Matérias Mais Lidas

Massacration: quando Bruno Sutter fez Kiko Loureiro entender o sucesso da bandaMassacration
Quando Bruno Sutter fez Kiko Loureiro entender o sucesso da banda

Dio: vocalista fazia mão chifrada para não repetir gesto da paz feito por OzzyDio
Vocalista fazia mão chifrada para não repetir gesto da paz feito por Ozzy

Dave Grohl: ator antivacina diz que músico merece apanhar por show só para vacinadosDave Grohl
Ator antivacina diz que músico merece apanhar por show só para vacinados

Black Sabbath: banda compartilha foto divertida, com Tony Iommi segurando um chimpanzéBlack Sabbath
Banda compartilha foto divertida, com Tony Iommi segurando um chimpanzé

Anthrax: banda relembra decisão de demitir Joey Belladonna; nunca foi pessoalAnthrax
Banda relembra decisão de demitir Joey Belladonna; "nunca foi pessoal"

Anthrax: nada mais de aperto de mão com fãs, tô fora, diz o baixistaAnthrax
Nada mais de aperto de mão com fãs, "tô fora", diz o baixista

Ted Nugent: Ele conta que recusou droga de Jimi Hendrix e que Bon Scott vivia bêbadoTed Nugent
Ele conta que recusou droga de Jimi Hendrix e que Bon Scott vivia bêbado

Nirvana: nossa meta era vender bastante para comprar um apartamento para cadaNirvana
Nossa meta era vender bastante para comprar um apartamento para cada

Kiko Loureiro: por incrível que pareça, ele é o piadista do Megadeth, segundo RafaelKiko Loureiro
Por incrível que pareça, ele é o "piadista" do Megadeth, segundo Rafael

Wolfgang Van Halen: o sobrenome pode abrir portas, mas não as mantém abertasWolfgang Van Halen
"o sobrenome pode abrir portas, mas não as mantém abertas"

Miranda: por que não faz sentido roqueiro criticar funk, segundo saudoso produtorMiranda
Por que não faz sentido roqueiro criticar funk, segundo saudoso produtor

AC/DC: Chris Slade elogia Axl Rose na banda; não fazia ideia que ele cantava assimAC/DC
Chris Slade elogia Axl Rose na banda; "não fazia ideia que ele cantava assim"

Anette Olzon: ex-Nightwish lançará disco em setembro; confira capa, tracklist e singleAnette Olzon
Ex-Nightwish lançará disco em setembro; confira capa, tracklist e single

Há quem goste: As 10 bandas mais odiadas do universoHá quem goste
As 10 bandas mais odiadas do universo

Fora Bolsonaro: músicos se manifestam no final de semana dos protestosFora Bolsonaro
Músicos se manifestam no final de semana dos protestos


Stamp
Pentral

Fernanda Lira: hoje na Crypta, ela conta por que não foi fácil sair da Nervosa

Por Igor Miranda
Em 10/06/21

A vocalista e baixista Fernanda Lira falou sobre a transição entre a saída da Nervosa e a consolidação da Crypta, inicialmente criada como uma banda paralela, em entrevista ao Metal Injection.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A frontwoman destacou que a Crypta, cujo álbum de estreia "Echoes of the Soul" será lançado nesta sexta-feira (11), foi iniciada entre maio e junho de 2019, quando ela e a baterista Luana Dametto ainda estavam na Nervosa. A ideia era trabalhar com o projeto apenas nos intervalos entre compromissos da banda principal.

"A Crypta definitivamente nasceu como projeto paralelo. Era 100% planejado como paralelo. Quando a criamos em maio ou junho de 2019, ainda estávamos na Nervosa e eu ainda estava muito focada na Nervosa. Claro, sou muito intensa. Tudo o que faço, gosto de fazer de forma intensa. No fim das contas, eu adoraria gravar um álbum com a Crypta e fazer turnê, mas apenas entre compromissos da Nervosa e tudo o mais", disse.


Em seguida, Fernanda destacou que a relação na Nervosa "já estava um pouco tensa", mas não houve uma grande motivação para que ela e Luana deixassem a banda. "Estava um pouco desgastado naquele momento. Nada extraordinário aconteceu. Estava apenas desgastado, como qualquer outro relacionamento. Acontece com amizades e casamentos, era apenas algo normal", afirmou.

Apesar dessa tensão na Nervosa, a Crypta nasceu, segundo Fernanda, de um desejo inicial de Luana Dametto em voltar a tocar death metal. "Ela é uma baterista de death metal e sentia falta de tocar isso. Ela falava que queria muito tocar death metal, que queria ter um projeto paralelo, e perguntou se eu não queria fazer algo junto. Eu, pessoalmente, achei que seria saudável, seria revigorante ter um projeto paralelo", contou.


"Nervosa era minha banda dos sonhos"

Ainda durante a entrevista, Fernanda Lira comentou que, antes, entendia que a existência de um projeto paralelo, com uma "saída criativa diferente", ajudaria a melhorar a situação na Nervosa, sua banda principal. "Essa era a ideia. Mas no fim, quando tudo aconteceu e eu tive que sair do Nervosa, foi muito reconfortante ter a Crypta lá, porque quando eu deixei a banda, eu estava emocionalmente muito mal", afirmou.

A musicista definiu a Nervosa como sua "banda dos sonhos", por isso, ficou tão chateada por ter de sair. "Era a minha banda dos sonhos. Era o projeto no qual eu estava trabalhando por quase uma década e fez com que tantas coisas acontecessem. Portanto, deixar isso para trás não foi fácil", comentou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Embora não estivesse sentindo-se bem por sair da Nervosa, Fernanda contou que a existência da Crypta a reconfortou, já que não teria de começar algo do zero. "Definitivamente, acho que não teria impulso emocional para começar do zero. Mas como a banda já estava rolando, foi motivador para mim. Se a banda não estivesse lá, seria muito difícil. Acho que teria demorado muito mais para eu voltar à minha carreira musical", concluiu.

A entrevista de Fernanda Lira pode ser lida na íntegra, em inglês, no Metal Injection.

https://metalinjection.net/interviews/cryptas-fernanda-lira-talks-debut-album-leaving-nervosa-the-influence-of-sepultura

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Arte Musical
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Crypta: ouça Echoes of the Soul, álbum da nova banda de Fernanda Lira e Luana DamettoCrypta
Ouça "Echoes of the Soul", álbum da nova banda de Fernanda Lira e Luana Dametto

Fernanda Lira: hoje na Crypta, ela conta por que não foi fácil sair da NervosaFernanda Lira
Hoje na Crypta, ela conta por que não foi fácil sair da Nervosa

Lista: dez grandes bandas de heavy metal que surgiram no Brasil - Parte 1Lista
Dez grandes bandas de heavy metal que surgiram no Brasil - Parte 1

Diva Satanica: A nova Nervosa soa mais poderosa.Diva Satanica
"A nova Nervosa soa mais poderosa."

Crypta: Luana comenta uma das piores situações que passou em um showCrypta
Luana comenta uma das piores situações que passou em um show

Nervosa: Rodrigo Talayer entrevista Diva Satanica (vídeo)Nervosa
Rodrigo Talayer entrevista Diva Satanica (vídeo)

Lista: 10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentesLista
10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentes


Metal Calcinha: onze bandas lideradas por mulheresMetal Calcinha
Onze bandas lideradas por mulheres

Lista: 10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentesLista
10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentes

Fernanda Lira: hoje na Crypta, ela conta por que não foi fácil sair da NervosaFernanda Lira
Hoje na Crypta, ela conta por que não foi fácil sair da Nervosa


Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo FacebookDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.