Anthrax: "Amo Joey Belladonna", diz Scott Ian

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Tourinho e Anderson Raposo, Fonte: Metal Rage, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Seguem abaixo alguns trechos de uma entrevista de Scott Ian para o site Metal Rage:

O que está acontecendo no mundo do ANTHRAX?

Scott Ian: Vamos começar a compor o novo album em 1º de março. Irei para Chicago neste dia. Charlie [Benante, bateria] tem um estúdio em sua casa (...) e esperamos ter o album escrito pelos próximos - sei lá - seis ou oito meses - o quão longo seja - e então entrar no estúdio.

Mas Joey [Belladonna] está oficialmente fora?

Scott Ian: Sim. A turnê-reunião está oficialmente terminada.

E quanto a Dan [Spitz, guitarra], ele também está fora?

Scott Ian: Sabe, eu realmente não sei responder esta questão. Tenho enviado e-mails para Danny há um bom tempo. Sei que tem muita coisa acontecendo com o próprio mundinho dele. Não sei se as pessoas sabem ou não, Danny é um grande tipo no mundo caro e chique dos relógios (...) e ele tem sua própria linha de relógios saindo em breve. (...) Quando soube por estas coisas online, pensei "Que diabos?", mas ao passar 20 meses com ele e vendo o que ele faz, vi que é um grande negócio para ele (...) então penso que o ANTHRAX é a menor de suas preocupações agora.

Você pode nos dizer o que aconteceu com Joey?

Scott Ian: Nós tínhamos todas as intenções de seguir em frente. (...) após o Japão, nos foi oferecido abrir para o tal do HEAVEN AND HELL/SABBATH com DIO, no que ficamos, tipo, inacreditavelmente empolgados, e Joey, de "bate-pronto" não quis fazê-lo, o que nós não conseguíamos acreditar. E então após dois meses, chegou basicamente ao ponto em que ele simplesmente não queria continuar conosco.E não importa o que ele disse, nem o que dissemos, nem o quanto nós tentamos, ele simplesmente não quis fazê-lo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Então vocês conversaram com [John] Bush [ex-vocalista]? Pois eu vi em uma revista em que você disse que havia algo incompleto com a fase Bush.

Scott Ian: Sempre falamos com Bush. Então é o seguinte... Não há resposta para isto até o momento. John... nos últimos 20 meses (...) ele teve uma filha, vem vindo mais um a caminho, e ele está em um lugar completamente diferente agora. (...) Todos são amigos ainda e tudo está bem - é somente um caso de "agora" na vida dele, não é algo que ele atualmente possa se comprometer. E eu entendo. (...)E eu penso que é absoluta a possibilidade que em algum tempo no futuro desta banda, nós iremos trabalhar juntos novamente. Não há apenas uma resposta a isto no momento. Não posso dizer que John Bush estará no próximo album do ANTHRAX porque ele tem coisas mais importantes para lidar no momento.

No que vocês vocês estão pensando no momento? Vocês têm algumas idéias ou estão apenas relaxando e deixando o tempo passar?

Scott Ian: Nós saímos do período de relaxamento, pois terminamos a turnê no Japão em outubro, e estávamos desligados até então. (...) Nossa atitude - minha, do Charlie e do Frankie [Bello, baixista] - é, iremos sair do tédio total e começar a escrever músicas. E quem vai cantar? Nós vamos dar um jeito...

Em retrospecto, você se arrepende da reunião?

Scott Ian: Não. Diabos, não! Quer saber? Me diverti a valer. Nós pudemos ser uma banda novamente, pudemos nos reconectar, pude ser amigo de Joey e Danny novamente. Apesar do que aconteceu com a gente não indo em frente com Joey, não tenho problemas pessoais com ele - eu amo o cara; Acho ele um sujeito incrível, uma grande pessoa, sério, e apenas desejo sorte a ele no que ele quiser fazer. Digo, o fato de que eu tive que passar os últimos 20 meses com ele, e reconectar-me e voltar a ser uma banda que era ainda melhor do que nós mesmos em 1987. Foi um destes momentos em que posso olhar pra trás e pensar... Um dos melhores momentos foi termos esta idéia e, além de a termos cumprido, ela ter se tornado melhor do que eu havia imaginado.

Confira a íntegra da matéria (em inglês) no link abaixo.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Anthrax"


Anthrax: processo de um milhão por causa de camiseta feiaAnthrax
Processo de um milhão por causa de camiseta feia

The Big 4: como as quatro bandas elaboraram sua jamThe Big 4
Como as quatro bandas elaboraram sua jam


Em vídeo: Seguidores do Demônio, as 10 bandas mais perigosas segundo pastor americanoEm vídeo
Seguidores do Demônio, as 10 bandas mais perigosas segundo pastor americano

Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do ChavesSeparados no nascimento
Paul McCartney e Kiko do Chaves


Sobre Carlos Tourinho

Carlos Tourinho 'tenta' ser economista, além de tradutor nas horas vagas. Fã desde criança de Rock and Roll, por influência do pai músico, desde cedo teve contato com a cena rocker da Bahia, como Marcelo Nova e Raul Seixas, que frequentavam sua casa. Hoje morando no Ceará, curte de tudo um pouco, desde Bob Dylan, passando por Faith No More a Mastodon. Mas seu coração (e cabeça) bate mais forte pelo Thrash Metal de bandas como Metallica, Anthrax e Slayer, e pelo Stoner Rock de Kyuss, Monster Magnet e Fu Manchu. Fanático por Cultura Pop, geralmente é fonte de consulta de seus amigos acerca dos mais variados assuntos sobre cinema, música e literatura. Acredita que Deus é uma mistura de Mike Patton, Martin Scorsese e Bill Waterson.

Mais matérias de Carlos Tourinho no Whiplash.Net.

Sobre Anderson Raposo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Anderson Raposo no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor