Matérias Mais Lidas

Metallica: a palavra mais presente nas letras da banda é...Metallica
A palavra mais presente nas letras da banda é...

Megadeth: gravações de baixo do David Ellefson para o novo disco serão descartadasMegadeth
Gravações de baixo do David Ellefson para o novo disco serão descartadas

DJ Ashba: ele ficou milionário com o Guns N' Roses, e conta o segredoDJ Ashba
Ele ficou milionário com o Guns N' Roses, e conta o segredo

Black Sabbath: o que Geezer Butler não suportava em Ozzy que o fez adorar DioBlack Sabbath
O que Geezer Butler não suportava em Ozzy que o fez adorar Dio

Helloween: ouça o álbum Helloween, que marca voltas de Michael Kiske e Kai HansenHelloween
Ouça o álbum "Helloween", que marca voltas de Michael Kiske e Kai Hansen

Roberto Barros: Até ouvir Angra eu não gostava de power metal, revela o guitarristaRoberto Barros
"Até ouvir Angra eu não gostava de power metal", revela o guitarrista

Massacration: quando Kiko Loureiro criticou a banda - e supostamente arregou para elesMassacration
Quando Kiko Loureiro criticou a banda - e supostamente arregou para eles

Hellfest 2022: anunciado megafestival com 350 bandasHellfest 2022
Anunciado megafestival com 350 bandas

1984: 15 grandes discos lançados em um dos anos mais impressionantes da música pesada1984
15 grandes discos lançados em um dos anos mais impressionantes da música pesada

Nightwish: Auri, projeto de Tuomas e sua esposa, lança vídeo para Pearl DivingNightwish
Auri, projeto de Tuomas e sua esposa, lança vídeo para "Pearl Diving"

Megadeth: revelados detalhes do caso envolvendo vazamentos de David EllefsonMegadeth
Revelados detalhes do caso envolvendo vazamentos de David Ellefson

Troca-troca: dez músicos que mudaram de instrumento ao longo da carreiraTroca-troca
Dez músicos que mudaram de instrumento ao longo da carreira

Van Halen: Wolfgang diz que show para homenagear Eddie é uma grande ideiaVan Halen
Wolfgang diz que show para homenagear Eddie é uma grande ideia

Led Zeppelin: cientistas batizam nova espécie de sapo em homenagem ao grupoLed Zeppelin
Cientistas batizam nova espécie de sapo em homenagem ao grupo

Led Zeppelin: quanto eles conseguiam arrecadar por show no auge da bandaLed Zeppelin
Quanto eles conseguiam arrecadar por show no auge da banda


Arte Musical
Stamp

Symphony X: dose maior de peso em novo CD

Resenha - Paradise Lost - Symphony X

Por Ricardo Seelig
Em 27/06/07

publicidade

Nota: 9

Uma primeira audição de "Paradise Lost", novo álbum do Symphony X, indubitavelmente assustará qualquer fã ou conhecedor do trabalho do grupo. Por mais que "The Odyssey", último CD da banda, já trouxesse uma dose muito maior de peso, ele é ínfimo se comparado ao que o grupo fez em seu novo disco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

As passagens intricadas não poderiam faltar, assim como as influências clássicas que sempre caractertizaram a banda. Em contrapartida, o clima épico das composições está muito mais evidente. Mas o que realmente chama a atenção em "Paradise Lost" é o peso espetacular de suas dez faixas. A guitarra está na cara, a cozinha está matadora, o teclado mais parece uma segunda guitarra. Aliás, Michael Romeo e Jason Rullo estavam especialmente inspirados, e estraçalham seus instrumentos sem dó durante todo o álbum. Mas, por mais que todos os integrantes do Symphony X sejam verdadeiros virtuoses em seus intrumentos (e o são), nada se compara ao que o vocalista Russel Allen faz em "Paradise Lost".

Esqueça aquele vocal mais limpo de discos como "The Divine Wings Of Tragedy" ou "V: The New Mithology". Já na primeira faixa, "Set The World On Fire (The Lie Of Lies)", a voz de Allen surge quase gutural, agressiva como nunca esteve, e mostrando mais uma vez o porque de ele ser considerado por muitos um dos melhores vocalistas e intérpretes do planeta. Sua performance é de cair o queixo.

Musicalmente, as canções seguem estruturas similares às apresentadas em "The Odissey", mas com uma quantidade muito maior de riffs de guitarra. Eu não percebi, conforme li em vários reviews, a presença de elementos de power metal em algumas faixas. O que realmente fica evidente é que Michael Romeo compôs "Paradise Lost" ouvindo muito thrash metal, já que várias canções mostram a adição de influências deste estilo. E o resultado, como era de se esperar, é, no mínimo excelente.

Faixas de destaque? A intro "Oculus Ex Inferni", "Set The World On Fire (The Lie Of Lies"), "Domination" (a minha preferida em todo o disco – que refrão!!!), a belíssima "Paradise Lost" (na minha opinião de fã – e não apenas de crítico – uma das melhores músicas da carreira da banda, com linhas vocais muito bonitas de Russel Allen), a fritação de "Eve Of Seduction", "The Walls Of Babylon" (com coros vocais não menos que espetaculares e toques egípcios em seu arranjo), "Seven" e a excelente "Revelation (Divus Pennae Ex Tragoedia)", que fecha o CD.

"Paradise Lost" é um álbum diferente de todos os discos que você já ouviu do Symphony X. É mais pesado, muito mais agressivo, mas nem por isso menos brilhante. É um álbum muito mais METAL do que PROG. O talento que levou o grupo liderado por Michael Romeo a se transformar em uma das grandes bandas de heavy metal do planeta continua marcante, e fazendo a diferença.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Recomendável.

Faixas:
1. Oculos Ex Inferni
2. Set The World On Fire (The Lie Of Lies)
3. Domination
4. The Serpent´s Kiss
5. Paradise Lost
6. Eve Of Seduction
7. The Walls Of Babylon
8. Seven
9. The Sacrifice
10. Revelation (Divus Pennae Ex Tragoedia)


Outras resenhas de Paradise Lost - Symphony X

Symphony X: renovado, com garra e energia de sobra

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Pentral
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Symphony X: por que eles mereciam estar no nível do Dream Theater, segundo PortnoySymphony X
Por que eles mereciam estar no nível do Dream Theater, segundo Portnoy


Symphony X: por que eles mereciam estar no nível do Dream Theater, segundo PortnoySymphony X
Por que eles mereciam estar no nível do Dream Theater, segundo Portnoy

Dream Theater: Jordan Rudess não gosta de ouvir Prog MetalDream Theater
Jordan Rudess não gosta de ouvir Prog Metal

Metal Progressivo: os dez melhores álbuns do estiloMetal Progressivo
Os dez melhores álbuns do estilo


Black Sabbath: um Tony Iommi que você não conheciaBlack Sabbath
Um Tony Iommi que você não conhecia

The Voice Kids: garotinha canta Led Zeppelin e conquista todosThe Voice Kids
Garotinha canta Led Zeppelin e conquista todos


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig.