Matérias Mais Lidas

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemRitchie Blackmore em 1978 sobre o Kiss, Fleetwood Mac, Yardbirds e Led Zeppelin

imagemQuantos discos o Guns N' Roses vendeu no Brasil e no mundo? Veja os números

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

imagemAdrian Smith e a volta ao Maiden: "queriam o Bruce e já tinham dois guitarristas"

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemBob Dylan explica a diferença entre suas composições e as de Paul McCartney

imagemCadáveres, sangue e girombas: a história da capa de "Reign In Blood", do Slayer

imagemQueen e a artimanha infantil de Roger Taylor pra ganhar mais dinheiro que os outros

imagemKiss: Tommy Thayer responde se Gene Simmons e Paul Stanley se dão bem

imagemCinco curiosidades sobre "The Sick, The Dying... And The Dead!", do Megadeth

imagemNey Matogrosso relembra como foi abrir o Rock in Rio de 1985


Stamp

Rapidinhas: As músicas mais curtas de grandes bandas do Rock e Metal

Por Luis Fernando Ribeiro
Em 17/03/19

Vivemos em um tempo onde tudo é urgente e de fácil consumo, da comida ao sexo, dos esforços aos resultados, vivemos uma geração imediatista forjada na velocidade da internet.

Na música esse fenômeno não é diferente. Para quem nasceu em gerações anteriores, na época que antecedeu a popularização da internet, o consumo de música era muito mais restrito, fazendo com que a apreciação daquilo que se tinha acesso fosse feita de maneira muito mais completa. Em tempos de YouTube e Spotify, onde uma música que não agrada nos primeiros 15 segundos é pulada e que cada artista do momento some com a mesma velocidade que aparece, fica cada vez mais difícil impactar e chamar a atenção em meio a uma infinidade de lançamentos de que nos são enfiados goela abaixo e que, na maioria das vezes, é de qualidade duvidosa.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na sua origem, o Rock surgiu como um ato de rebeldia, dançante, provocante e de fácil consumo, com músicas de estruturas simples que dificilmente passavam de 3 minutos. Com o surgimento do Rock Progressivo e do Heavy Metal, as canções passaram a ser mais elaboradas e muitas vezes se estendiam por mais de 10 minutos. Ainda assim, a maioria das bandas que aposta em canções mais rebuscadas e ricas em detalhes, explorados ao longo de vários minutos, sempre tiveram canções mais diretas, e por que não, muitas vezes mais comerciais.

Neste contexto, esta matéria reúne as faixas mais curtas gravadas por algumas das bandas mais importantes da história do Rock e do Heavy Metal. Dentre as faixas serão citadas apenas músicas próprias em suas versões de estúdio. Regravações de outras bandas, faixas bônus, introduções, instrumentais que servem apenas de ponte entre uma música e outra e versões ao vivo não fazem parte dessa lista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Iron Maiden

O IRON MAIDEN, especialmente na figura de seu primeiro vocalista, Paul Di'Anno, teve fortes influências do Punk em sua origem, dessa maneira, nos primeiros registros da banda a maioria das canções eram um pouco mais curtas do que estamos acostumados a observar a banda praticar hoje em dia. Ainda assim, em discos mais recentes sempre houve espaço para uma ou outra canção mais curta e direta, que geralmente é utilizada como single para divulgar o álbum.

"The Ides of March" (Instrumental) 1:48
"Wrathchild" 2:54
"Futureal" 3:00
"Genghis Khan" (Instrumental) 3:02
"Judas Be My Guide" 3:06

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Metallica

O Thrash Metal também sempre teve um pézinho no Punk Rock, com músicas mais ríspidas, rápidas e diretas ao ponto. O METALLICA, mesmo mais recentemente tendo apostado em músicas mais longas e elaboradas, principalmente do "...And Justice For All" para frente, sempre teve seus petardos devastadores, que vinham, cumpriam seu papel e iam embora sem aviso prévio. As músicas mais curtas da banda aparecem em especial no primeiro disco, no seu registro mais famoso, o Black Album e nos contestados Load e ReLoad.

"Motorbreath" 3:08
"Hardwired" 3:09
"Holier Than Thou" 3:48
"Wasting My Hate" 3:57
"Poor Twisted Me" 4:00

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

The Beatles

Uma das maiores bandas, se não a maior de todos os tempos, na maioria das vezes apostava em músicas simples, curtas, mas repletas de uma magia que poucas bandas tiveram a genialidade de reproduzir. A maioria das canções da carreira da banda possui entre 2 e 3 minutos, sendo que a média era geralmente menor nos primeiros discos, mas, curiosamente, todas as músicas dessa lista estão presentes nos dois últimos discos de estúdio da banda, Abbey Road e Let It Be.

