Produção comenta escolha do cast oficial do BMU

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Richard Navarro (Heavy Melody Produções)
Enviar Correções  

Press-Release

Em respeito aos que cobram esclarecimentos sobre a escolha do cast final do festival Brasil Metal Union (BMU), a produção vem esclarecer os motivos da não inclusão de algumas bandas que tiveram excelente votação do público.

Durante toda a votação foi deixado claro que o resultado bruto seria um parâmetro fundamental, porém não o único adotado pela produção para escolha do cast oficial do BMU 2006. Prova fundamental de que não houve intenção de esconder informações do público é que a votação, realizada no site Whiplash!, teve seus resultados brutos, diferentes da escalação final do festival, divulgados. Caso houvesse má-fé, seria mais simples mascarar os resultados da votação.

Porque que bandas classificadas entre as 10 primeiras, ficaram fora do cast oficial?

Foi divulgado durante toda a votação que o resultado bruto não corresponderia ao cast final.

Não sendo possível respeitar apenas o resultado da votação na escolha do cast, nos preocupamos com fatores como a representação de todas as regiões do país e todos os estilos dentro do metal.

A produção usou ainda como referências os resultados da primeira fase da pesquisa (votação estadual), além de análises de preferência do público em comunidades como Orkut, e resultados das tradicionais pesquisas "melhores do ano" das principais revistas e sites especializados, para montar de forma mais abrangente e coerente a "Seleção Brasileira de Heavy Metal de 2006".

Precisamos ainda ser realistas. A produção de um evento como o BMU tem um custo alto; como o público alvo é restrito e não temos nenhum patrocinador financeiro, precisamos ter também uma visão comercial na escolha do cast. Apenas pessoas envolvidas em produção, principalmente de shows independentes, sabém o quanto são altos os custos e o quanto é impraticável um show com uma boa produção poder ser levado adiante com bandas que não sejam capazes de atrair um bom público.

Porque o Eterna ficou de fora do festival?

Embora tenha sido a segunda banda mais votada, o Eterna tocou em todas as edições anteriores do BMU, não lançou nenhum material novo desde o BMU 2004 e irá tocar uma semana antes do BMU 2006, no show do Stryper. Independente de sua indiscutível competência e excelente votação, desta vez sua vaga foi cedida a outra banda.

Porque o Suprema ficou de fora do festival?

Apesar da surpreendente colocação para uma banda iniciante, a banda enquadra-se num estilo que já estava bem representado no cast.

Porque o DragonHeart ficou de fora do festival?

A banda já participou de várias edições passadas e não lançou nenhum material novo desde a última edição.

Porque o Andralls ficou de fora do festival?

Como esta edição será toda realizada em um único dia, tivemos que enxugar o cast, de modo a reunir o máximo de estilos diferentes. Um problema que tentamos evitar, devido a proposta do festival, era que as bandas paulistas fossem maioria no cast. O festival também já tinha o thrash metal representado.

Porque o Burning In Hell ficou de fora do festival?

Além do estilo já estar bem representado no cast a banda não lançou nada de novo desde a última edição. Sua região também já estava bem representada no cast com bandas que lançaram material mais recente e obtiveram excelentes votações na primeira fase da pesquisa em seus respectivos estados.

Porque o Eyes of Shiva ficou de fora do festival?

Novamente o caso do estilo, que poderia saturar o cast juntamente com a tentativa de evitar muitos representantes de São Paulo.

Por detalhes como estes acima expostos, a produção precisa necessariamente intervir nos resultados brutos da votação usando critérios que visam coerencia e justica. Com todo respeito as bandas bem colocadas não escolhidas para o cast oficial, sem essa atitute da produção seria impossível evitar repetição de bandas, dar espaço as que nunca tocaram e garantir no cast oficial a presença de represnetantes de diferentes estilos e estados.

O que têm a dizer àqueles que contestam a seriedade da escolha do cast?

A produção deixou claro durante todo o tempo que seriam aplicados critérios e que os resultados brutos da votação poderiam não corresponder ao cast oficial. Quando divulgamos o resultado final da votação que seria diferente do cast, mais do que mostrar transparência, acreditamos que vencer a votação, por sí só, fosse motivo de orgulho para as bandas melhor classificadas.

De que serviu então a votação?

Conforme explicamos, a votação foi o PRINCIPAL CRITÉRIO para a escolha do cast, embora não o único. A votação faz ainda parte da divulgação do festival e faz parte da tradição do festival. Infelizmente este ano, com a redução do festival para apenas um dia, os resultados entre o cast final e a votação sofreram mais diferenças.

A produção considera justa a escolha final do cast?

A produção considera que foi feito todo o possível para tornar a escolha o mais justa possível. Numa situação ideal muitas outras das bandas integrariam o cast do festival, mas isso é impossível na prática. Temos tempo limitado e precisamos ter um festival financeiramente viável. Apenas quem trabalha com produção de eventos deste porte pode julgar todos os fatores envolvidos.

Podemos afirmar com total segurança que a maior parte das críticas provém de pessoas direta ou indiretamente ligadas a bandas que não foram escolhidas para o cast oficial e que preferem acreditar que existe alguma espécie de perseguição ou favorecimento. Respeitamos estas opiniões e abrimos espaço nas comunidades oficiais do evento a elas, mas não concordamos com as mesmas.

Repetimos que, caso a produção tivesse algo a esconder ou não estivesse muito convicta da justiça e coerência com que foram aplicados os critérios para escolha do cast final, jamais teria optado por fazer a votação aberta.

Atenciosamente.

Richard Navarro (Heavy Melody Produções)




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Andre Matos: Fotos raras e inéditas, fazendo cosplay de DetonatorAndre Matos
Fotos raras e inéditas, fazendo cosplay de Detonator


Iron Maiden: a reação de Bruce Dickinson ao ver músicas da era Blaze no setIron Maiden
A reação de Bruce Dickinson ao ver músicas da era Blaze no set

Debandados: saíram de uma banda e formaram outras de igual pra melhorDebandados
Saíram de uma banda e formaram outras de igual pra melhor


Sobre Richard Navarro (Heavy Melody Produções)

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin