Resenha - Paul Di'Anno (Cia. Brasil, São Paulo, 20/05/2000)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernanda Zorzetto
Enviar correções  |  Ver Acessos


Depois da avalanche de bons shows internacionais que tivemos no Brasil, foi a vez do ex-Maiden, como nunca vai deixar de ser lembrado, Paul Di'Anno, mostrar que ainda sabe agitar o público. A divulgação do álbum "Nomad" foi generosa com o Brasil, onde o vocalista ficará por mais de uma semana e fará vários shows.

Bandas extremas: 10 álbuns que causaram surpresaOh, não!: clássicos que foram "estragados" pelo tempo

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em São Paulo, numa excelente apresentação, não faltaram peso e muita competência dos músicos (brasileiros) que o acompanhavam.


A casa Cia. Brasil revelou-se um bom lugar para shows menores e de público mais sossegado. Longe de estar lotada, havia um público de aproximadamente 350 a 400 pessoas. A ventilação quase ausente nem foi sentida pelos fãs que aguardavam ansiosos a volta de Di'Anno ao Brasil.

Sem problemas na entrada, o show de abertura da banda Eterna começa quase na hora marcada. A segunda banda a tocar na noite foi a paulistana Fates Prophecy, que conseguiu agitar muito a galera e provou mais uma vez a competência que a fez reconhecida como uma das bandas que mais estão ganhando espaço no cenário brasileiro. O carisma da banda ganhou destaque. Para quem curte o heavy mais tradicional, ao melhor estilo Maiden, vale a pena conferir a agenda de shows dos caras.

Logo depois, o palco e os equipamentos foram rapidamente arrumados e em alguns minutos já entrava Paul Di'Anno e sua banda, perto da meia noite e meia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Di'Anno sobe ao palco vestindo curiosamente uma camiseta dos Ramones e agita a galera com um grande controle em duas músicas do último álbum, e na seqüência, levando o público todo a cantar "Prowler" do Iron. Depois desse clássico fica difícil segurar a galera com as músicas novas e próprias e o público começa a se agitar menos. Até que Di'Anno se mostra um pouco irritado, e duas músicas depois diz ao microfone que "apesar dos problemas, até Curitiba foi melhor que São Paulo. Mal espero chegar a Salvador!". A frase soa mal e com um pouco de arrogância. Sentia-se até a impaciência de Di'Anno com sua banda nos momentos de entrar com as músicas.


O set-list foi igual ao do show de Curitiba, inclusive nas covers das clássicas "Wrathchild" e "Running Free" do Maiden para fechar a noite. O show acaba por volta das duas e meia da manhã.

Di'Anno, que fez show antes em Curitiba na sexta (dia 19/05), segue agora para Manaus (26/05), Recife (27/05), Brasília (01/06), Aracajú (02/06) e Salvador (03/06). Enquanto isso tem planos de ficar no Brasil.

Fotos por Fernanda Zorzetto




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Paul D'ianno"Todas as matérias sobre "Iron Maiden"


Sala de Som: 5 discos pra começar a ouvir heavy metalSala de Som
5 discos pra começar a ouvir heavy metal

Iron Maiden: treze integrantes quase desconhecidosIron Maiden
Treze integrantes quase desconhecidos


Bandas extremas: 10 álbuns que causaram surpresaBandas extremas
10 álbuns que causaram surpresa

Oh, não!: clássicos que foram estragados pelo tempoOh, não!
Clássicos que foram "estragados" pelo tempo


Sobre Fernanda Zorzetto

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Fernanda Zorzetto no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280