Arkona

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por José Antonio Alves, Fonte: Site Oficial, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

As raízes do ARKONA nos remetem ao início de 2002, quando os membros da comunidade pagã "Vyatichi" Masha "Scream" Arhipova e Alexander "Warlock" Korolev decidem formar uma banda, de acordo com sua ideologia e gostos musicais .

5000 acessosSeparados no nascimento: Ozzy Osbourne e Renato Aragão5000 acessosQueen - Perguntas e Respostas

Inicialmente a banda se chamava "Hyperborea", que consistia em: Masha "Scream" Arhipova (vocal), Eugene Knyazev (guitarra), Eugene Borzov (baixo), Ilya Bogatyryov (guitarra), Alexander "Warlock" Korolev (bateria) e Olga Loginova (teclado). Em fevereiro de 2002, a banda foi rebatizada para "ARKONA". Voltados para um Folk/Pagan Metal, a banda apresentava em suas letras idéias de antigas crenças nacionais e também da história russa.

No final de 2002, a banda decide gravar várias músicas, sob forma de uma demo. O processo de gravação aconteceu em dezembro de 2002, no estúdio CDM-Records. A demo acabou composta por 3 faixas: "Kolyada", "Solntsevorot" e "Rus". Este registro da banda é incluído no álbum ao vivo "Zhizn vo Slavu ", de 2006, como material bônus.

No início de 2003, a banda começou a fazer shows. Muitas pessoas puderam ver ao vivo pela primeira vez a banda na "Yazycheskaya Rus Fest", que foi realizada em 08 fevereiro de 2003, no clube "Estakada". Outras bandas que participaram foram o BUTTERFLY TEMPLE, PAGAN REIGN, SVARGA e o ROSSOMAHAAR.

Até ao verão de 2003, a banda realizou alguns shows locais e, em seguida, a questão da gravação do primeiro álbum foi levantada. Infelizmente, naquela época, vários membros da banda tinham perdido o interesse e também de certa forma a criatividade musical, culminando, em setembro de 2003, no fim da banda.

Masha decidiu se manter em carreira solo, pedindo a seus companheiros do projeto Nargathrond ajuda na gravação de um primeiro álbum. Ela tinha toda a orquestração escrita e músicos para aprendizagem e treinamento. Até março de 2004, o primeiro álbum, "Vozrozhdenie", foi gravado sem um único ensaio sequer. Hoje em dia este álbum está espalhado por todo o mundo e recebeu o seu reconhecimento. É um dos mais bem sucedidos álbuns do Pagan Metal Eslavo. Imediatamente após o trabalho de estúdio, Masha se dedica à criação de novas músicas, e no final do verão de 2004 o material para o segundo álbum, "Lepta", estava pronto. Foi gravado no outono seguinte, com os mesmos músicos do álbum anterior.

O álbum foi lançado em dezembro de 2004 e, apesar de continuar com os mesmos temas antigos de "Vozrozhdenie", desta vez há um estilo mais escuro e sombrio. Na gravação de "Lepta", assim como no álbum anterior, houve participação especial do vocalista Les'yar (NEVID', ex-BUTTERFLY TEMPLE), não só como intérprete, mas também colaborando com letras de músicas (a canção "Zarnicy Nashei Svobody", por exemplo).

No momento do lançamento do álbum, o Arkona renascia como uma banda - e era composta por músicos que participaram da gravação dos dois primeiros álbuns. Foram eles: Sergey "Lazar" (guitarra), Ruslan "Knyaz" (guitarra baixo) e Vlad "Artist" (bateria). A partir do início de 2005, a banda voltou a se apresentar ao vivo.

A criatividade de Masha não a deixou parar e no verão de 2005, a banda inicia a gravação do terceiro álbum. Mais complexo e variado, "Vo Slavu Velikim" mostra a banda desistindo de usar quaisquer sintetizadores, passando a usar instrumentos étnicos, aumentando a lista de músicos que participaram desta gravação. Um dos convidados foi o famoso músico folk Vladimir Cherepovskiy (Mervent, ex-Voinstvo Sidov, Veter Vody, Trio Mario) e membros das bandas SVARGA e ALKONOST.

Em 2006, a banda grava seu primeiro DVD ao vivo, "Zhizn Vo Slavu".

