Gorillaz

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Srta. Machiavelli
Enviar correções  |  Comentários  | 

As Pessoas Reais

Numa entrevista recente à MTV americana, Damon Albarn, líder e vocalista da banda inglesa Blur, afirmou que gostar de cartoons é bem mais fácil do que gostar de pessoas reais. Jamie Hewlett, cartunista criador da "Tank Girl" (HQ pouco divulgada no Brasil), que compartilhou essa mesma entrevista com Damon Albarn, mostrou possuir a mesma opinião. E acrescentou: "Personagens como o Pato Donald e o Pernalonga estão por aí há cinqüenta anos, e toda vez que os vejo na TV, é como se assistisse a velhos amigos. Tem alguma coisa nos cartoons... Eles podem ser tão rudes e ultrajantes quanto quiserem, mas você sempre irá gostar deles. A mesma coisa não se aplica a pessoas reais".

587 acessosGorillaz: Novo álbum tira a saudade dos fãs5000 acessosUlrich: "Não sou um baterista particularmente talentoso"

A idéia era essa: uma banda adorável, formada por cartoons cativantes, com um visual agradável e o mínimo de escrúpulos possíveis. O produtor de hip-hop "Dan The Automator", junto com Damon Albarn e Jamie Hellwet, completa o trio-cabeça responsável pelo enorme sucesso da banda-cartoon "Gorillaz".

O projeto Gorillaz surgiu devido a uma das famosas escapulidas de Damon Albarn, declaradamente "um músico engajado sempre em busca de novas musicalidades". É também seu projeto mais bem sucedido - em termos de popularidade - até agora. Foi associando-se a Dan "The Automator" que Albarn começou a esboçar o Gorillaz. Dan é o grande responsável pela batida hip-hop predominante nas músicas da banda virtual, que também incorpora elementos de jazz, dance-music, techno e, claro, brit pop, numa mistura única que Damon e Dan apelidaram de "zoombie-hip-hop".

Os músicos adicionais da formação fixa do Gorillaz são o rapper "Del Tha Funky Homosapien" e a ex-baixista do Talking Heads "Tina Weymouth". Além disso, participaram da gravação do primeiro disco da banda (o auto-intitulado "Gorillaz") Ibrahim Ferrer (do Buena Vista Social Club!!) e Miho Hatori (da banda do Cibo Matto).

O primeiro CD, lançado no começo de 2001, estourou nas paradas mundiais com o hit Clint Eastwood. O sucesso da música e do videoclipe foram tão grandes que logo surgiram os inevitáveis boatos de que o Gorillaz estaria condenado a se tornar uma típica banda one-hit-wonder. Porém, desde o começo, Damon insistiu que este tipo de comentário não se aplicava a eles, dizendo que o som de sua banda virtual era muito complexo, e que só este primeiro disco dava margem para mais de cinco grandes hits. Pelo menos em parte ele tinha razão. O sucesso das outras músicas do grupo foi surgindo à medida que os novos videoclipes foram sendo lançados.

Os videoclipes, os shows com telão mostrando os cartoons, o website e os projetos de filmes com os personagens da banda virtual são de fato o grande atrativo do Gorillaz. Jamie Hewlett tem supervisionado a criação de cada detalhe da parte visual do Gorillaz, e além de ter sido o criador dos personagens (leia sobre a personalidade de cada um no final deste texto), foi o grande idealizador do website e dos videoclipes. Os personagens que compõem a banda virtual são: D2, Noodle, Russel e Murdoc.

Apesar da discreta semelhança e do fato dos vocais ficarem por conta de "D2" e "Russel", Dan e Damon desmentem qualquer possibilidade de os cartoons serem seus alter-egos. Numa outra recente entrevista à MTV, Damon disse: "(...)mas (os personagens) não são alter-egos, entende? Muitas pessoas que conhecem o Gorillaz na América nem ao menos sabem quem somos nós, os músicos de carne e osso."

No começo de 2002 foi lançado nos EUA um novo disco do Gorillaz, o "G-Sides", com versões remixadas das músicas do primeiro CD. Este também está sendo um enorme sucesso de vendas, e a banda virtual de Damon, Dan e Hewllet está ficando mais pop a cada dia. Os shows são cada vez mais requisitados, eles já deram entrevistas até para o Planeta Xuxa (o show adolescente dominical da Xuxa, apresentado pela Rede Globo) e atualmente estão em negociação para a produção de um longa metragem que deverá ser dirigido por ninguém menos que o mago do cinemão americano Steven Spielberg!

Nada mal para um obscuro cartunista, um médio-produtor de hip hop e um
ambicioso popstar inglês que costumava direcionar suas "ousadias" musicais na composição de trilhas sonoras de pequenos filmes independentes.

