Resenha - Instinto Coletivo Ao Vivo - O Rappa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rodrigo Simas
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9


Uma das maiores bandas brasileiras da atualidade, O RAPPA, lança esse ousado duplo ao vivo com algumas faixas inéditas (inclusive uma com a participação do Sepultura), uma produção gráfica muito bem feita e uma grande divulgação. O show foi gravado em Porto Alegre, terra de loiras lindas, no famoso bar Opinião, que já recebeu bandas desde Deep Purple até, recentemente, o Savatage e o guitarrista Yngwie Malmsteen.

Tatuagens: Homenagens a artistas e bandas na pele dos fãs - Parte 1Pensadores e autores que inspiraram o Heavy Metal: Friedrich Nietzsche

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O set list é impecável e conta com as já clássicas "Tumulto" (que abre o show), "Miséria S.A.", "Me Deixa", "Minha Alma" e "Homem Amarelo" entre outras, todas apresentadas em versões muito energéticas com uma performance carismática do vocalista Marcelo Falcão e muito, muito som.

A platéia participa ativamente de todas as músicas, o que dá uma cara bem mais legal para este Instinto Coletivo ao Vivo, fazendo com que este seja um CD essencial para qualquer fã da banda. O RAPPA é daqueles grupos que não apenas fala e reclama das coisas que estão erradas no Brasil (e no mundo) atualmente, mas que também corre atrás para tentar ajudar a resolver os problemas que são uma triste realidade no nosso país.

O segundo CD ainda traz mais 5 faixas inéditas. A primeira, "Ninguém Regula a América" traz participação do Sepultura, com uma letra super atual e vocais nervosos de Derick (vocalista do Sepultura) e de Falcão. Excelente. Também fazem parte desse lançamento: "Milagre", a boa "Instinto Coletivo", "Fica Doido Varrido" e a última "RAM/REMIX ADF".

Parabéns ao RAPPA pelas suas iniciativas e mais ainda por ser uma das poucas bandas verdadeiras e que se preocupam com o que acontece no país onde vivemos. Apoiem a FASE (uma das mais antigas ONGs do Brasil): faça sua doação em qualquer agência do Bradesco, agência 227-5, conta 94996-5. Mais informações no CD do O RAPPA ou no endereço www.portaldovoluntario.com.br.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Rappa"


Rock in Rio 2001: boicote de bandas nacionais foi uma bobagem, diz Roberta MedinaRock in Rio 2001
Boicote de bandas nacionais foi uma "bobagem", diz Roberta Medina


Tatuagens: Homenagens a artistas e bandas na pele dos fãs - Parte 1Tatuagens
Homenagens a artistas e bandas na pele dos fãs - Parte 1

Pensadores e autores que inspiraram o Heavy Metal: Friedrich NietzschePensadores e autores que inspiraram o Heavy Metal
Friedrich Nietzsche


Sobre Rodrigo Simas

Designer, carioca e tricolor. Começou a ouvir música aos 11 anos, com Iron Maiden, Metallica e Rush. Tem como hobby quase profissional, a música. Além de produzir shows e eventos, trabalhou por 5 anos em loja especializada em Heavy Metal, e já escreveu para alguns sites e revistas de música. Hoje escuta de tudo um pouco, e cada vez mais descobre que existem apenas dois tipos de música: a boa e a ruim, independente do estilo. Bandas e artistas favoritos: Dave Matthews Band, Peter Gabriel, Rush, Iron Maiden, Led Zeppelin, Ben Harper, Radiohead, System of a Down... e a lista continua...

Mais informações sobre Rodrigo Simas

Mais matérias de Rodrigo Simas no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336