RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemIron Maiden anuncia "The Future Past Tour", com foco no "Somewhere in Time" e "Senjutsu"

imagemEngenheiros do Hawaii não era uma banda amiga da galera, diz ex-baterista

imagemA única banda inédita em condições de ser headliner do metal no RIR, segundo Rick Dallal

imagemA música de Paul McCartney que flopou nos Beatles, mas bombou em carreira solo

imagemVídeo de vocalista brasileiro batendo cabeça em "Toxicity" atinge 1 milhão de views

imagemO Sepultura honrou nossos ancestrais bem antes do pessoal da Noruega lembrar dos vikings

imagemSlipknot: o nojento porém genial motivo do apelido dos fãs da banda

imagemAC/DC parabeniza o aniversariante Brian Johnson nas redes da forma mais direta possível

imagem"Greta Van Fleet é prova de que toda geração tem o Restart que merece", diz Regis Tadeu

imagemFloor Jansen explica por que deixou seu cabelo mais curto

imagemDream Theater já fala de novo álbum; Mike Portnoy cada vez mais próximo da banda

imagemO guitarrista que o Pink Floyd queria ao invés de David Gilmour

imagemNoel Gallagher detona o jazz: "Todo mundo tocando músicas diferentes ao mesmo tempo"

imagemJéssica di Falchi é efetivada como guitarrista da banda Crypta

imagemBittencourt assume que é "eternamente insatisfeito" com algumas músicas do Angra


Stamp

The Doors: Robby Krieger fala sobre a difícil convivência com Jim Morrison

Por André Garcia
Postado em 11 de setembro de 2022

Misturando blues, jazz, rock e psicodelia, o The Doors surgiu na segunda metade dos anos 60 em Los Angeles, e em poucos anos já era uma das maiores bandas dos Estados Unidos. Isso em muito graças a seu carismático, provocativo e imprevisível vocalista, Jim Morrison. Entretanto, se no começo sua tendência autodestrutiva atraía holofotes para banda, em seus últimos meses acabou a implodindo.

Foto: Divulgação - Capa do Primeiro Álbum
Foto: Divulgação - Capa do Primeiro Álbum

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista para a Guitar World, o guitarrista Robby Krieger relembrou o quanto Jim Morrison era uma pessoa difícil de lidar: "Era difícil conviver com Jim. Teria sido ótimo se tivéssemos um cara como o Sting — brincou ele. "Sabe, um cara normal, e extremamente talentoso também. Alguém que não tivesse que estar no limite entre a vida e a morte em cada instante de sua vida."

Guitar World: As atitudes de Jim são bastante reverenciadas agora. Aquilo era engraçado na época?

Robby Krieger: Aquilo sempre foi frustrante. Tínhamos uma banda que todos sabíamos possuir potencial para ser algo realmente grande, mas Jim tentava sabotar aquilo tentando f*der tudo a todo instante. A gente marcava um ensaio, Jim não aparecia, e recebíamos uma ligação de Blythe, Arizona, dizendo que ele estava preso.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Guitar World: Mesmo assim, vocês foram incrivelmente produtivos. Vocês gravaram seis álbuns de estúdios em 3 ou 4 anos. A ética profissional dele era tão ruim assim?

Robby Krieger: Não. A música era tudo pelo qual ele vivia. Muitas vezes ele estava no escritório, e nós não. Ele até mesmo já chegou a morar lá por um tempo, porque aquilo era toda a vida dele. Todos nós tínhamos nossas vidas além do The Doors — ele não. E ele meio que se ressentia com aquilo. Ele sentia que estava se dedicando 24 horas por dia e nós não. E ele estava certo.

Mas sessões de gravação realmente entediavam ele. A gente ficava enrolando por tempo indeterminado até acertarem o som da bateria, e essa coisa toda, então não culpo por pirar. Paul Rothchild, nosso produtor, era muito perfeccionista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Robby Krieger foi o autor de hits como "Light My Fire" e "Touch Me", bem como o arranjo flamenco de "Spa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

NFL Steve Harris


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Alice Cooper: "O fato de Jim Morrison ter vivido até os 27 foi um milagre!"

Thom Yorke em 1992: "Tenho um desprezo patológico por Jim Morrison"

Os dois rockstars que influenciaram Casagrande a entrar no mundo das drogas

The Doors: Robby Krieger fala sobre a difícil convivência com Jim Morrison

The Doors: O motivo pelo qual Jim Morrison preferia tocar em locais pequenos

Alice Cooper revela que verso de clássico do The Doors foi inspirado por ele

The Doors: Robby Krieger conta suas primeiras impressões de Jim Morrison e Ray Manzarek

O motivo pelo qual Frank Zappa não gostava de Jim Morrison e o The Doors

The Doors comenta a gravação da icônica faixa "Riders on the Storm

The Doors: Produtor dizia que "Love Her Madly" era "ruim pra c*cete"

The Doors e seu desastroso último show com Jim Morrison

The Doors: Tecladista Ray Manzarek acreditava que Jim Morrison forjou sua morte

The Doors: A opinião de Jim Morrison sobre Pink Floyd e Miles Davis

The Doors: Jim Morrison e o "Mr. Mojo Risin'"

Música na Biblioteca: 10 bandas que tiveram seus nomes inspirados por livros

Mick Jagger: em cerimônia na escola do filho em São Paulo

Oh, não!: clássicos do Rock Heavy Metal e que foram "estragados" pelo tempo


Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.

Mais matérias de André Garcia.