Delain: "The Human Contradiction", o álbum mais recente

Resenha - Human Contradiction - Delain

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Sobreira
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


A banda holandesa, praticante de um Melodic Symphonic Metal encorpado e único, com alguns elementos "pop", desde 2006 nos proporciona um som rico em detalhes e com refrãos e melodias memoráveis. Capitaneado pelo tecladista Martijn Westerholt com a ajuda da vocalista Charlotte Wessels, nesse novo álbum mostram o que de melhor podem nos oferecer e um pouco mais!
5000 acessosInstagram: as fotos mais legais do perfil de James Hetfield5000 acessosSystem Of A Down: Daron Malakian ensina como ser músico

A identidade musical de um grupo é sem duvida fundamental para a satisfação dos fãs e ouvintes. Felizmente, o Delain nunca sofreu desse mal, sempre se aprimorando e evoluindo, sem se esquecer de quem é. O álbum se apresenta um pouco mais sombrio em relação aos anteriores, moderno como sempre, aliando peso e melodia em diversas passagens marcantes e sempre apostando em bons trabalhos de produção e gravação. Não sei se é impressão minha, mas, parece que as guitarras e o baixo estão um pouco mais evidentes... Sera? Além disso, posso afirmar que todas as músicas são muito boas mesmo, mas sempre existem aquelas com as quais nos apegamos mais, e no meu caso cito : "Stardust", "My Masquerade", "Sing To Me", "Army Of Dolls" e o encerramento com "The Tragedy Of The Commons" (com participação especial de Alissa White-Gluz).

Confira também "Your Body Is A Battleground", "Tell Me, Mechanist" e "Lullaby" e sinta os climas sombrios e envolventes em fusão a velha sonoridade caracteristica. O teclado e as orquestrações são indispensáveis na banda e necessários nas composições, e mesmo assim, Martijn não é daquele tipo de musico e líder egoísta, que quer ser sempre o destaque e ponto final, nada disso aqui, pois todos outros músicos tem seu espaço para chamar a atenção igualmente e para juntos fazerem a maquina funcionar.

O álbum marca também o retorno de Marco Hietala (Nightwish, Tarot) que volta a participar como convidado cantando em duas faixas e não faz feio, sendo que desde o primeiro álbum dá seu apoio a banda, onde se encaixa muito bem.

Se ainda não conhece o Delain, pode começar por esse aqui mesmo, pois não perderá seu tempo !

Track List :

1. Here Come the Vultures
2. Your Body Is a Battleground
3. Stardust
4. My Masquerade
5. Tell Me, Mechanist
6. Sing to Me
7. Army of Dolls
8. Lullaby
9. The Tragedy of the Commons

Line Up :

Martijn Westerholt - Keyboards
Charlotte Wessels - Vocals and Lyrics
Sander Zoer - Drums
Otto Schimmelpenninck van der Oije - Bass
Timo Somers - Guitars

Lançamento : 04 De Abril De 2014 / Napalm Records

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Delain"

Musas do MetalMusas do Metal
As bandas que elas ouvem quando estão em casa

DelainDelain
Baixista quase perde testículo no palco - veja vídeo

DelainDelain
Vídeo da ruptura de testículo de baixista em pleno palco

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Delain"

InstagramInstagram
As fotos mais legais do perfil de James Hetfield

System Of A DownSystem Of A Down
Daron Malakian ensina como ser músico

MotorheadMotorhead
Escolhido o nome de banda mais legal pela Spin

5000 acessosA Vida Pós-bilau: vocalista do Life of Agony abre o jogo5000 acessosEpica: veja fotos da irmã mais nova de Simone Simons5000 acessosPara tocar: O que são tablaturas e como usá-las?5000 acessosMötley Crüe: "A morte dói", diz o baixista Nikki Sixx5000 acessosMetallica: Hetfield e a última vez que ele mandou Lars se fuder5000 acessosW. Axl Rose: "ele é tudo que falta no rock de hoje", diz Fortus

Sobre Vitor Sobreira

Moro no interior de Minas Gerais e curto de tudo um pouco dentro do maravilhoso mundo da música pesada, além de não dispensar também uma boa leitura, filmes e algumas séries. Mesmo não sendo um profissional da escrita, tenho como objetivos produzir textos simples e honestos, principalmente na forma de resenhas, apresentando e relembrando aos ouvintes, bandas e discos de várias ramificações do Metal/Heavy Rock, muitos dos quais, esquecidos e obscuros.

Mais matérias de Vitor Sobreira no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online