Malevolent Creation: "preferimos ouvir Slayer"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por César Enéas Guerreiro, Fonte: HailMetal.com
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 21/12/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O site HailMetal.com recentemente fez uma entrevista com o guitarrista do MALEVOLENT CREATION, Jon Rubin. Alguns trechos desse papo:

5000 acessosKerry King: revelando qual a sua música favorita do Metallica5000 acessosSarcófago: Wagner fala da banda, radicalismo, Ghost e muito mais

HailMetal.Com: Em que pé está o trabalho para o novo álbum? “Doomsday X” é o décimo álbum de estúdio da banda, não é? Qual foi a sua contribuição nele?

Jon: Já temos 13 músicas e sim, este é o décimo álbum de estúdio da banda. Phil [Fasciana, guitarra] e eu compusemos algumas músicas separadamente, assim como o Jay [Jason Blachowicz, baixo], além de termos algumas participações especiais..

HailMetal.Com: Por que o nome “Doomsday X”? Qual o seu significado?

Jon: “Doomsday X” significa ‘dia do juízo final’. Pensamos nesse título algum tempo atrás e resolvemos mantê-lo.

HailMetal.Com: Vamos lembrar o que aconteceu há mais de uma década, logo após o lançamento de “Stillborn”, quando vocês resolveram sair da Roadrunner Records. Qual foi o principal motivo por trás dessa decisão?

Jon: O principal motivo para a nossa saída da Roadrunner Records foi que os vocais de Brett [Hoffmann] não estavam, para eles, tão bons quanto nos primeiros dois álbuns, mas eu acho que não estavam tão ruins assim. Além disso, houve o problema da produção e algumas bobagens realmente muito estúpidas. Mas, de qualquer forma, eles não estavam mais nos apoiando mesmo. O MALEVOLENT CREATION poderia ter sido muito maior se eles tivessem nos dado um empurrão um pouco mais forte, como nas outras bandas, mas eles não deram.

HailMetal.Com: Essa decisão teve um impacto negativo nas vendas de discos naquela época?

Jon: Sim, eles não fizeram uma boa promoção para nós.

HailMetal.Com: Alguns dizem que bandas como o LAMB OF GOD roubaram riffs e que copiaram idéias de bandas como o MALEVOLENT CREATION. Só por curiosidade, vocês já ouviram a música deles ou são seus fãs?

Jon: Realmente, o LAMB OF GOD não está fazendo nada que já não tenha sido feito antes. Nós nunca os escutamos porque preferimos escutar o foderoso SLAYER.

Leia a entrevista completa (em inglês) no link abaixo.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Kerry KingKerry King
Guitarrista revela qual a sua música favorita do Metallica

749 acessosDuplas de guitarristas: Loudwire elenca suas dez melhores900 acessosBody Count: divulgado videoclipe de covers do Slayer758 acessosBody Count: veja o vídeo para "Raining Blood", do Slayer0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slayer"

Heavy MetalHeavy Metal
Loudwire elege 11 melhores álbuns dos 80s

PolêmicaPolêmica
As músicas mais controversas da história do Rock

SlayerSlayer
O insistente uso de "Satan" e "Hell" por Tom Araya

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Malevolent Creation"0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"0 acessosTodas as matérias sobre "Lamb Of God"

SarcófagoSarcófago
Wagner fala da banda, radicalismo, Ghost e muito mais

GhostGhost
De quais bandas brasileiras eles gostam?

Débil MetalDébil Metal
Quando os fãs assustam os ídolos

5000 acessosAlice In Chains: seria essa a última foto de Staley com vida?5000 acessosSebastian Bach: descrevendo o horror de urinar com Phil Anselmo5000 acessosIron Maiden: a fotografia de "The Final Frontier"5000 acessosBret Michaels: a pornografia que quase o matou5000 acessosMustaine: "Aos 15 entrei na magia e conheci o lado negro!"5000 acessosTestament: Eric Peterson fumou erva com o Black Sabbath

Sobre César Enéas Guerreiro

Nascido em 1970, formado em Letras pela USP e tradutor. Começou a gostar de metal em 1983, quando o KISS veio pela primeira vez ao Brasil. Depois vieram Iron, Scorpions, Twisted Sister... Sua paixão é a música extrema, principalmente a do Slayer e do inesquecível Death. Se encheu de orgulho quando ouviu o filho cantarolar "Smoke on the water, fire in the sky...".

Mais informações sobre César Enéas Guerreiro

Mais matérias de César Enéas Guerreiro no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online