[an error occurred while processing this directive]

Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Por que Joe Satriani recusou convite para entrar na "realeza" do Deep Purple?

Por Emanuel Seagal
Postado em 03 de maio de 2022

Quando a pandemia atingiu o mundo em 2020, Joe Satriani estava se preparando para lançar seu 18.º álbum, "Shapeshifting". Enquanto muitos artistas pararam o que estavam fazendo e entraram em confinamento, Joe Satriani avançou e lançou o disco, embora sem poder fazer imediatamente uma turnê para promovê-lo. O guitarrista então começou a escrever um novo álbum, "The Elephants Of Mars", lançado no dia 8 de abril deste ano.

Joe Satriani - Mais Novidades

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista ao Vintage Rock além de falar sobre o processo por trás do novo disco, o músico comentou sobre seu projeto Chickenfoot — formado por ele, o vocalista Sammy Hagar (ex-Van Halen), o baixista Michael Anthony (ex-Van Halen) e o baterista Chad Smith (Red Hot Chili Peppers) — e também a liberdade que tem ao ser um artista solo, algo que não teria se tivesse aceitado o convite de se juntar ao Deep Purple. Confira abaixo alguns trechos da matéria.

Vintage Rock: "Como anda o Chickenfoot? Sei que faz alguns anos, mas vocês já falaram sobre lançar um terceiro disco e fazer uma turnê?"

Joe Satriani: "É algo engraçado. Quando falamos sobre isso, é sempre incerto, porque nunca planejamos esses discos de qualquer maneira. Eles simplesmente aconteceram, do jeito típico do Chickenfoot, que é como se você recebesse um telefonema no meio da noite e 24 horas depois você estivesse no estúdio e com sorte você trouxe algumas músicas e elas serão gravadas (Risos). É muito rápido, e então semanas se passam antes de você voltar para começar a trabalhar um pouco mais nelas. Eu estava ouvindo o novo álbum do Chili Peppers ontem à noite. Um disco brilhante, e Sammy tem um álbum muito legal, muito legal que ele gravou com sua banda, o The Circle, acho que sai em junho. Então estamos todos ocupados. Todos temos álbuns saindo este ano ou que acabamos de lançar, e estaremos em turnê por um tempo. Eu teria que dizer que com exceção de uma estranha chance de Chad ou Sam ficarem totalmente entediados e terem dois dias de folga e quererem gravar um álbum, eu não veria isso acontecendo até o ano que vem. O próximo ano acaba parecendo bastante cheio, não é?"

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Vintage Rock: "Esse é o lance sobre o Chickenfoot, certo? Vocês estão todos muito ocupados e este é um projeto paralelo. Vocês tem carreiras estabelecidas. Não é como uma banda que surgiu e vocês fizeram sucesso, juntos. É um supergrupo. Então isso me leva à minha última pergunta. Você teve oportunidades de se juntar a bandas. Poderias ter se juntado ao Deep Purple, mas com base no fato de que sua carreira solo é seu foco principal e muda s os músicos de um álbum para outro, seria justo dizer que você gosta da liberdade de tocar com uma variedade de outros músicos ao invés de estar em uma banda pré-definida?"

Joe Satriani: "Aprendi com aqueles que fizeram a base para o tipo de coisa que faço, como Jeff Back. Vi a liberdade que ele tinha para tocar com músicos interessantes que o inspirariam, para fazer coisas diferentes. Pensei que isso é realmente ótimo. Amo vê-lo ao vivo, seus álbuns e ele está sempre progredindo como guitarrista. Ele apenas segue em frente. Eu amo essa atitude de apenas seguir em frente o tempo todo."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Ele não tem os problemas de uma banda veterana que tem que tocar seus sucessos. Como quando o Aerosmith sai, eles vão ter que tocar aquelas músicas que são seus hits. Eles tem que tocar 'Janie’s Got a Gun', tem que tocar 'Dream On'. Eles não podem fazer um show sem elas, mas o Jeff Beck realmente não precisa fazer nada que não queira (Risos). Ele pode dizer: 'Não, é aqui que estou agora, vejam isso. Ninguém mais pode fazê-lo. Eu posso.' (Risos) Eu amo essa atitude. É uma decisão perigosa. Você perde a chance de se tornar mainstream. É muito difícil para Jeff Beck se tornar mainstream como Aerosmith ou qualquer outra banda pop onde você está falando de bilhões de streams e aparições na TV, todos os prêmios e esse tipo de coisa. No entanto, todos conhecem e respeitam Jeff Beck como músico, como compositor, e nem sonhariam que ele mudasse de atitude. Nós gostamos dele sendo o iconoclasta que ele é."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Eu tive que fazer essa escolha quando Roger Glover me pediu para me juntar ao Deep Purple. Eu apenas pensei, eu sou o Joe de Long Island. Eu não pertenço a essa banda britânica da realeza do metal. Sabia que simplesmente não pertencia. Eu era um grande fã de Ritchie Blackmore e pensei que nunca seria capaz de corrigir isso. Sempre me sentiria culpado por ter que copiar Ritchie e não queria fazer isso. Eu tive amigos que tiveram sucesso substituindo pessoas famosas em bandas, mas eu me lembro do que eles sempre diziam no final. Lembro-me de Steve Vai me dizer uma vez: 'Joe, se você puder evitar, nunca substitua ninguém famoso em uma banda porque os fãs — eles nunca deixam você esquecer. Você é sempre comparado ao primeiro cara, o cara original.' Então, pensei em aproveitar a chance. Eu tenho um bom relacionamento com meus fãs, e ficaremos juntos e tentaremos lançar álbuns cada vez melhores."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Alex Skolnick: guitarrista comenta aulas com Joe Satriani


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com Iron Maiden e Black Sabbath até chegar ao metal extremo e se apaixonar pelo doom metal. Considera Empyrium e X Japan as melhores bandas do mundo, Foi um dos coordenadores do finado SkyHell Webzine, escreveu para outros veículos no Brasil e exterior, e sempre esteve envolvido com metal, seja com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa. Escreve para o Whiplash! desde 2005 mas ainda não entendeu a birra dos leitores com as notícias do Metallica. @emanuel_seagal no Instagram.
Mais matérias de Emanuel Seagal.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS