Matérias Mais Lidas

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemStjepan Juras retruca comentário de Regis Tadeu sobre reencontro de Di'Anno e Harris

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemMorre Andy Fletcher, tecladista e membro fundador da banda Depeche Mode

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemMorre Alan White, baterista do Yes e que gravou a clássica "Imagine", de John Lennon

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemComo era a problemática relação do Angra no "Aurora Consurgens", segundo produtor

imagemA apaixonada opinião de Elton John sobre "Nothing Else Matters", clássico do Metallica

imagemZakk Wylde relembra ídolo: "tão relevante quanto Bach, Beethoven e Mozart"

imagemA banda de forró que uniu Nenhum de Nós, Legião, Titãs e Paralamas na mesma música

imagemProdutor de "Temple of Shadows" conta problemas que teve com voz de Edu Falaschi

imagemMichael Anthony diz que "Van Halen III" foi "a coisa mais louca que a banda já fez"


Black Warts: Estreia traz dez músicas com muita personalidade

Resenha - No More Lies - Black Warts

Por Tadeu Salgado
Em 02/11/14

Nota: 10

NO MORE LIES é o álbum de estréia da BLACK WARTS. E com certeza, uma grata surpresa. A banda dedicou 2 anos para terminá-lo, e o resultado são 10 músicas com muita personalidade. Destaque para a música que batiza o álbum, No More Lies.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

O disco abre com Sands of Time, uma pancadaria que faria Darrell Dimebag sorrir como criança. Começa lenta, mas em segundos a vontade de bater cabeça fica incontrolável.

O pacto entre o diabo e o Blues continua vigorando. Prova disso é Bridge of Hell, a segunda faixa do álbum, onde a banda une guitarras slide com um refrão pesado e viscoso. Destaque para a interpretação visceral do vocal, dando boas vindas ao próprio senhor do mal.

To Forget, a terceira faixa, é o exemplo perfeito de melodia vocal e instrumental pesado! Destaque para as mudanças de andamento. Um grande trabalho do batera!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

No More lies é parada obrigatória! As guitarras abrem os trabalhos e mais parecem escadas que conduzem ao céu ou as lágrimas de um anjo caído. O resto da banda logo entra na jogada mostrando o que é rosnar como a ira de um javali de uma tonelada com sangue nos olhos. E o mais incrível é que tudo isso acontece com pitadas de música clássica. A banda conseguiu nessa faixa uma assombrosa harmonia entre o bem e o mal.

Long Roads: Trabalho difícil ser a faixa seguinte a um hino como No more lies. Mas, quer saber? Long roads em nada perde para a faixa anterior. A primeira balada do disco traz uma surpresa atrás da outra. Impossível não se empolgar com as mudanças de andamento. O Ministério da Saúde adverte: refrão altamente viciante!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Você já se imaginou em uma camisa de força? Pois é! Paranoia, a sexta faixa coloca você dentro de uma cabeça perturbada na velocidade de um trem desgovernado! Destaque mais uma vez para os riffs de guitarra. O vocal, em determinado momento parece cuspir de raiva em uma autêntica paranoia!

Sin Road: Um verdadeiro soco no estômago! Teria como falar de estrada do pecado sem cometer um? Sem chance! A banda mandou ver com muita fúria na execução. As guitarras do final parecem sinos anunciando a chegada de algo.

Tudo fica mais claro com a chegada da próxima faixa, Creatures of Night, uma balada que promete conquistar você com uma melodia marcante e solos de guitarra que são um convite ao paraíso. Na letra, a eterna briga das criaturas da noite que nos rodeiam e o medo de olhos vermelhos ao nosso lado.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Black Warts: Adrenalina e tensão são as marcas da música que leva o nome da banda! Dá vontade de ser um verruga negra, um diferente que incomoda, que faz a diferença! Sonzeira que obriga a levantar o volume no máximo!

Bad Sacristan: Uma das grandes surpresas do album. Você já ouviu um Pai Nosso sombrio? Essa é a oportunidade! E não é só isso, a pancadaria que segue é de ranger dentes e formar rodas punk. O mais incrível é que a música foi inspirada em fatos reais! Um belo fechamento em uma história que recém se inicia!

E para fechar com chave de ouro, o CD contou com profissionais de peso de nível mundial. Michael Barbiero, mixer de inúmeras bandas consagradas, como Guns n Roses, Metallica e Anthrax e que já mixou álbuns históricos e marcantes, como "Apettite for Destruction" (Guns) e "And Justice for All" (Metallica); e Greg Calbi, que masterizou Deep Purple, John Lennon, The Beatles, Bob Dylan, Rolling Stones, Anthrax, dentre outros, esteve no comando do tratamento das frequências do CD da Black Warts no Sterling Sound Studio, em New York.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ficha Técnica
Selo: Black Warts
Gêneros: Heavy metal, Hardcore

Track-list:
1. Sands of Time [5:11]
2. Bridge of Hell [4:13]
3. To Forget [3:39]
4. No More Lies [4:56]
5. Long Roads [5:10]
6. Paranoia [4:36]
7. Sin Road [4:19]
8. Creatures of Night [4:38]
9. Black Warts [4:27]
10. Bad Sacristan [4:23]

A BLACK WARTS é formada pelos integrantes Zatara Wart (Guitarra), Maguila Wart (Bateria), Kuko Wart (Guitarra), Adrian Wart (Vocal) e Régis Wart (Baixo).

http://www.blackwarts.com
http://www.facebook.com/blackwarts
http://www.twitter.com/BlackWarts
http://www.youtube.com/BlackWartsTV

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Garimpeiro das Galáxias: Beldades globais e sua paixão pelo rock


Sobre Tadeu Salgado

Natural de Varginha, reside em Niterói, onde graduou-se em Produção Cultural na Universidade Federal Fluminense. Já trabalhou com importantes diretores de cinema, tv e teatro como Domingos Oliveira, Marcos Paulo, Paulo Betti e Suzana Krugger. É editor da Agenda do Headbanger, agenda cultural online com informacões dos principais shows de rock e metal no Brasil.

Mais matérias de Tadeu Salgado.