Matérias Mais Lidas

João Gordo: ele diz não ser representante do metal e cita os verdadeirosJoão Gordo
Ele diz não ser representante do metal e cita os "verdadeiros"

Há quem goste: As 10 bandas mais odiadas do universoHá quem goste
As 10 bandas mais odiadas do universo

K.K. Downing: De onde o Iron Maiden tira tanta energia?K.K. Downing
"De onde o Iron Maiden tira tanta energia?"

Metallica: a palavra mais presente nas letras da banda é...Metallica
A palavra mais presente nas letras da banda é...

Black Sabbath: o que Geezer Butler não suportava em Ozzy que o fez adorar DioBlack Sabbath
O que Geezer Butler não suportava em Ozzy que o fez adorar Dio

1983: 15 grandes álbuns lançados no ano que o mundo conheceu o Metallica e o Slayer1983
15 grandes álbuns lançados no ano que o mundo conheceu o Metallica e o Slayer

Helloween: Comemorando três décadas de história em primeiro disco com nova formaçãoHelloween
Comemorando três décadas de história em primeiro disco com nova formação

Rainbow: a incrível semelhança entre Stargazer e o filme Mágico de OzRainbow
A incrível semelhança entre "Stargazer" e o filme "Mágico de Oz"

Roberto Barros: Até ouvir Angra eu não gostava de power metal, revela o guitarristaRoberto Barros
"Até ouvir Angra eu não gostava de power metal", revela o guitarrista

Thrash metal: dez grandes álbuns do estilo que foram lançados em 1990Thrash metal
Dez grandes álbuns do estilo que foram lançados em 1990

Relax: 20 músicas para ouvir e acalmar os ânimos nos dias de fúriaRelax
20 músicas para ouvir e acalmar os ânimos nos "dias de fúria"

Nirvana: Dave Grohl revela como foi seu primeiro dia após morte de Kurt CobainNirvana
Dave Grohl revela como foi seu primeiro dia após morte de Kurt Cobain

Death metal: vocalista do At The Gates diz qual banda inventou o estiloDeath metal
Vocalista do At The Gates diz qual banda "inventou" o estilo

1984: 15 grandes discos lançados em um dos anos mais impressionantes da música pesada1984
15 grandes discos lançados em um dos anos mais impressionantes da música pesada

Helloween: confira lyric video de Best Times, música do novo discoHelloween
Confira lyric video de "Best Times", música do novo disco


Stamp
Pentral

Ira: O grande álbum solo do baixista original

Resenha - Gaspa - Bass Player

Por Alexandre Campos Capitão
Em 06/09/15

O baixista original do grupo cult paulistano mostra em seu vôo solo que há vida sim fora do Ira. E uma vida com classe e elegância. Gaspa – The Bass Player é um discaço de rock´n roll, e nos provoca a sensação de nunca ter dado a devida atenção ao seu talento.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quando o Ira surgiu a referência para analisa-los eram as chamadas bandas mod. Em parte porque realmente eram uma influência no seu visual e som, e em parte porque a mídia de ontem e sempre, usa a comparação como forma de expressar sua mediocridade. E se formos utilizar a comparação para falar sobre Ricardo Gaspa, encontramos muitas semelhanças com o baixista do The Who, Mr. John Entwistle. A postura discreta no palco, a performance contida, em contraste com a solidez sonora de uma parede de abrigo anti-atômico.

Enquanto o guitarrista e o vocalista se estapeiam por qualquer fiapo de spot light, era o baixista quem ganhava respeito. Qualquer semelhança não é mera coincidência. Embora Edgar Scandurra seja um baita guitarrista, Nasi seja uma figuraça que merece respeito, e o batera André Jung não seja engraçado como Ketih Moon, é Gaspa quem revela talento e bom gosto, muitas vezes oculto pelo seu perfil low profile, mas que fica em evidência nesse seu disco solo.

Quem acompanha a movimentação do Gaspa na noite paulistana, sabe que não é novidade nenhuma sua incursão pelo rockabilly, pelo blues, pelo rock´n roll clássico e todo esse universo. E é nessa linha que The Bass Player caminha.

O álbum abre com Sobre o Outono, um rockão com baixo de pau comendo solto, e você já começa a sentir seu joelho entortando, aquele famoso sintoma que os ortopedistas chamam de Espasmo Evispreslyano.

Em seguida vem Outubro de 65, uma canção de Marcelo Nova, o maior rocker do país, extraída do excelente O Galope do Tempo. Um riff de guitarra matador, arranjo classudíssimo, e o mérito da dupla Gaspa/Nova não ter caído na tentação oitentista da deliciosa Simca Chambord, tornando tudo ainda mais divertido.