Em maio de 2007,o ARKONA começou a gravar o quarto álbum, "Ot Serdtsa K Nebu", onde o tema anteriormente iniciado do renascimento da cultura e da religião eslava nativa encontrou continuação.

Quanto às músicas deste álbum, é representada a mistura de estilos do metal moderno: a partir do brutal death metal ("Pokrovy Nebesnogo Starca") e black metal cru ("Nad Propastyu Let"), até uma bela balada ("Oy, Pechal-Toska") e um metal épico ("Slavsya Rus!"), acrescentando também algo sombrio ("Strela").

Toda a variedade está saturada com a atmosfera, característica de todas as obras do ARKONA. A arte da capa foi desenvolvida pelo famoso artista belga Kris Verwimp.

Março de 2008 foi marcante para a banda. O ARKONA foi um dos headliners de um dos maiores festivais europeus pagãos, o Ragnarok Festival V. A performance foi entusiasticamente apoiada por mais de 5000 fãs do metal pagão de todas as partes do mundo.

Quando retornaram para casa, havia uma agradável surpresa à espera: uma proposta para assinar um contrato com um dos maiores selos europeus, a Napalm Records, acordando o lançamento do álbum "Ot Serdtsa K Nebu" e também trabalhos futuros da banda.

Após a Napalm Records lançar "Ot Serdtsa K Nebu", a banda fez uma turnê de 30 dias na Europa, que terminou com uma apresentação no festival Brutal Assault.

De volta para casa, a banda decidiu não ficar em um longo hiato e em outubro de 2008 começou a trabalhar em seu quinto álbum, "Goi, Rode, Goi".

O nível alcançado no álbum "Ot Serdtsa K Nebu" era muito alto, mas a banda teve como objetivo fazer um álbum muito original, algo que nunca tinha sido feito antes.

Nas pausas durante a gravação, a banda conseguiu lançar e apresentar o segundo DVD, "Noch Velesova", em maio de 2009, via Napalm Records, e também fazer uma aparição no festival alemão Winternoise.

O trabalho no álbum só foi concluído em junho de 2009, e podemos dizer que foi a gravação mais lenta e trabalhosa, onde mais de 40 músicos participaram. A pérola especial deste álbum é a saga de 15 minutos "Na Moey Zemle", que é sobre as aventuras de um eslavo em países europeus, com a participação de músicos de bandas como MANEGARM, OBTEST, SKYFORGER, MENHIR e HEIDEVOLK.

A arte da capa do álbum foi feita por Kris Verwimp, conhecido por muitos. Ele realizou um trabalho enorme, trazendo uma série de ilustrações conceituais de cada música deste álbum.

Em 2011 foi criada a expectativa de um possivel show da banda em terras brasileiras, feito que acabou não se concretizando. Em contrapartida, a banda lança o EP "Stenka na Stenku", gravado nos estúdios CDM Records e Gigant Records, fortalecendo ainda mais o nome da banda no cenário Folk/Pagan Metal.

ARKONA é:

Masha "Scream" Archipova – vocal, teclado, percussão e berimbau de boca
Sergey "Lasar" – guitarra elétrica, guitarra acústica, balalaica e berimbau de boca
Ruslan "Kniaz" – baixo
Vladimir "Artist" Sokolov– bateria
Vladimir "Volk" - instrumentos étnicos

Site Oficial:
http://www.arkona-russia.com/en/enews/

MySpace:
http://www.myspace.com/arkonarussia

Banda:
http://www.arkona-russia.com/pic/?big_335.jpg

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Arkona"

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Arkona"

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Ozzy Osbourne e Renato Aragão

QueenQueen
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

MetallicaMetallica
Hammett e Ulrich escolhem álbuns e músicas da década

5000 acessosSpin: os 40 melhores nomes de bandas de todos os tempos5000 acessosHeavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiram5000 acessosDimebag Darrell: guitarra de Van Halen num caixão do Kiss5000 acessosDave Mustaine: em clima hueBR, pede ajuda para banda ter avião como o Maiden5000 acessosJapão: a última fronteira para colecionadores de discos5000 acessosJimi Hendrix: Segundo Carmine Appice, ele não gostava do Led

Sobre José Antonio Alves

Aventureiro, mochileiro, amante da cultura latina e claro, fã de um dos estilos mais fascinantes deste universo musical: o Heavy Metal!

Mais matérias de José Antonio Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online