RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemPor que Lemmy odiava tocar "Ace of Spades" nos shows do Motörhead

imagemOmelete diz que heavy metal pertence agora à nova geração e não ao tiozão headbanger

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemO conselho realista de John Petrucci para bandas que estão começando agora

imagem"Quem não gosta de Beatles bom sujeito não é", diz João Gordo

imagemQuatro músicas de artistas brasileiros que citam Os Paralamas do Sucesso

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagemClipe de "From The Ashes" ultrapassa 1 milhão de views e Fernanda Lira celebra

imagem5 motivos para assistir ao novo RockGol 2023 que estreia em fevereiro

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemA atitude punk da Legião Urbana que causou irritação e deu trabalho na gravação

imagemAlírio Netto diz que foi um privilégio cantar no Shaman


Accept: Em 1981, o caminho encontrado com o "Breaker"

Resenha - Breaker - Accept

Por Johnny Paul Soares
Postado em 14 de fevereiro de 2014

O Accept fixou seu estilo musical no topo da montanha com seu terceiro trabalho de estúdio, Breaker, lançado em 1981. Com os integrantes Udo Dirkschneider (vocal), Wolf Hoffmann e Jorg Fischer (guitarras), Peter Baltes (baixo e vocais) e Stefan Kauffmann (bateria) fartos de pessoas de fora interferirem na música da banda, e culminando com as tentativas frustrantes de vender os álbuns Accept (1979) e I'm A Rebel (1980), decidiram se isolar para fazerem um trabalho digno e consistente, e resultou em Breaker.

Considerando que o álbum foi gravado entre dezembro de 1980 e janeiro de 1981, é de se surpreender o que os caras fizeram e a influência matadora que teriam na música. Breaker serviu de ponte para a era de ouro que se seguiu nos anos seguintes.

O disco já abre com a paulada Starlight, com Udo atingindo incríveis notas e agudos. Já a rápida Breaker, diga-se de passagem, é uma amostra do que viria a ser o seu disco seguinte. Run If You Can vem em seguida fazendo ótima dobradinha com sua antecessora. Can't Stand The Night dá aquela pausa na loucura toda e baixa a poeira e, mesmo assim, é um dos pontos altos do disco. Son Of A Bitch foi composta pelos alemães depois de escutarem a namorada (na época) de Don Dokken, que estava no Delta Studios, dizer alguns palavrões em inglês, o que fez Hoffmann pensar que daria em música. Gravaram esse porrete avassalador de insultos e colocaram a letra censurada na contra-capa de propósito... e houve polêmicas.

Burning é aquele Rock N' Roll mesclado com Heavy Metal que faz até aquele que não gosta balançar a cabeça. Feelings (a minha preferida) levanta a bandeira do Rock em um refrão que diz que "é Rock para sempre e sempre". Midnight Highway é um rockaço a la AC/DC e mostra o quanto esta mesma banda tem influência no Accept. Breaking Up Again é uma balada cantada por Peter Baltes e torna a atmosfera mais calma para dar sequência à Down And Out, que nasce com a bateria de Stefan Kauffmann para dar o pontapé inicial nas guitarras ferozes de Jorg Fischer e Wolf Hoffman e fechar o disco com respeito.

O álbum foi gravado no Delta Studios, Wilster (Alemanha), lançado pelo selo Brain (Alemanha) e Reprise (Estados Unidos) com produção de Dirk Steffens.

Todas as músicas são assinadas pelos integrantes do Accept.

01 Starlight
02 Breaker
03 Run If You Can
04 Can't Stand the Night
05 Son of a Bitch
06 Burning
07 Feelings
08 Midnight Highway
09 Breaking Up Again
10 Down And Out

Créditos:

Udo Dirkschneider - Vocais
Wolf Hoffmann - Guitarras
Jörg Fischer - Guitarras
Peter Baltes - Baixo, vocal de apoio e vocal principal em "Breaking Up Again"
Stefan Kaufmann - Bateria e vocal de apoio

Dirk Steffens - Produção

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Accept: Udo está cansado de comparações

Kai Hansen: escolhendo as dez maiores bandas de metal da Alemanha

Apocalipse: confira 5 das melhores músicas sobre o tema


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal