Symphony X: "somos gratos ao Dream Theater"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis, Fonte: Roadie Crew
Enviar correções  |  Ver Acessos


O guitarrista Michael Romeo, o qual se apresentou ontem a noite em Porto Alegre na abertura da nova turnê brasileira do SYMPHONY X, falou recentemente à revista Roadie Crew sobre a história de sua banda no Brasil, e a gratidão que têm para com Mike Portnoy e o DREAM THEATER.

Symphony X: tour de 25 anos com Primal Fear e FirewindRaul Seixas: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Confira alguns trechos:

Symphony X e a primeira turnê no Brasil

"Antes daquela turnê, havíamos excursionado pelo Japão, e as pessoas são legais lá. Porém, mais reservadas, apenas aplaudem, e assim demonstram o carinho que têm pelos seus ídolos. No Brasil... (risos) A van que nos levava ao local do show foi balançada, empurrada, agarrada. Na hora em que saímos do veículo, apareceram vários fãs, e nem sabíamos o que fazer. Mike LePond [baixista do Symphony X] chegou a comentar conosco que nunca poderia esperar algo como aquilo. Ele ficou assustado e satisfeito ao mesmo tempo. Divertimo-nos bastante, e foi tudo insano, e positivo, apesar dos problemas técnicos".

Symphony X e Brasil

"A verdade é que logo que finalizamos Paradise Lost, reunimo-nos e colocamos o Brasil como uma prioridade para o Symphony X. Construímos uma história bonita aí. Vocês nos receberam quando nossa música não era sequer reconhecida ou tocada nos Estados Unidos. Os brasileiros são importantíssimos para esta banda. Estamos a caminho do seu país, e já pensamos na volta, pois certamente não demoraremos a retornar, e aí tocaremos mais músicas de 'Paradise Lost'".

Gratidão ao DREAM THEATER

"A idéia para que isso acontecesse [que o Symphony X participasse da Gigantour] partiu de Mike Portnoy, baterista do Dream Theater, que sugeriu o Symphony X a Dave Mustaine [MEGADETH]. A Gigantour abriu várias portas para nós nos Estados Unidos. (...) Somos muito agradecidos aos irmãos Drover [Shawn e Glen, respectivamente baterista e guitarrista do Megadeth], a Mike Portnoy, e ao Dream Theater".

A matéria completa está na Roadie Crew No. 101 (capa: MEGADETH), e conta com a discografia completa do SYMPHONY X comentada por Michael Romeo, além de todos os detalhes do novo álbum do grupo, "Paradise Lost".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Symphony X"


Symphony X: tour de 25 anos com Primal Fear e Firewind

Trans-Siberian Orchestra: Russell Allen cai em ensaio e vai faltar a showsTrans-Siberian Orchestra
Russell Allen cai em ensaio e vai faltar a shows

Regis Tadeu: por dentro do Symphony X com Paulo Baron (vídeo)

Guitarristas: os maiores do Hard & Heavy segundo a revista BurnnGuitarristas
Os maiores do Hard & Heavy segundo a revista Burnn

Pra ouvir e discutir: os melhores discos lançados em 2002Pra ouvir e discutir
Os melhores discos lançados em 2002


Raul Seixas: Perguntas e respostas e curiosidades diversasRaul Seixas
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Nirvana: Dave Grohl explica porque não toca clássicos ao vivoNirvana
Dave Grohl explica porque não toca clássicos ao vivo


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

adGoo336