Lemmy Kilmister vira nome de verme fossilizado

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por César Enéas Guerreiro, Fonte: Blabbermouth
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 07/10/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

De acordo com o site Playlouder, um cientista sueco deu o nome a um verme fossilizado de 428 milhões de anos (um verme anelídeo poliqueta marinho) que ele encontrou na camada siluriana de Gotland, Suécia, em homenagem ao frontman do MOTÖRHEAD, que ainda está bem vivo, Lemmy Kilmister.

403 acessosSeparados no nascimento: Mikkey Dee e Dru (Meu Malvado Favorito 3)5000 acessosSlayer: Gary Holt é realmente um cara mal-agradecido

“[Essa é] a perfeita combinação para um fã de longa data da banda (e do estilo musical) e professor de paleontologia, como eu”, explicou o Dr. Mats E. Eriksson, Professor Associado de Paleontologia do Departamento de Geologia da Universidade de Lund.

“Ele já era uma lenda da música, mas agora seu nome também terá um registro permanente na Ciência”, disse Eriksson. “O fóssil em questão é uma mandíbula de aproximadamente 428 milhões de anos de um extinto verme anelídeo poliqueta marinho encontrado na camada siluriana de Gotland, Suécia. Seu nome científico é Kalloprion Kilmisteri”.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Bill WardBill Ward
Os dez discos de metal favoritos do baterista

403 acessosSeparados no nascimento: Mikkey Dee e Dru (Meu Malvado Favorito 3)724 acessosMotorhead: Roger de Souza bate papo com Gastão Moreira, do KZG1707 acessosMotorhead: biografia mostra o quão Lemmy era único1491 acessosLoudwire: em vídeo, os 10 maiores riffs de metal dos 80's465 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

Lemmy e David BowieLemmy e David Bowie
A conexão entre dois artistas tão diferentes

MotorheadMotorhead
Escolhido o nome de banda mais legal pela Spin

Iron MaidenIron Maiden
Murray toca "Ace of Spades" em homenagem a Lemmy

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"

SlayerSlayer
Gary Holt é realmente um cara mal-agradecido

Fãs de RockFãs de Rock
Você conhece o estilo de se vestir de cada um

MetalMetal
As oito maiores tretas entre músicos do gênero

5000 acessosIron Maiden: Nado sincronizado ao som de "The Trooper"5000 acessosAngra e Detonator: "Sem nenhuma dúvida, esse cara comprou a mídia!"5000 acessosGuitarristas: você consegue identificar todos nesta imagem?4004 acessosPreguiçosas: as bandas que mais demoraram para lançar um disco5000 acessosGuns N' Roses: Confusão de St. Louis no Jornal do SBT em 19915000 acessosNúmero da besta: Vôo 666 com destino a HEL numa 6ª feira 13? Pois aconteceu.

Sobre César Enéas Guerreiro

Nascido em 1970, formado em Letras pela USP e tradutor. Começou a gostar de metal em 1983, quando o KISS veio pela primeira vez ao Brasil. Depois vieram Iron, Scorpions, Twisted Sister... Sua paixão é a música extrema, principalmente a do Slayer e do inesquecível Death. Se encheu de orgulho quando ouviu o filho cantarolar "Smoke on the water, fire in the sky...".

Mais informações sobre César Enéas Guerreiro

Mais matérias de César Enéas Guerreiro no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online