"Her Majesty" 0:23
"Dig It" 0:50
"Mean Mr. Mustard" 1:06
"Polythene Pam" 1:13
"Golden Slumbers" 1:31

Led Zeppelin

Donos de longas e poderosas canções como "Stairway to Heaven", "Kashmir" e "Dazed and Confused", os britânicos do LED ZEPPELIN também lançaram verdadeiros hinos de alguns poucos minutos, como "Immigrant Song" e "Communication Breakdown", mesmo sem deixar de lado o virtuosismo de seus talentosos compositores.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Bron-Yr-Aur" (Instrumental) 2:06
"Black Mountain Side" (Instrumental) 2:12
"Immigrant Song" 2:26
"Communication Breakdown" 2:30
"Living Loving Maid (She's Just a Woman)" 2:39

Black Sabbath

Os "pais" do Heavy Metal sempre foram pioneiros no que faziam, dando origem ao gênero e até alguns dos seus sub-gêneros. A genialidade de Ozzy, Iommi, Geezer e Ward (Mais tarde Dio e tantos outros) por vezes se estendia por longas jams instrumentais, por vezes se resumia à curtos petardos que influenciaram toda uma geração.

Neste caso específico, foram desconsideradas as instrumentais que servem apenas de ponte para uma música e outra, casos que ocorriam em quase todos os discos e deixariam de fora dessa lista "grandes" canções da história da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Stonehenge" 1:58
"Rat Salad" (Instrumental) 2:30; "St. Vitus Dance" 2:30
"In Memory…" 2:35
"Odin's Court" 2:42
"Paranoid" 2:48

Ozzy Osbourne

Um dos fundadores do BLACK SABBATH, ao sair em carreira solo foi sempre acompanhado de músicos fantásticos e compunha hinos do Heavy Metal, os quais muitas vezes são quase tão importantes quanto os de sua banda original. Muitos deles são temas mais longos, como "No More Tears", outros nem tanto, mas a maioria das composições mais inspiradas do Madman possuem entre 4 e 6 minutos.

"Dee" (Instrumental) 0:50
"I Love You All" 1:02
"You Know...(Part 1") 1:06
"Let Me Hear You Scream" 3:25
"Crucify" 3:29

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Dio

O substituto de Ozzy Osbourne no BLACK SABBATH, apesar de gravar discos brilhantes com o grupo e com o RAINBOW, virou uma das maiores lendas da música pesada em sua carreira solo, lançando alguns dos discos mais marcantes da história do Metal. Dio em geral compunha temas épicos, apesar de diretos e recheados de riffs marcantes, mas também nos presenteou com músicas mais curtas que se tornaram verdadeiras pérolas da sua obra.

"Double Monday" 2:55
"Black" 3:10
"Stand Up and Shout" 3:18; "One More for the Road" 3:18
"I Speed at Night" 3:22
"Just Another Day" 3:23

Deep Purple

O DEEP PURPLE, uma das bandas mais importantes da história, teve inúmeras fases no decorrer de todos os seus anos de história, passando por momentos de músicas mais progressivas e outros de músicas mais simples e concisas. Assim como criou epopeia "Child in Time" de mais de 10 minutos, criou as clássicas "Fireball" e "Soldier of Fortune", de pouco mais de 3 minutos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Contact Lost" (Instrumental) 1:27
"Lady Luck" 2:48
"Super Trouper" 2:54
"Love Child" 3:08
"Soldier of Fortune" 3:14

AC/DC

Os australianos do AC/DC nunca tentaram reinventar a roda, criaram seu jeito de fazer música e assim seguem - dando muito certo - até os dias de hoje. Suas músicas são estruturalmente simples, mas nunca simplórias e algumas de suas mais importantes canções mal passam de 2 ou 3 minutos, como "Highway to Hell" e "You Shook Me All Night Long".

"Get It Hot" 2:35
"Big Balls" 2:38
"Rock the House" 2:42
"Hard Times" 2:44
"Play Ball" 2:47

Queen

Uma das marcas registradas do QUEEN foram seus temas épicos como seu maior clássico, "Bohemian Rhapsody", porém, as raízes da banda estavam no Rock Clássico, o que gerou algumas músicas mais curtas e diretas que marcaram a história da música em geral, como "Don’t Stop Me Now", "We Are The Champions" e "We Will Rock You".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Dear Friends" 1:07
"Lazing on a Sunday Afternoon" 1:08
"Nevermore" 1:15
"Lily of the Valley" 1:43
"Modern Times Rock 'n' Roll" 1:48

Motörhead

Lemmy, um dos maiores ícones da história do Metal, nunca escondeu sua admiração pelo Rock e pela simplicidade de suas canções, gravando alguns dos maiores petardos da música pesada em poucos minutos e mais diretos que um soco na cara. Obras primas como "Ace of Spades", "Going to Brazil" e "Iron Fist" não chegavam nem aos 3 minutos de duração.

"R.A.M.O.N.E.S." 1:26
"Bite the Bullet" 1:38
"Sex & Death" 2:02
"Rock Out" 2:08
"Sex & Outrage" 2:10

Kiss

O KISS é uma espécie de religião e só chegou a esse patamar sabendo se vender como tal e, é claro, fazendo grandes canções. Alguns de seus maiores sucessos são absolutamente radiofônicos e não passam de alguns poucos minutos, como em "Rock And Roll All Nite", "Detroit Rock City" e "Strutter".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Let Me Go, Rock 'n' Roll" 2:14
"Love Theme from Kiss" (Instrumental) 2:24
"See You in Your Dreams" 2:34; "Just a Boy" 2:34
"Ladies in Waiting" 2:35; "Anything for My Baby" 2:35

Guns N’ Roses

O GUNS N’ ROSES foi um dos maiores sucessos de sua época, criando músicas marcantes e fazendo tamanho sucesso que os tornaram conhecidos até entre pessoas que não eram fãs de Rock. Suas músicas tocaram à exaustão nas rádios, mesmo aquelas que não eram lá muito comerciais ou compatíveis com a duração média de uma música radiofônica.

"Perfect Crime" 2:23
"You Ain't the First" 2:36
"Garden of Eden" 2:41
"Right Next Door to Hell" 3:02
"Used to Love Her" 3:13

Scorpions

Apesar de praticar um Rock Clássico, os alemães do SCORPIONS quase sempre compunham canções que ultrapassavam os 4 ou 5 minutos. Ainda assim, em sua vasta discografia é possível encontrar algumas canções um pouco mais curtas (E em geral menos conhecidas) como as listadas abaixo.

"Now!" 2:35
"Can't Get Enough" 2:36
"Longing for Fire" 2:44
"Slave Me" 2:45
"Robot Man" 2:47

Ramones

Os Ramones definiram e influenciaram toda uma geração, mas como seu próprio gênero propõe, nunca o fizeram com canções longas. A maioria de seus "maiores" hinos não passa de 1 ou 2 minutos de duração e de 3 ou 4 acordes. "Blitzkrieg Bop", "I Wanna Be Sedated", "Rock ‘N’ Roll High School" e "Rockaway Beach" são alguns dos melhores exemplos disso.

"Durango 95" (Instrumental) 0:55
"Judy Is a Punk" 1:30
"Freak of Nature" 1:32
"I Lost My Mind" 1:33
"Now I Wanna Sniff Some Glue" 1:34

Nirvana

Apesar da curta discografia, o NIRVANA marcou a ferro e fogo seu nome na história do Rock com um dos álbuns mais importantes da história, o "Nevermind". Em seus três álbuns de estúdio, poucas músicas chegaram aos 4 minutos e criar músicas mais elaboradas e longas nunca pareceu ser uma grande preocupação.

"Tourette's" 1:35
"Very Ape" 1:56
"Floyd the Barber" 2:18
"Territorial Pissings" 2:22
"Dumb" 2:32

Foo Fighters

Remanescente do já citado NIRVANA, Dave Grohl fez de sua banda, o FOO FIGHTERS, uma das mais importantes bandas da sua geração, com músicas geralmente simples e diretas, com belas letras, muita energia, grande influência do Rock Clássico e do Punk Rock, sem muito espaço para firulas, com canções que dificilmente passam de 4 ou 5 minutos, vindo apostar em temas um pouco mais complexos e rebuscados somente em discos mais recentes.

"T-Shirt" 1:22
"Doll" 1:23
"Hell" 1:57
"Big Me" 2:12
"Up in Arms" 2:15

Judas Priest

A carreira do JUDAS PRIEST ultrapassa as décadas e transita entre o Rock Clássico e o Heavy Metal na forma mais pura do gênero, sendo considerados por muitos - inclusive por eles mesmos - os Metal Gods. As músicas da fase mais Rock and Roll são em geral mais curtas, simples e diretas (Como as clássicas "Breaking the Law" e "Hell Bent For Leather") e as da fase Heavy Metal apresentam temas mais longos e requintados, em especial nos discos mais recentes, onde a banda apostou em uma sonoridade mais épica que outrora.