Gorillaz: os Cartoons

D2

É o vocalista bonitinho da banda. Nasceu na cidade de Crawley. Tem 23 anos e assume como sendo suas principais influências "Phill Oakey" (líder da banda tecno pop Human League), o falecido diretor de filmes de terror "Lucio Fulci", além de Butorphanoi e Tartrate.

Quando criança, num acidente ele bateu a cabeça e adquiriu uma eterna enxaqueca. Essa enxaqueca seria a principal responsável por seus hábitos discretos e silenciosos. D2 é extremamente econômico com as palavras. Daí provém sua fama de enigmático.

É o preferido das meninas, por ser um típico galã de vinte anos e conservar um visual descolado e um corte de cabelo maneiríssimo. Todos gostam dele e o admiram - exceto Murdoc.

D2 tem uma voz macia e doce, e é um às nos teclados. Nas horas vagas costuma dar uma de grafiteiro compulsivo. É adepto a zoombies e analgésicos (!).

Noodle

É a princesinha da banda. Nasceu em Osaka. O Gorillaz adquiriu-a por encomenda quando os outros três integrantes já estavam juntos e sentiam falta de uma guitarrista. Noodle foi "adquirida" a partir de um anúncio de jornal. Ela chegou via correio numa enorme caixa de papelão, de onde saltou dizendo palavras incompreensíveis e entoando um solo de Les Paul. Suas principais influências provém da poesia Haiku (aqueles poeminhas japoneses ou chineses com três versos curtos.), Loa Zi e Richie Sambora.

Detalhe: Noodle tem apenas dez anos de idade e ainda é uma forte adepta a besteiras tipo "Meninas Super-Poderosas", "Tamagochis", "Pokémon" e Iô-Iô. É expert em artes marciais. A única palavra em inglês que consegue pronunciar é "Noodle" (em bom português: talharim).

Murdoc

É o baixista autodidata do Gorillaz. Nasceu em Stoke-on-Trent, no dia seis de junho de 1966 (6/6/66), o que faz dele o integrante mais velho da banda. Suas influências são um pessoal muito sinistro: Black Sabbath, Dub, J. Andrew Anderson, Dennis Wilson e o diabo (Satan em pessoa!). Possui um hobbie pessoal que procura desenvolver com alguma freqüência: espancar o vocalista D2.

Gosta de tomar conta das entrevistas, fala demais. Tem uma mente perturbada, é do tipo que se diverte assustando crianças, cometendo pequenos roubos desnecessários em lojas de departamentos e fumando o tempo todo. É descuidado com sua higiene pessoal. Quando criança ainda costumava pôr fogo em gatos. Gosta de altas velocidades (vide o clip de "19/2000").

Segundo a história oficial, ele teria sido o criador do Gorillaz. Essa seria a origem de sua dor de cotovelo em relação a D2, já que perdeu os vocais para o galã devido ao seu senso de marketing, segundo o qual qualquer vocalista que se preze tem que ser bonito - coisa que ele não é.

Russel

É o baterista da banda. O único baterista do mundo que consegue ser maior que seu instrumento. Nasceu em Nova Yorke e tem 25 anos. Suas principais influências são Farrakhan e Chaka Khan. O Gorillaz deve o toque Hip-Hop a ele.

Apesar da aparência assustadora (é enorme e tem os olhos completamente brancos), pode-se dizer que é o mais bem educado da banda.

Diz a lenda que durante quatro anos Russel teria sido possuído por demônios. Um exorcismo muito bem aplicado o teria salvado. Atualmente ele ainda incorpora os espíritos - do bem - de seus antigos companheiros do Brooklyn, responsáveis por sua grande habilidade em hip-hop e por ele conservar os olhos totalmente brancos. Seu hobbie pessoal é comer. Comer e muito.

Fontes:
Revista Rolling Stones
www.mtv.com
www.gorillaz.com

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

587 acessosGorillaz: Novo álbum tira a saudade dos fãs0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Gorillaz"

Mistura curiosaMistura curiosa
Heróis de quadrinhos e capas de discos

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Gorillaz"

MetallicaMetallica
Lars Ulrich: "Eu não sou um baterista talentoso!"

GuitarristasGuitarristas
E se os mestres esquecessem como se toca?

Guns N RosesGuns N' Roses
A trágica história do baixista fundador que morreu afogado

5000 acessosMúsicas ruins: As 100 piores segundo o Aol Radio Blog5000 acessosComo Conservar e Recuperar Cordas de Baixo5000 acessosUltimate Classic Rock: as 25 músicas mais tristes da história5000 acessosJimi Hendrix: Segundo Carmine Appice, ele não gostava do Led5000 acessosSlipknot: Mick Thomson esfaqueado em briga com irmão3174 acessosKiss: Ace Frehley mostra como quebrar um quarto de hotel

Sobre Srta. Machiavelli

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online