Tankard: "O Thrash Metal nunca morrerá!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Edilson Luiz Piassentini, Fonte: Underground Newz
Enviar correções  |  Ver Acessos

A página do facebook Underground Newz teve a honra de entrevistar uma das grandes bandas do Thrash Metal Mundial. Estamos falando dos veteranos do Tankard!

Planno D: 10 coisas que irritam metaleiros (vídeo)Kirk Hammett: "Mustaine toca rápido e eu, melódico"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Conversamos com o vocalista e fundador Andreas Geremia, ou Gerre, que nos conta como a banda começou, sobre a repercussão do ultimo álbum lançado (R.I.B - Rest In Beer) e algumas curiosidades sobre a banda que é considerada como os Reis da Cerveja!

Confiram essa exclusiva entrevista!

UNDERGROUND NEWZ - PRIMEIRAMENTE, OBRIGADO PELA ENTREVISTA. É UMA HONRA PODER ENTREVISTAR UM DOS MAIORES NOMES DO THRASH METAL MUNDIAL. COMO ESTÁ SENDO A REPERCUSSAO DA MÍDIA E DOS FAS COM O NOVO ÁLBUM DA BANDA, O R.I.B(REST IN BEER)?

GERRE - Obrigado por suas amáveis palavras, as reações vem sendo muito boas, entramos nas paradas alemãs no lugar 41, estamos muito satisfeitos com o resultado e os fãs como o novo álbum também, então está tudo certo até o momento!


UNDERGROUND NEWZ - COMO VOCÊ VE A EVOLUÇAO DA BANDA DESDE O PRIMEIRO ÁLBUM ZOMBIE ATTACK DE 1986 ATÉ O R.I.B DE 2014? COMO É O PROCESSO DE COMPOSIÇAO DO TANKARD? VOCÊ TEM UM ÁLBUM FAVORITO DO TANKARD?

GERRE - Nós realmente tivemos nosso destaque com "Chemical Invasion", em 1987, e o nosso maior sucesso tivemos com "The meaning of life", em 1990, e na metade até o final dos anos noventa o thrash metal não era muito popular e nós passamos por momentos difíceis! Desde o ábum "B-Day", em 2002, estavamos melhorando passo a passo e com a assinatura com a Nuclear Blast em 2012 o Tankard tem outro desafio pela frente, em especial, a grande divulgação! Nosso guitarrista Andy é quem escreve a maioria das coisas, então eu recebo um CD com algumas partes de guitarra e tento encontrar algumas linhas melódicas para os vocais e faço algumas letras imaginárias. Então nos encontramos em seu pequeno estúdio que tem em sua casa e começamos a gravar e mais tarde, decidimos quais as partes que vamos usar, que é o refrão, etc. Andy Bulgaropulos e Harald Maul vem em seguida nos ajudar com as letras. Os meus álbuns favoritos são sempre o primeiro e o último, o primeiro porque tudo começou com ele e o último porque você ainda está totalmente envolvido com o trabalho, embora eu amo todos eles é claro!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

UNDERGROUND NEWZ - VOCÊS LANÇAM SEMPRE UM ÁLBUM ATRÁS DO OUTRO, E SEMPRE MANTENDO O MESMO ESTILO E PEGADA, E O PRINCIPAL, SEMPRE MENCIONANDO O ALCOOL. COMO É PARA A BANDA MANTER ESSE FOLEGO, MANTENDO O BOM NÍVEL MUSICAL, E COMO SE SENTEM POR SER CONSIDERADOS POR MUITOS COMO OS REIS DA CERVEJA?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

GERRE - Nós ainda nos divertimos muito em tocar esse tipo de música, e eu realmente não consigo ver um fim do Tankard. Hoje eu não imagino uma vida sem o Tankard. Nós apenas fizemos a nossa demo "Alcoholic Metal" por uma brincadeira, porque no meio da década de oitenta, havia surgido um monte de novos estilos de metal, speed, thrash, black, poser, etc. Mais tarde, criamos esse tipo de imagem, mas ninguém realmente acreditava nisso hahahaha ... hoje nós fazemos um monte de piadas e paródia de nossa própria imagem, nós não nos levamos muito a a sério, embora sempre têm letras muito graves também! Este lado do Tankard será sempre subestimado, mas podemos viver com isso, nós nunca vamos se livrar dessa imagem, mas isso é realmente bom para nós!

UNDERGROUND NEWZ - O THRASH METAL POSSUI UMA GRANDE LEGIAO DE FAS, E TAMBÉM UM NUMERO GRANDE DE BANDAS NO ESTILO. O TANKARD SURGIU NO INÍCIO DOS ANOS 80, E VEM SENDO UMA GRANDE INFLUÊNCIA PARA AS BANDAS QUE ESTAO SURGINDO NO THRASH METAL. COMO É PARA VOCÊS INFLUENCIARAM NOVAS BANDAS, E QUAIS SAO AS INFLUÊNCIAS DO TANKARD?

