Megadeth: "Espero que a estada de Ellefson seja permanente"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Tourinho, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O líder do MEGADETH, Dave Mustaine, divulgou uma mensagem de áudio na qual ele comenta sobre a saída do baixista James Lomenzo e o retorno do baixista original da banda, David Ellefson.

Megadeth: veja trailer de "Dwellers", filme da produtora de David EllefsonTotal Guitar: os 20 melhores riffs de guitarra da história

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Primeiro, quero agradecer a James Lomenzo por seus anos de serviço fiel e coerente para com o Megadeth, comigo e com os fãs," diz Mustaine.

"James, eu amo você, e eu desejo tudo de bom em tudo o que você faz."

"Agora, a coisa mais excitante que eu tinha a dizer há algum tempo..."

"Como eu disse no nosso site, eu tinha um grande anúncio a fazer... David Ellefson está retornando para sua casa, às suas raízes, para onde o seu parceiro tem esperado fazer uma jam com ele novamente, e que essa espera para mim acabou."

"Nós ensaiamos e pareceu-me ótimo. Dave até tocou numa faixa que gravamos para este projeto novo que está chegando - Eu vou estar fazendo um anúncio em breve sobre o que é. E ele parecia ótimo. Ele estava ótimo."

"Fizemos um ensaio fotográfico."

"Acabamos de ter um tempo absolutamente maravilhoso juntos, e sabíamos que isso era o certo."

"Eu não sei quanto tempo vai durar isto - espero que seja permanente. Se é só para o tour de comemoração do 'Rust In Peace', eu quero agradecer a David pelo comprometimento para fazer isso. E quero encorajar todos vocês fãs, vão pegar os seus ingressos agora, porque se você perder esta, você nunca poderá ver novamente."

"Eu não sei... você pode ser o tipo de pessoa que vai ser capaz de estar com 70 anos e dizer, 'Sim, bem, eu perdi duas vezes o MEGADETH com Dave Ellefson.' Tá OK. Eu não sou aquele tipo de pessoa. Mas é isso que faz o mundo girar."

"Eu me sinto tão bem, e eu sei que muitos de vocês se sentem demasiadamente bem. E tudo isso é porque eu estava disposto a falar com meu irmão e resolver as coisas."

Você pode escutar essa mensagem de audio neste link.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Megadeth"


Megadeth: veja trailer de "Dwellers", filme da produtora de David EllefsonCanal Barbônico: Dave Mustaine e as suas maiores tretas (vídeo)

Megadeth: guitarras que foram colocadas à venda foram compradas por uma única pessoaMegadeth
Guitarras que foram colocadas à venda foram compradas por uma única pessoa

David Ellefson: seleção para vocal e guitarrista do Brasil tocarem com ele em SPDavid Ellefson
Seleção para vocal e guitarrista do Brasil tocarem com ele em SP

Megadeth: Dave Ellefson rasga elogios a Ian Hill, do Judas PriestMegadeth
Dave Ellefson rasga elogios a Ian Hill, do Judas Priest

Megadeth: enquanto eles não retornam, Ellefson toca com banda cover

Kerrang!: os maiores mascotes do Heavy MetalKerrang!
Os maiores mascotes do Heavy Metal

Em 01/11/2011: Megadeth lançava o álbum Thirteen

Megadeth: Kiko Loureiro comenta a pressão de fazer um novo álbumMegadeth
Kiko Loureiro comenta a pressão de fazer um novo álbum

Megadeth: os 25 anos do clássico YouthanasiaMegadeth
Os 25 anos do clássico Youthanasia

Megadeth: quatro clássicos da banda em formato acústicoMegadeth
Quatro clássicos da banda em formato acústico

Megadeth: David Ellefson e a lenda de Mary JaneMegadeth
David Ellefson e a lenda de Mary Jane


Total Guitar: os 20 melhores riffs de guitarra da históriaTotal Guitar
Os 20 melhores riffs de guitarra da história

Lemmy Kilmister: A vida dele fazia Keith Richards parecer uma menininhaLemmy Kilmister
A vida dele fazia Keith Richards parecer uma menininha


Sobre Carlos Tourinho

Carlos Tourinho 'tenta' ser economista, além de tradutor nas horas vagas. Fã desde criança de Rock and Roll, por influência do pai músico, desde cedo teve contato com a cena rocker da Bahia, como Marcelo Nova e Raul Seixas, que frequentavam sua casa. Hoje morando no Ceará, curte de tudo um pouco, desde Bob Dylan, passando por Faith No More a Mastodon. Mas seu coração (e cabeça) bate mais forte pelo Thrash Metal de bandas como Metallica, Anthrax e Slayer, e pelo Stoner Rock de Kyuss, Monster Magnet e Fu Manchu. Fanático por Cultura Pop, geralmente é fonte de consulta de seus amigos acerca dos mais variados assuntos sobre cinema, música e literatura. Acredita que Deus é uma mistura de Mike Patton, Martin Scorsese e Bill Waterson.

Mais matérias de Carlos Tourinho no Whiplash.Net.

adGoo336