Matérias Mais Lidas

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemRitchie Blackmore em 1978 sobre o Kiss, Fleetwood Mac, Yardbirds e Led Zeppelin

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemDez grandes músicas do Iron Maiden escritas pelo vocalista Bruce Dickinson

imagemCinco curiosidades sobre "The Sick, The Dying... And The Dead!", do Megadeth

imagemBob Dylan explica a diferença entre suas composições e as de Paul McCartney

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemCadáveres, sangue e girombas: a história da capa de "Reign In Blood", do Slayer

imagemQuantos discos o Guns N' Roses vendeu no Brasil e no mundo? Veja os números

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

imagemMichael Schenker explica por que deixou o Scorpions e se juntou ao UFO

imagemKiss: Tommy Thayer responde se Gene Simmons e Paul Stanley se dão bem


Bloodbound: um laço de sangue nunca pode ser desfeito

Por Júlio Oliveira
Fonte: Site Oficial Bloodbound
Em 04/01/09

No verão de 2004, dois amigos de longa data, Tomas Olsson e Fredrik Bergh, decidiram voltar às suas raízes musicais e iniciar uma banda de metal. Eles se reuniram a Urban Breed e Oskar Belin para formar o BloodBound.

Uma demo foi gravada e enviada para varias gravadoras ao redor do mundo a fim de conseguir um contrato. Após algumas semanas, ofertas começaram a chegar e a banda ficou impressionada com o reconhecimento conseguido. Um acordo foi assinado com a Metal Heaven para a Europa e com a Marquee/Avalon para a distribuição asiática.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em 2005 o BloodBound deu inicio às gravações de "Nosferatu", que foi lançado no inicio de 2006, tornando-se um grande sucesso com excelentes reviews ao redor do mundo. Pouco depois do lançamento do seu debut, Oskar Belin decidiu deixar a banda por falta de tempo para as turnês. Pelle Åkerlind (Morgana Lefay) foi convocado para substitui-lo e com este lineup eles tocaram ao lado de bandas como Arch Enemy, Dark Tranquility, Evergrey e Pretty Maids, para citar algumas. O sucesso alcançado com o primeiro disco trouxe-lhes também a oportunidade de negociar com a Rock Machine Records para lançar o disco no território brasileiro e a Mystic Empire, para um lançamento russo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O ano de 2006 foi de muitas mudanças com entrada e saída de membros como Kristian Andrén (Wuthering Heights, Memento Mori, Tad Morose), (The Storyteller), Jörgen Andersson (Baltimoore) e Markus Albertson (Seven Sins). Ao final da turnê Urban Breed decidiu sair da banda para dedicar-se 100% ao seu sonhado projeto solo.

Após um ano turbulento, a banda como um todo sentiu que precisava de estabilidade então convidaram Henrik Olsson, irmão mais jovem de Tomas e Johan Sohlberg para a guitarra e baixo respectivamente. Eles aceitaram e a banda começou a trabalhar no seu segundo disco, "Book Of The Dead".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A vaga de vocalista ainda estava em aberto e assim permaneceria por algum tempo, até que a banda decidiu efetivar Michael Bornmann (Jaded Heart, Bonfire, J.R. Blackmore, Rain) em janeiro de 2007, iniciando imediatamente as gravações de "Book Of The Dead", finalizadas em fevereiro e lançado em maio.

A banda começou então a conquistar o mundo e o novo álbum os levou à turnê com o HammerFall, dando-lhes oportunidade não só de tocar para platéias maiores como em grandes festivais como o Sweden Rock Festival. Pouco depois do lançamento de "Book Of The Dead", a banda percebeu que a agenda de Michael não lhes permitiria fazer todos os shows, então Usban Breed foi convidado e acabou cantando em todos os shows, sendo mais tarde efetivado como membro da banda novamente. Ao final de 2007 o BloodBound começou a trabalhar em seu terceiro álbum com lançamento planejado para 2008.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O termo "blood bound" data da idade média quando homens faziam um pacto chamado pacto de sangue onde eles se cortavam e então apertavam as mãos misturando o sangue. Cada um deles então carregava o sangue do outro, como irmãos de sangue. Um "blood bound" nunca pode ser desfeito e o seguirá para o resto de sua vida.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Júlio Oliveira

Recifense, atualmente divide seu tempo entre trabalhar em Copenhague (Dinamarca) e morar/estudar em Malmö (Suécia). Começou a escutar Metal no início dos anos 90 com os companheiros do Colégio da Polícia Militar e desde então não parou mais, mas nunca se restringindo a um estilo, mas à qualidade da musica em questão. Resolveu começar a colaborar com o site depois de anos lendo as noticias trazidas por outros. "Tava na hora de eu dar minha colaboração também...".

Mais matérias de Júlio Oliveira.