GERRE - Todos nós crescemos com a NWOBHM e amamos bandas como Tank, Raven, Jaguar, Tigers of Pan Tang e, claro, os grandes como Iron Maiden e Judas Priest. Então ouvimos os primeiro álbuns do Exodus, Slayer, Metallica e Exciter e eles realmente foram um "baque" para nós! Estas foram realmente nossas influências! Como influenciamos bandas mais novas eu realmente não sei o que te dizer, você teria que perguntar a eles, mas é ótimo quando o nosso nome é mencionado e isso é uma grande honra para nós!

UNDERGROUND NEWZ - SABEMOS QUE VOCÊS TRABALHAM EM OUTROS RAMOS, E SÓ SE DEDICAM AO TANKARD NOS TEMPOS LIVRE, E COMO LIDO EM OUTRA ENTREVISTA, VOCÊS SE ORGULHAM DISSO. AQUI NO BRASIL NAO É MUITO DIFERENTE. COMO VOCÊ A CENA DO METAL MUNDIAL, E PARA VOCÊ, O QUE FALTA PARA QUE AS BANDAS DE METAL POSSAM VIVER 100% DA MÚSICA?

GERRE - Foi uma decisão nos anos noventa não viver apenas da música, cada membro da banda tem o seu trabalho e todos têm as suas famílias. Assim, por um lado, somos totalmente independentes e podemos fazer o que queremos, por outro lado, não somos capazes de aceitar todas as ofertas que recebemos. Mas nós passamos cada minuto livre para fazer as atividades da banda! Hoje em dia nós poderíamos viver apenas da música, mas a decisão está feita e nós realmente podemos trabalhar assim!

UNDERGROUND NEWZ - HOJE VEMOS MUITAS BANDAS LANÇANDO BEBIDAS QUE LEVAM OS SEU NOMES. O QUE PENSAM SOBRE ISSO, E, O TANKARD E A CERVEJA SENDO UMA COMBINAÇAO PERFEITA, VOCÊS PENSAM EM LANÇAR UMA CERVEJA COM O NOME DA BANDA?

GERRE - Sim, nós realmente pensamos em trabalhar com isso, mas eu acho que não somos grandes o suficiente! Mas vamos seguir em frente para trazer a nossa própria cerveja um dia!

UNDERGROUND NEWZ - VOCÊS JÁ TOCARAM AQUI NO BRASIL EM ALGUMAS VEZES. COMO FOI A EXPERIENCIA DE TOCAR POR AQUI, E O QUE CONHECE SOBRE A CENA DO METAL BRASILEIRO? E CLARO, NAO PODERIA DEIXAR DE PERGUNTAR, TOMARAM A NOSSA CERVEJA? SE SIM, O QUE ACHARAM?

GERRE - Foi muito bom tocar no Brasil, os fãs são realmente loucos e entusiasmados! Eu sei que vocês tem uma grande cena no metal, em especial um monte de fãs de Thrash Metal que é algo realmente incrível! Claro que tomei a Brahma e a Skol e nós amamos. Você deve saber que o único sentido do Tankard viajar ao redor do mundo é para provar todas as cervejas diferentes hahahaha .......

UNDERGROUND NEWZ - QUANDO OS FAS DO TANKARD PODERAO VÊ-LOS NOVAMENTE AQUI NO BRASIL?

GERRE - Nós estamos tentando ir no final deste ano ou no inicio de 2015 assim eu espero, mas nada está confirmado ainda, mas vamos voltar com certeza e estamos realmente ansiosos por isso!

UNDERGROUND NEWZ - GERRE, MAIS UMA VEZ, MUITO OBRIGADO PELA ESSA ENTREVISTA. FOI UMA SATISFAÇAO. GRANDE SUCESSO PARA A BANDA, E DEIXE UM RECADOS PARA OS SEGUIDORES DA UNDERGROUND NEWZ E PARA OS FAS!

GERRE - Obrigado por seu apoio, agradecemos a todos os fãs do Tankard em todo o mundo pelo apoio durante longos anos e não se esqueçam: o Thrash Metal nunca morrerá! Saúde!




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Tankard"


Tankard: Crystal é uma cerveja tão ruim quanto a HeinekenTankard
"Crystal é uma cerveja tão ruim quanto a Heineken"

Capas: as 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blogCapas
As 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blog


Planno D: 10 coisas que irritam metaleiros (vídeo)Planno D
10 coisas que irritam metaleiros (vídeo)

Kirk Hammett: Mustaine toca rápido e eu, melódicoKirk Hammett
"Mustaine toca rápido e eu, melódico"


Sobre Edilson Luiz Piassentini

Amante do metal desde os 13 anos de idade, fã indiscutível de King Diamond e Mercyful Fate, e também um grande apreciador das cervejas estilo Weiss e um dos editores do site Rock N'Breja! Rock e Cerveja, a combinação perfeita.

Mais matérias de Edilson Luiz Piassentini no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280