Mike Terrana comenta sua saída do Rage

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Maurício Dehò, Fonte: Blabbermouth
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 06/12/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Após oito anos nas baquetas do RAGE, Mike Terrana deciciu deixar o grupo, que lançou ainda este ano o álbum "Speak of the Dead".

5000 acessosA Vida Pós-bilau: vocalista do Life of Agony abre o jogo5000 acessosEm 03/02/1959: Buddy Holly, Ritchie Valens e Big Bopper morrem em acidente aéreo

Em um anúncio oficial ele disse: "Não foi uma decisão fácil, mas eu acredito fortemente que era hora de algo novo para mim. Eu tive um tempo ótimo no RAGE e não quero perder a chance de dizer um 'muito obrigado' a todos os fãs que nos acompanharam ao longo dos últimos anos. Seu suporte significou muito para mim e eu, honestamente, espero que nos vejamos de novo em breve. Além disso, desejo ao pessoal do RAGE boa-sorte e sucesso no futuro". (NOTA: em nota postada anteriormente, a banda afirmou que a saída de Terrana ocorreu por "diferenças inconciliáveis", tanto musicais quanto pessoais).

Mike recentemente ocupou a vaga aberta por Uli Kusch na bateria do MASTERPLAN, banda liderada pelo ex-guitarrista do HELLOWEEN Roland Grapow. O terceiro álbum do grupo tem previsão de lançamento para o dia 23 de fevereiro, seguido por uma turnê européia. Terrana ainda tocará com AXEL RUDI PELL em outros shows de 2007.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Rage"

Anos 90Anos 90
10 shows pouco comentados

Mike TerranaMike Terrana
"Nunca deixarei um computador limpar minha bunda!"

Mike TerranaMike Terrana
"Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Rage"

A Vida Pós-bilauA Vida Pós-bilau
Vocalista do Life of Agony abre o jogo

Em 03/02/1959Em 03/02/1959
Três ícones do rock morrem em acidente aéreo

Simplicidade é para os falsosSimplicidade é para os falsos
O nome de banda mais complicado do mundo

5000 acessosGuitarristas: os maiores do Hard & Heavy segundo a revista Burnn5000 acessosAnitta: "Eu era roqueira. Comecei no funk por destino."5000 acessosKiko Loureiro: filha ajuda o guitarrista a aprender "Holy Wars"4004 acessosPreguiçosas: as bandas que mais demoraram para lançar um disco5000 acessosGuns N' Roses: Confusão de St. Louis no Jornal do SBT em 19915000 acessosNúmero da besta: Vôo 666 com destino a HEL numa 6ª feira 13? Pois aconteceu.

Sobre Maurício Dehò

Nascido em 1986, é mais um "maidenmaníaco". Iniciou-se no metal ao som da chuva e dos sinos de "Black Sabbath", aos 11 anos, em Jundiaí/SP. Hoje morando em São Paulo, formou-se em jornalismo pela PUC e é repórter de esportes, sem deixar de lado o amor pela música (e tentando fazer dela um segundo emprego!). Desde meados de 2007, também colabora para a Roadie Crew. Tratando-se do duo rock/metal, é eclético, ouvindo do hard rock ao metal mais extremo: Maiden, Sabbath, Kiss, Bon Jovi, Sepultura, Dimmu Borgir, Megadeth, Slayer e muitas, muitas outras. E é de um quarteto básico que espera viver: jornalismo, esporte, música e amor (da eterna namorada Carol).

Mais matérias de Maurício Dehò no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online