Matérias Mais Lidas

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemRick Wakeman relembra época em que o Yes abria show para o Black Sabbath

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemTestament está confirmado na edição brasileira do Summer Breeze, segundo jornalista

imagemA dura bronca dos Titãs em Nando Reis durante gravação de "Titanomaquia"

imagemShow do Dream Theater em São Paulo não será mais realizado no Pavilhão Pacaembu

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemConheça o guitarrista brasileiro de 16 anos que estará no próximo clipe do Megadeth

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemRob Trujillo presta tributo ao Rage Against The Machine após shows em Nova Iorque

imagemCinquenta grandes músicas lançadas por bandas de rock e heavy metal em 2022


Stamp

Cradle Of Filth: nova música disponível em streaming

Por Kako Sales
Fonte: Blabbermouth.Net
Em 07/10/10

"The Persecution Song", a nova música da banda britânica de metal extremo CRADLE OF FILTH, está disponível para audição em streaming neste local.

A edição especial para fãs do novo álbum do CRADLE OF FILTH, "Darkly, Darkly, Venus Aversa", está disponível apenas neste local e será estritamente limitada; uma vez esgotada, nunca mais será produzida novamente.

Como o vocalista Dani Filth afirmou, "este será o melhor álbum do CRADLE OF FILTH que já fizemos, a versão elementar do álbum elementar. Para vocês, nossos leais apreciadores mortais."

A edição de fã vem em um box de luxo contendo:

* 2 CDs: O álbum mais um com faixas-bônus (incluindo "Adest Rosa Secreta Eros", uma faixa exclusiva que não estará disponível em nenhuma outra edição do álbum);
* 1 DVD: O clipe promocional de "Forgive Me Father (I Have Sinned)", mais um documentário sobre o making of do clipe;
* Um livreto capa dura de 64 páginas contendo fotos da banda, reflexões e trabalhos de arte;
* Uma camiseta exclusiva;
* Uma versão lenticular em 3D do trabalho de arte do álbum pronta para moldura;
* Fotografias;
* Um certificado da banda.

A banda ainda está dando os toques finais nos designs de todo o conteúdo do box. Eles serão divulgados em breve.

Essa edição especial para fãs está disponível apenas no site informado e será estritamente limitada. Uma vez esgotada, não será mais produzida.

O tracklist do álbum é:

Disco 1

01. The Cult Of Venus Aversa
02. One Foul Step From The Abyss
03. The Nun With The Astral Habit
04. Retreat Of The Sacred Heart
05. The Persecution Song
06. Deceiving Eyes
07. Lilith Immaculate
08. The Spawn Of Love And War
09. Harlot On A Pedestal
10. Forgive Me Father (I Have Sinned)
11. Beyond Eleventh Hour

Disco 2

01. Beast of Extermination
02. Truth And Agony
03. Adest Rosa Secreta Eros
04. Mistress From The Sucking Pit
05. Behind The Jagged Mountains
06. The Cult Of Venus Aversa (demo)
07. The Nun With The Astral Habit (demo)
08. Deceiving Eyes (demo)

DVD

* Forgive Me Father (I Have Sinned) – clipe promocional
* The Making Of "Forgive Me Father (I Have Sinned)"

"Forgive Me Father (I Have Sinned)", o novo clipe do CRADLE OF FILTH, pode ser visto abaixo. O clipe foi dirigido por Dani Jacobs, que trabalhou previamente com o CRADLE OF FILTH no clipe "Nymphetamine", bem como em clipes de PHIL COLLINS, THE CORRS e MOBY, entre outros.

"Darkly, Darkly, Venus Aversa" está agendado para lançamento em 1º de novembro via Peaceville Records, pelo selo da própria banda, AbraCadaver, (9 de novembro na América do Norte, via Nuclear Blast Records).

"Darkly, Darkly, Venus Aversa" é, nas palavras do famoso frontman do CRADLE, Dani Filth, "sem dúvida o mais rápido e brutal álbum que criamos até hoje. Como um entrosamento da banda tão apropriadamente percebido, ele é como ‘IRON MAIDEN’ em ebulição num cemitério de anjos! Esse álbum é o CRADLE em nosso mais sinistro e obscuro conto de fadas," continua Dani. "Um passeio assassino cheio de fervor e perversão num parque temático de horror gótico; entre o melodrama orquestral e exuberante, uma produção cinemática, onde se encontra riffs furiosos de uma besta voraz, vocais monstruosos que destroem a carne e uma percussão interminável."

O CRADLE OF FILTH – que se consiste de Dani Filth nos vocais, Paul Allender e James McIlroy nas guitarras, David Pybus no baixo, Martin Skaroupka na bateria e Ashley Ellyllon nos teclado – gravou o successor de "Godspeed on the Devil’s Thunder", de 2008, nos estúdios Monkey Puzzle, próximo a Bury St. Edmunds, em Suffolk. Os membros da banda permanecem partidários ao horror satânico característico, compondo novamente um álbum conceitual de tirar o fôlego, dessa vez baseado na primeira esposa de Adão, a libidinosa Lilith; misturando freiras medievais, cavaleiros templários, mitologia grega e sexo, contos de ocultismo e sangue em abundância num caldeirão, para criar um obscuro pesadelo erótico que se passa no seu escopo único de metal vampírico. E com a data de lançamento para véspera do Halloween de 2010, o CRADLE OF FILTH está ávido para se encontrar com os fãs ao redor do mundo. "Mal podemos esperar por tocar (o álbum) ao vivo", diz Dani.

Para este álbum, a banda queria trilhar seu destino, escolhendo lançá-lo em seu próprio selo, AbraCadaver, em conjunção com a Peaceville Records, lar de ícones como DARKTHRONE, KATATONIA, MY DYING BRIDE, BLOODBATH e GALLHAMMER, entre muitos outros. O vocalista Dani Filth decreveu a jogada como sendo "uma escolha pra distanciar de restrições artísticas/inibições mentais impostas por estarem ligados a gravadoras major" e cita o atual clima financeiro como "a oportunidade perfeita para ter o trabalho feito de maneira ainda melhor". E mais importante... quem ainda está faminto pelo sabor da música."

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Kreator divulga vídeo de "Betrayer" ao vivo, com participação de Dani Filth

Do heavy ao black metal, 20 bandas que já gravaram covers do Iron Maiden

Slayer: este papo de fim é pra aumentar as vendas, diz Dani Filth

Cradle of Filth: há liberdade criativa ou Dani Filth dita tudo?

Slayer: 10 bandas que já gravaram covers da reserva moral do thrash metal

Van Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana

A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstars


Sobre Kako Sales

Mineiro de Januária, baterista autodidata, cresceu em ambiente familiar ligado à música popular e erudita. Seu pai chegou a fazer pequenas turnês com bandas da Jovem Guarda como tecladista no fim da década de 70. Aos 10 anos, iniciou os estudos de teoria musical e piano clássico. Teve o primeiro contato com o mundo do metal ao escutar o CD Angels Cry do Angra, aos 15 anos. Desde então tem se dedicado a conhecer, colecionar e difundir o melhor do metal brasileiro e mundial. Graduado em Letras/Inglês, principalmente por influência da língua-mãe do rock, tem como principais ícones do metal as bandas Angra, Symphony X, Dream Theater e Opeth.

Mais informações sobre

Mais matérias de Kako Sales.