"The Hellion" (Instrumental) 0:41
"Awakening" 0:53
"Battle Hymn" (Instrumental) 0:56
"Shadows in the Flame" 1:10
"Deep Freeze" 1:21

Megadeth

O MEGADETH sempre executou um Thrash complexo, sem um padrão entre músicas mais longas ou mais curtas. Nunca chegaram ao ponto de lançarem discos mais progressivos como o METALLICA fez, mas poucas vezes lançaram músicas mais curtas e simples, especialmente em discos mais recentes. Ainda assim, as influências punks de Dave Mustaine muitas vezes agregaram de alguma forma o som da banda, com músicas mais curtas e sem floreios.

"I Know Jack" 0:40
"Dawn Patrol" 1:50
"Dialectic Chaos" (Instrumental) 2:25
"Time: The End" 2:28
"FFF" 2:38

Sepultura

Não poderíamos deixar de lado a maior banda de Metal brasileira da história, que começou sua carreira executando um Thrash vigoroso e direto, com músicas mais curtas, pesadas e menos elaboradas, flertando muitas vezes com o Hardcore, mas acabou se tornando uma banda mais pomposa, com discos cheios de elementos agregados ao peso de suas músicas, álbuns conceituais e músicas mais longas.

"Revolt" 0:56
"Human Cause" 0:57
"Dictatorshit" 1:26
"Drowned Out" 1:28
"Enough Said" 1:36

Pantera

O PANTERA, apesar de contar com músicos que foram expoentes em seus instrumentos, nunca foi de compor músicas complexas, apostando em canções vigorosas, encorpadas, robustas e diretas, focando sempre mais no peso e agressividade do que na profundidade das músicas.

"Blue Lite Turnin" Red 1:38
"D*G*T*T*M* (Darrell Goes to the Movies)" 1:43
"Primal Concrete Sledge" 2:13
"Hellbound" 2:41
"Fucking Hostile" 2:48

Slayer

Ícones do Thrash Metal, o SLAYER viveu fases onde se preocupou mais com a complexidade de suas músicas, compondo riffs intrincados e canções mais robustas. Sendo assim, a maioria de suas principais músicas geralmente se estendem entre os 4 ou 5 minutos, mas, apenas para citar um exemplo, boa parte das canções do Reign in Blood possuem pouco mais de 2 minutos.

"Necrophobic" 1:40
"Sex. Murder. Art." 1:50
"Delusions of Saviour" (Instrumental) 1:55
"Piece by Piece" 2:02
"Reborn" 2:11

Blind Guardian

Acostumados a lançar músicas longas e épicas, especialmente em seus discos mais recentes, as músicas mais curtas da carreira dos alemães do BLIND GUARDIAN em geral estão nos primeiros discos e são as baladas ou instrumentais. Duas das principais músicas da carreira da banda, as baladas "Lord of the Rings" e "The Bard’s Song - In The Forest", não ultrapassam os 4 minutos de duração. Dessa lista foram desconsideradas as inúmeras introduções, presentes especialmente fazendo a ponte entre as canções do clássico conceitual "Nightfall in Middle-Earth".

"Black Chamber" 0:56
"Weird Dreams" Instrumental 1:19
"Trial by the Archon" Instrumental 1:41
"Gandalf's Rebirth" Instrumental 2:10
"Altair 4" 2:26

Obviamente, torna-se praticamente impossível citar todas as bandas e, para não me prolongar ainda mais, caso for do interesse de você que chegou até aqui, coloque nos comentários outras músicas curtas de eventuais bandas que não tenham aparecido na lista, ou mesmo correções de canções que possam ter passado despercebidas em minhas pesquisas.

Por fim, para fechar com chave de ouro, não poderíamos deixar de citar o Napalm Death, com You Suffer, que entrou para o Guinness Book na época de seu lançamento por ser considerada a canção mais curta já gravada, com a duração de exatos 1,316 segundos.

Leia também:

Compridas: As músicas mais longas de grandes bandas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Iron Maiden: Bruce Dickinson é tema de estudo na UERJ


Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Luis Fernando Ribeiro

Apaixonado por música, cinema, escrita, literatura e pela zoeira infinita. Inserido no mundo da música pesada em 2004 com Destruction, Metallica e Blind Guardian, quando ainda se compartilhava música através de fitas K7.

Mais matérias de Luis Fernando Ribeiro.