Steven Adler: quando voltar jogarei meu livro numa fogueira

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Paccelly, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 09/08/10. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Alan Cruz, do ExploreMusic, entrevistou recentemente o integrante da versão original do GUNS N' ROSES e atualmente baterista do ADLER'S APPETITE, Steven Adler. Abaixo, você pode acompanhar a conversa.

5000 acessosChester Bennington: Slash comenta a morte do vocalista5000 acessosPunk Rock: os 25 melhores discos segundo o site IGN

Sobre sua autobiografia recém publicada, "My Appetite for Destruction: Sex, and Drugs, and Guns N' Roses" (Meu apetite por destruição: Sexo, Drogas e Guns N' Roses):

Adler: "Eu estou em turnê com a minha banda, ADLER'S APPETITE. Quando eu chegar em casa, depois da turnê, vou construir uma fogueira grande, pegar esse livro e jogá-lo lá. Porque eu quero deixar o passado para trás. Isso é o passado - acabou, eu vivi isso, presenciei isso. Preciso me livrar do passado para seguir em frente para o futuro. Talvez daqui a quinze anos eu escreva um novo livro e eu serei um pouco mais feliz [risos]".

A respeito de sua relação com o vocalista do GUNS N' ROSES, Axl Rose:

Adler: "Eu amo o Axl, quero ser parte de sua vida novamente. Eu quero que ele seja parte da minha. Nós somos irmãos, e nós sempre seremos irmãos. Quer saber de uma coisa? Irmãos brigam! Você pode não gostar sempre do seu irmão, mas você vai amá-lo. E mesmo Axl, ele e todos os seus advogados ou quem for, não podem nos tomar o que nós [a formação clássica do GUNS N 'ROSES] tivemos - o que ainda temos, já que somos cinco e todos estamos vivos, ainda podemos fazer isso. Mas ele não pode tirar isso - ele não pode tirar isso dos fãs, de nós... nem mesmo de si mesmo".

Sobre a possibilidade de uma reconciliação com Axl:

Adler: "Eu sei que se nós cinco nos reunirmos em uma sala, não terá nada mais do que abraços e choro. 'Me desculpe, eu te amo'. É apenas uma questão de entrar nessa sala".

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Chester BenningtonChester Bennington
Slash comenta a morte do vocalista

1801 acessosGuns N' Roses: os 30 anos de Appetite na capa da nova Kerrang!2684 acessosWagner Nascimento: Tocar como o Slash?? Muito fácil!!0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez vocalistas que cantam mais agudo

AC/DCAC/DC
Angus Young conta "Quem é Axl Rose"

Andreas KisserAndreas Kisser
Sim, Johnny Depp sabe tocar guitarra

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"0 acessosTodas as matérias sobre "Adlers Appetite"

Punk RockPunk Rock
Site lista os discos mais representativos da história do estilo

GibsonGibson
Os 10 maiores bateristas de todos os tempos

King DiamondKing Diamond
Alguém já viu Kim Petersen sem a maquiagem?

5000 acessosDossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatos5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19905000 acessosGhost: uma foto assustadora dos bastidores do Rock In Rio5000 acessosBlack e Death Metal: foto inspira criação de logotipos de bandas5000 acessosZakk Wylde: foto do arsenal de guitarras do músico5000 acessosJeff Hanneman: A experiência com cocaína do lendário guitarrista

Sobre Nathália Paccelly

Nathália Paccelly é brasiliense e jornalista. Nascida em 1989, foi apresentada ao Rock ainda no colégio por intermédio dos colegas que formavam bandas. Isso a estimulou a aprofundar seu conhecimento a respeito da música, possibilitando que adquirisse um gosto próprio. "Metal, Power Metal, Hard Rock, Heavy Metal, Trash Metal, Progressive Metal... gosto de todos, aprendi a ser eclética dentro do rock!" Ainda adolescente, escrevia sobre bandas iniciantes e divulgava em seu fotolog. A prática da escrita motivada pela música a ajudou a escolher sua profissão, e é agregando as duas paixões que decidiu colaborar com o site. "A ideia de ter minhas matérias publicadas neste veículo, para este público, é incrivelmente gratificante". A autora também está no twitter: @NatchyPaccelly.

Mais matérias de Nathália Paccelly no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online