Alice in Chains: Lado mais acústico com temas mais mórbidos

Resenha - Alice In Chains - Alice In Chains

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rodrigo Noé de souza
Enviar Correções  

7


Após o aclamado acústico gravado pela MTV, a Alice In Chains ainda resistia bravamente no cenário, enquanto as bandas contemporâneas, Soundgarden e Pearl Jam, continuavam no auge, apesar da moda grunge se esfacelar aos pedaços (vide a morte de Kurt Cobain, em 1994).

Alice in Chains: como Jerry Cantrell se tornou uma espécie de co-vocalista da banda

Metal Extremo: algumas bandas que você precisa ouvir

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Seu terceiro disco, intitulado simplesmente com o nome da banda (que ficou conhecido como Tripod, ou a capa do cão de três pernas), ficou conhecido como o último álbum lançado, com Layne Staley nos vocais.

Mesmo não sendo tão bem sucedido como foi o Dirt (1992), Alice In Chains possui destaques como Heaven Beside You, Grind e Again. Ouvindo-o, dá para sacar que a banda absorveu mais seu lado acústico, enquanto, liricamente, Staley se deu bem ao abordar temas mais mórbidos. Mas, o destino seria mais cruel daqui em diante.

Com isso, o álbum estreou muito bem na Billboard, na 1ª posição. A revista Rolling Stone descreveu-o, como um "renascimento musical", enquanto The New York times comentou que o som era "claramente delineado e meticulosamente coberto por camadas acústicas".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Porém, o futuro da banda foi selado quando o Alice In Chains interrompeu suas atividades, dando início a um hiato que duraria 14 anos, contando com um episódio que mudaria os rumos. Seu vocalista, Layne Staley, foi encontrado morto, em seu apartamento, em Seattle (EUA), em estado de decomposição. Coincidentemente, ele morreu no dia 8 de abril de 2002, devido à uma overdose de heroína; exatos oito anos depois do suicídio de Kurt Cobain.

Formação:

Layne Staley – vocal
Jerry Cantrell – guitarra/vocal
Mike Inez – baixo
Sean Kinney – bateria

Tracklist:

1-Grind
2-Brush Away
3-Sludge Factory
4-Heaven Beside You
5-Head Creeps
6-Again
7-Shame In you
8-God Am
9-So Close
10-Nothin Song
11-Frogs
12-Over Now

Confiram os vídeos abaixo.


Outras resenhas de Alice In Chains - Alice In Chains

Alice in Chains: resenha do álbum Alice in Chains (1995)


Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline