Billy Corgan: revelando seus álbuns favoritos de Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gabriel Costa, Fonte: MusicRadar
Enviar correções  |  Comentários  | 

O guitarrista, vocalista e fundador dos SMASHING PUMPKINS, Billy Corgan, listou seus dez álbuns favoritos de metal para o Musicradar.com. Confira a lista abaixo.

4273 acessosLars Ulrich: o impacto do movimento grunge no Metallica5000 acessosZakk Wylde: cinco momentos insanos do guitarrista

10. THE STOOGES - Fun House (1969): "Esse colocou o punk no metal ou vice-versa. Audição essencial".

9. LED ZEPPELIN - Physical Graffiti (1975): "É difícil chamar o Zep de 'metal', mas eles criaram modelos diferentes que ainda estão sendo usados na terra dos riffs. Eu amo esse disco porque ele é tão malditamente sombrio. 'In My Time of Dying' é tão pesada quanto qualquer coisa lançada. (...) Talvez não seja pesada no sentido de 'heavy', mas emocionalmente... total esquecimento."

8. ACCEPT - Restless And Wild (1982): " Eu acho que o ACCEPT era uma banda de metal terrivelmente subestimada. À frente demais de seu tempo. 'Fast As A Shark' é uma das grandes canções de metal de todos os tempos. (...) Talvez muito esquisito para a América, mas a Europa nunca teve medo do ACCEPT."

7. SLAYER - God Hates Us All (2001): "Esse é o meu disco do tipo 'não é possível ser mais pesado que isso'. Eu achava que o SLAYER nunca conseguiria superar o Reign In Blood (1986). Eu estava enganado. Mortalmente enganado".

6. RAINBOW - On Stage (1977): "Eu amo esse álbum porque isso é o que acontece quando você pega uma grande banda, um grande repertório de canções ao vivo e apenas vai em frente. Celestial e grandioso, e tem um peso que é mais peculiar do que o blues do DEEP PURPLE. Confira o show ao vivo na Alemanhha em 1978, se você puder (foi lançado em CD). Ainda melhor que este show."

5. PANTERA - Far Beyond Driven (1994): "Eu tive o privilégio de ver o PANTERA três vezes nessa turnê, e uma vez parei no backstage como um fã nerd e declarei, 'Rapazes, vocês agora são a melhor banda de metal do mundo!' (...) Dimebag era um de uma espécie, e esse é o auge da visão dele e de Vinny para o que o PANTERA poderia ser, que era uma máquina que você podia acreditar que tinha pulmões."

4. JUDAS PRIEST - Unleashed In The East (1979): "Eu amo as músicas do início da carreira do PRIEST, mas parte da produção nos primeiros álbuns soa um pouco leve em retrospecto. (...) Esse álbum captura o peso verdadeiro deles, e a dança de navalhas que acontece toda noite entre Glenn [Tipton] e KK [Downing]. Incrível. Eu vi PRIEST tocar no ano passado e eles estavam MELHORES do que em 1982. Eu fiquei completamente atordoado."

3. MERCYFUL FATE - Melissa (1983): "Esse álbum assustava tanto o baterista da minha banda na época da escola que ele me proibiu de ouvi-lo em sua presença. (...) Performances de guitarra incríveis, super progressivas, e o trabalho vocal do céu-ao-inferno de KING DIAMOND é incrível e, na verdade, bastante à frente de seu tempo."

2. METALLICA - Master Of Puppets (1986): "O perfeito combo de riffs rápidos e violentos mais o princípio da descoberta de [James] Hetfield de que melodias não eram apenas algo no caminho de sua robótica mão direita. (...) Isso é metal esperto e elegante em seu nível mais alto."

1. BLACK SABBATH - Sabbath Bloody Sabbath (1973): "Assustador, fantasmagórico e mais pesado que Deus em momentos breves, fugazes. Esse álbum sempre me faz pensar na trilha sonora que o SABBATH seria para o dia final na Terra."

Os responsáveis são citados no texto. Não culpe os editores. :-)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Lars UlrichLars Ulrich
O impacto do movimento grunge no Metallica

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

MetallicaMetallica
Fotos inspiradas pelo Queen de marca luxuosa de roupa

MetallicaMetallica
Ultimate Classic Rock elege as 10 piores músicas

MetallicaMetallica
Kirk Hammett "pede desculpas" por tweet polêmico

0 acessosTodas as matérias da seção Maiores e Melhores0 acessosTodas as matérias sobre "Smashing Pumpkins"0 acessosTodas as matérias sobre "Stooges"0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"0 acessosTodas as matérias sobre "Accept"0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"0 acessosTodas as matérias sobre "Rainbow"0 acessosTodas as matérias sobre "Pantera"0 acessosTodas as matérias sobre "Judas Priest"0 acessosTodas as matérias sobre "Mercyful Fate"0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"


Zakk WyldeZakk Wylde
Cinco momentos insanos do guitarrista

BateristasBateristas
Os dez músicos mais loucos de todos os tempos

KerrangKerrang
Revista britânica elege os melhores singles já lançados

5000 acessosIron Maiden: os álbuns da banda, do pior para o melhor5000 acessosBlack Sabbath - Perguntas e Respostas5000 acessosRockstars: filhos de roqueiros seguindo os passos dos pais2701 acessosDimebag: Dono do local onde guitarrista foi morto relembra momentos de terror5000 acessosRegis Tadeu: a experiência única de ouvir os álbuns do Rammstein5000 acessosSupernatural: uma das melhores trilhas sonoras para uma série

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 27 de setembro de 2016


Sobre Gabriel Costa

Carioca, jornalista por profissão e roqueiro de nascença, Gabriel teve o primeiro contato direto com o rock and roll ao ouvir o álbum de estreia do Black Sabbath em um velho vinil de seu pai. Garoto do século 20, nascido em 1984, é absolutamente fascinado por tudo o que envolve o estilo, da música à mitologia. Canta na banda Six Pack Wonder, escuta de Backyard Babies a Strapping Young Lad, ama The Wildhearts e segue fielmente os ensinamentos de Lemmy e Danko Jones. Escreve no Twitter em http://twitter.com/gabrielccosta.

Mais matérias de Gabriel Costa no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online