Number of the Beast"

imagem25 álbuns de rock sem nenhuma música ruim, segundo a Loudwire

imagemIron Maiden: conheça 5 curiosidades incríveis sobre Alexandre, o Grande

imagemOs dez álbuns de Metal favoritos de Bill Ward, baterista do Black Sabbath


Fleshgod Apocalypse: banda faz versão pesada, raivosa e sangrenta de clássico dance

Por Mateus Ribeiro
Postado em 02 de janeiro de 2021

O FLESHGOD APOCALYPSE começou o ano novo de forma, digamos, diferente. A banda italiana, conhecida por tocar metal extremo/sinfônico, lançou uma versão brutal para a música "Blue (Da Ba Bee)", clássico da dance music, gravada pela banda EIFFEL 65. O cover, que foi disponibilizado tanto no Youtube quanto nas demais plataformas digitais, pode ser conferido no player a seguir.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O vocalista Francesco Paoli falou sobre a versão através das redes sociais da banda. "Após a resposta incrível sobre nosso último single[intitulado] "No", queríamos lançar algo que pudesse tornar o final desta merda de 2020 um pouco mais divertido para todos. É por isso que pegamos uma faixa de dance music popular dos anos 90 e a transformamos na mais pesada, mais raivosa e mais sangrenta música de festa. Estamos prontos para explodir seus ouvidos novamente em 2021, fiquem ligados!".

Se por um acaso, você não se lembra da versão original, refresque sua memória com o vídeo abaixo. Boa sorte.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Itália: 10 bandas de heavy metal que foram formadas na terra de Michelangelo

Horns Up: três bandas do lado sinfônico do Death Metal

Fleshgod Apocalypse: Suas 10 maiores músicas, pela Classic Rock History


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Facchini Medeiros | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Mateus Ribeiro

Fã de Ramones, In Flames e Soilwork. Ouve (quase) tudo, desde rock clássico até black metal.
Mais matérias de Mateus Ribeiro.