Prayers of Sanity: Apenas Metal entrevista banda portuguesa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruno Mariano, Fonte: Apenas Metal
Enviar correções  |  Ver Acessos

Certamente, entre Brasil e Portugal há mais em comum do que simplesmente língua e história. Assim como nós, os portugueses têm paixão por Heavy Metal. Sendo assim, não é de espantar que a terra de Camões seja berço de bandas incríveis, embora pouco conhecidas no Brasil. Para mudar esse quadro, o APENAS METAL entrevistou o PRAYERS OF SANITY, grupo de Thrash Metal formado na histórica cidade de Lagos, situada ao sul de Portugal. O grupo lusitano já lançou dois discos: "Religions Blindness" de 2009 e o matador e imperdível "Confrontations" deste ano. Leia abaixo a entrevista concedida pelo atencioso Tião Costa, guitarrista e vocalista da banda.

MMA: os lutadores que curtem Rock e Heavy MetalFotos de Infância: Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie Paul

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

APENAS METAL: Para iniciar a entrevista, gostaria que você nos contasse como o PRAYERS OF SANITY surgiu?

Tião: O PRAYERS OF SANITY surgiu em 2005 com três amigos que curtiam tocar metal, mas só começamos mesmo a tocar a sério em agosto de 2007 quando o baterista Bruno entrou na banda. A partir daí é que começamos a tocar para valer; daí passamos a pensar seriamente na banda.

APENAS METAL: "Confrontations" é o título do novo álbum, que foi lançado este ano. Fale-nos um pouco sobre o processo de criação do disco e como tem sido a recepção do público desde o lançamento.

Tião: Este álbum é mais maduro, mais inteligente. Em termos de composição foi um trabalho mais árduo, mas ficou do jeito que queríamos. Levou algum tempo para acabá-lo, mas tudo correu de forma impecável no fim. A recepção do público até tem sido bastante boa e temos tido umas reviews bastante porreiras*. Percebemos que ainda há muita malta** batendo cabeça ao som do Thrash Metal (risos).

APENAS METAL: Quais são as principais influências musicais do grupo? Cite algumas bandas que influenciaram a música que vocês fazem.

Tião: Há muitas! Muitas mesmo. Mas as principais influências são bandas como Exodus, Overkill, Destruction, Metallica, Megadeth, etc.


APENAS METAL: Sendo uma banda portuguesa, é mais fácil divulgar o trabalho do PRAYERS OF SANITY pelo resto da Europa ou fora do continente? Vocês já estiveram em outros países?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Tião: Não é por sermos Portugueses que é mais fácil divulgar pela Europa ou para fora. Se duvidar, é bem o contrário. Por sermos um país muito pequeno e numa das pontas da Europa, talvez seja até mais difícil. Mas nós acreditamos que quem realmente quer consegue. Portanto, só temos de continuar a lutar. E Já tivemos a oportunidade de tocar na Irlanda, Espanha, Alemanha e nos Estados Unidos, até agora.

APENAS METAL: Ao que me parece, nós, brasileiros, conhecemos poucas bandas portuguesas. Conte-nos como é o cenário lusitano de Metal. Vocês nos indicariam outras bandas daí?

Tião: O cenário é pequeno, mas bom. Temos muitas boas bandas em Portugal, mas o apoio dado à música não é muito grande. Aqui é uma batalha constante para que as bandas consigam tocar dentro ou fora do país. E claro que te indico outras bandas - e todas muito boas! Por exemplo: Switchtense, Wako, Seven Stitches, e muitas mais!


APENAS METAL: O PRAYERS OF SANITY já cogitou tocar na América do Sul? Por exemplo, no Brasil?

Tião: Seria um prazer termos essa oportunidade. Adoraríamos tocar aí. Sempre ouvimos dizer que o Brasil é louco por uma boa "Thrashalhada" (risos)!

APENAS METAL: Voltando aos álbuns, eu os parabenizo pela qualidade sonora de "Religion Blindness" e "Confrontations". Além do peso e rapidez, ambos são impecáveis no que diz respeito à gravação. Como o PRAYERS OF SANITY chegou a esse resultado? Digo isso porque, para bandas relativamente jovens, é difícil conseguir produções tão boas.

Tião: Penso que nesse aspecto até tivemos alguma sorte porque fomos falar com a pessoa certa no momento certo. As gravações do segundo álbum foram feitas por mim, mas a mixagem, masterização e a gravação do primeiro foram feitas pelo Miguel Carvalho da Dalma Productions. Ele tem feito um trabalho brutal e, durante a produção do "Religion Blindness", ele ainda estava começando. Atualmente, ele está trabalhando ainda melhor. E acredito que o Miguel continuará a ser a pessoa com a quem trabalharemos no próximo disco.

APENAS METAL: Quais são os planos para o futuro?

Tião: No momento, estamos divulgando o "Confrontations"; estamos tentando marcar alguns concertos fora do país. Quanto ao futuro, veremos! Por enquanto, vamos continuar a tocar e a nos preparar para um novo álbum, certamente.

APENAS METAL: Por fim, abro um espaço para que vocês deixem uma mensagem para os headbangers brasileiros.

Tião: Fiquem atentos às novidades dos PRAYERS and keep on Thrashing!

Conheça mais sobre a banda PRAYERS OF SANITY:
http://www.facebook.com/prayersofsanity
http://www.myspace.com/PRAYERSOFSANITY

* Porreira - expressão usada em Portugal cujo significado é "excelente", "ótimo".
**Malta - expressão que significa "grupo de desordeiros" ou "galera" numa tradução livre.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Prayers of Sanity"


MMA: os lutadores que curtem Rock e Heavy MetalMMA
Os lutadores que curtem Rock e Heavy Metal

Fotos de Infância: Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie PaulFotos de Infância
Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie Paul


Sobre Bruno Mariano

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline