Celtic Frost fala sobre atraso no novo álbum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Coutinho, Fonte: Terrorizer
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 05/01/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Tom Gabriel Fischer e Martin Eric Ain, respectivamente, guitarrista/ vocalista e baixista do CELTIC FROST, falaram recentemente com a revista inglesa Terrorizer acerca do longo processo de concepção do novo trabalho de estúdio do grupo, “Monotheist”, cujo lançamento rola neste primeiro semestre. “Tudo que você pode imaginar aconteceu. Não consigo descrever isso de outro jeito. De problemas técnicos e atribulações pessoais até o desenvolvimento de todo o processo de composição, tudo que você pode imaginar aconteceu”, explicou Fisher.

501 acessosCeltic Frost: vídeo oficial de duas músicas no Wacken 20065000 acessosAndreas Kisser: "Eloy Casagrande talvez não seja humano"

“Nós tínhamos que voltar a ficar juntos e redefinir nossa relação. Perdemos contato ao longo dos anos e eu estive fora deste jogo por muitos anos e tinha que me colocar no modo CELTIC FROST. Também tínhamos que encontrar um baterista. Então, tínhamos que montar uma banda e só então compor o material”, acrescentou Martin.

“Gravamos toneladas de demos que ninguém ouvirá, algumas já estão até finalizadas e mixadas, outras apenas básicas. Isso foi muito importante para a gestão deste álbum”, disse Fisher. “Além disso, não tínhamos a obrigação de lançar o álbum em uma data determinada, não somos uma banda voltando porque a gravadora e os empresários nos ofereceram dinheiro, fizemos tudo isso porque quisemos. Tivemos total independência”, asseverou o vocalista e guitarrista.

“Monotheist”, o primeiro lançamento inédito do CELTIC FROST em 13 anos, levou três anos e meio sendo composto. Foi ainda parcialmente produzido e financiado pela própria banda. Os processos finais de produção e mixagem ficaram a cargo do líder do HIPROCRSY/PAIN, Peter Tägtgren, em Hanover, Alemanha, no Horus Sound Studio.

A atual formação do grupo conta com Fischer (voz e guitarras), Martin Eric Ain (baixo), Erol Unala (na segunda guitarra) e Franco Sesa (bateria).

As faixas que compreendem “Monotheist” são:

01. Progeny
02. Ground
03. A Dying God Coming Into Human Flesh
04. Drown In Ashes
05. Os Abysmi Vel Daath
06. Temple Of Depression (bonus track)
07. Obscured
08. Domain of Decay
09. Ain Elohim
10. Totengott
11. Synagoga Satanae
12. Winter (Requiem, Chapter Three)

O CELTI FROST já agendou diversas aparições nos concorridos festivais de verão da Europa, além de embarcar em uma turnê norte-americana em setembro.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Rock e MetalRock e Metal
7 nomes de bandas que você pronuncia errado, parte 2

501 acessosCeltic Frost: vídeo oficial de duas músicas no Wacken 20060 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Celtic Frost"

VinilVinil
Os 10 LPs mais raros e valiosos dos anos 1980

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados no ano de 1984

Rock e MetalRock e Metal
7 nomes de bandas que você pronuncia errado, parte 2

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Celtic Frost"

Andreas KisserAndreas Kisser
"Eloy Casagrande talvez não seja humano"

Raul SeixasRaul Seixas
O alerta sobre as drogas em carta psicografada?

Collectors RoomCollectors Room
Vinícius Neves, do Stay Heavy, mostra a sua coleção

5000 acessosFrases de bandas: o que eles realmente querem dizer?5000 acessosSaúde: bater cabeça pode causar danos ao cérebro5000 acessosPsicografia: uma suposta carta do espírito de Cássia Eller4899 acessosTony Iommi sobre Lemmy: "Sua lenda nunca morrerá"5000 acessosIron Maiden: as mais raras e curiosas músicas - parte 15000 acessosJared Leto: a reação ao se ver no papel do Coringa

Sobre Thiago Coutinho

Formado em Jornalismo, 23 anos, fanático por Bruce Dickinson e seus comparsas no Maiden. O heavy metal surgiu na minha vida quando ouvi o vocalista da Donzela de Ferro em "Tears of the Dragon", em meados de 1994. Mas também aprecio a voz de pato bêbado do controverso Dave Mustaine, a simplicidade do Ramones, as melodias intrincadas do Helloween, a belíssima voz de Dio ou os gritos escabrosos de Rob Halford. A Whiplash apareceu em minha vida sem querer, acho que seus criadores são uns loucos amantes de rock e acredito que este seja o melhor site de rock do país, sem qualquer demagogia!

Mais matérias de Thiago Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online