Na terceira faixa, o que havia começado bem, consegue subir mais um degrau, e ganha o respeito definitivamente. Gaspa conduziu o álbum de maneira a se anistiar da ditadura Stray Cats. Eu explico. Se foram Eddie Cohram, Gene Vincent, Carl Perkins, os criadores do rockabilly, o trio dos gatos vadios liderados por Brian Setzer fez a coisa com tanta competência, 30 anos depois, que estabeleceu um novo padrão, tudo que é rock´n roll após seu surgimento, vem com seu selo de homologação. Seja nas linhas de guitarra, na performance, na bateria tocada em pé, seja lá no que for. Ah, meu amigo, mas esse Gaspa é liso, e quando o Stray Cats tentou lhe cravar as unhas, ele meteu o pé no seu rabo e continuou sentado no sofá do rock´n roll clássico, mas com personalidade própria, sem nenhum pelo de bichano em sua roupa. Mistério é uma canção que resume do que se trata esse álbum, uma bela produção, climática cinquentista, grandes guitarras, baixo sólido, tudo vintagemente bem escolhido.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A balada Eu Não Consigo Ser Alegre o Tempo Inteiro é de autoria de Wander Wildner e traz o próprio nos vocais, conduzido e conduzindo ao lado de um belo slide guitar. Tudo de Mim é fruto da parceria Gaspa/Scandurra, e o vocal de Karol Sun faz lembrar algum dos melhores momentos dos Mutantes, talvez pelo efeito em sua voz.

O clássico do Ira Tanto Quando Eu, serve para escancarar o quanto Gaspa domina o baixão acústico, sua técnica coloca o rabecão em primeiro plano. Marcelo Nova retorna tirando onda, "é, menino Gaspa, a coisa tá assim". Enquanto o bass player se aventura cantando.

"Amor cigano, sigamos, então", nos versos de Ciganos, embala outra bela balada, que dispensa a leitura das mãos.

Tarde Vazia nos lembra de quão talentoso compositor Gaspa é. Essa linda canção não sairia das mãos de qualquer um. Karol Sun retoma os vocais, e dessa vez sua voz me transportou para o timbre vocal de uma mulher ao telefone. Pode ser que tenha sido induzido a pensar isso pela letra da canção. De qualquer forma, é maravilhoso quando uma canção produz imagens dentro de nós.

Rosa dos Ventos é outra que reforça o terreno que Gaspa quer estacionar sua Vespa. Expandindo seu som, mas mantendo o sotaque que o agrada.

Wander Wildner assume novamente o vocal para fechar a conta. O Tolo dos Tolos deixa tudo claro, tolo mesmo é quem não coloca Gaspa no lugar que merece. Mas ele não parece preocupado com isso, mantém sua expressão impávida, assim como John Entwistle, assim como todos que sabem o que estão fazendo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Gaspa – The Bass Player está entre os melhores álbuns entre todos da família Ira, onde incluo a própria discografia do grupo, e os demais discos solo dos seus integrantes, ou ex-integrantes. Não, não é exagero. O Ira acertou muito, mas quando errou, errou pra valer. Quando seus membros pulavam a cerca para transar com rap, música eletrônica, ou quem quer que abrisse as pernas pra eles, voltavam sempre pra casa com marcas de batom e cheirando perfume de outra, nunca deixando essas escapadas apenas no quarto das suas amantes. Ao meu ver, essas aventuras lhes fizeram mais mal do que bem. Diferente dos puladores de cerca Nasi e Escandurra, Gaspa não cometeu esses pecados, e se o fez, fez como se deveria, sem deixar rastros. Se experimentou outros braços deixou isso apenas na memória, sem abalar seu casamento. Ele é fiel. Os carros conversíveis, a lambreta, o topete, as costeletas, são testemunhas. Gaspa é rock´n roll. E vice versa.

Você pode comprar esse álbum diretamente com o próprio Gaspa por um preço inacreditável e autografado no link: gaspathebassplayer.mercadoshops.com.br/.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Arte Musical
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Edgard Scandurra: Os cinco guitarristas que mais me influenciaram (vídeo)Edgard Scandurra
"Os cinco guitarristas que mais me influenciaram" (vídeo)

Ira!: Por grana, Scandurra vendeu quatro guitarras durante pandemia (vídeo)Ira!
Por grana, Scandurra vendeu quatro guitarras durante pandemia (vídeo)

Ira!: "7", álbum de 1996, é lançado em streaming

Ira!: Scandurra fará lives alusivas aos seus 40 anos de carreira

Ira!: por que eles não são pop rock - e o que os diferencia, segundo Scandurra


Nasi: Chorão foi o maior roqueiro de sua geraçãoNasi
"Chorão foi o maior roqueiro de sua geração"

Ira!: Edgard Scandurra comenta a polêmica Pobre PaulistaIra!
Edgard Scandurra comenta a polêmica "Pobre Paulista"

Rock Nacional: Os 15 melhores riffs de guitarraRock Nacional
Os 15 melhores riffs de guitarra


Metallica, Guns, Slipknot, Kiss: tombos, erros e fatos engraçadosMetallica, Guns, Slipknot, Kiss
Tombos, erros e fatos engraçados

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos