Motorhead: Segundo Lemmy Kilmister, "Rap não é música"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Atlantic City Weekly
Enviar correções  |  Comentários  | 

Ed Condran, do jornal estadunidense Atlantic City Weekly conduziu em fevereiro de 2011 uma entrevista com o icônico líder do MOTORHEAD, Lemmy Kilmister, durante a qual ele se posicionou quanto sua relação com o rap.

489 acessosSeparados no nascimento: Mikkey Dee e Dru (Meu Malvado Favorito 3)5000 acessosIndústria: 17 coisas que bandas novas simplesmente não entendem

Perguntado se ele via virtude no hip-hop, Lemmy replicou: “Por que veria se não é música? Não há nada de criativo sobre fazer aquilo (cantar rap) em cima de música que outra pessoa criou. Eles vão e pegam a bateria do John Bonham. Eu não chamo isso de música. Eu acho que eles (rappers) poderiam inventar seus próprios sons, mesmo alguns sons básicos e ainda assim não o fazem. Triste.”

Seria interessante perguntar a Lemmy onde estava toda essa convicção em 1993 quando ele gravou o single ‘Born To Raise Hell’ com o rapper ICE-T. A canção, que também conta com o vocalista do UGLY KID JOE, Whitfield Crane, foi feita especialmente para a trilha sonora do filme AIRHEADS, com Adam Sandler. A prova do crime pode ser vista abaixo:

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 25 de fevereiro de 2011
Post de 29 de maio de 2012
Post de 12 de março de 2013
Post de 02 de novembro de 2014
Post de 06 de julho de 2016

Bill WardBill Ward
Os dez discos de metal favoritos do baterista

489 acessosSeparados no nascimento: Mikkey Dee e Dru (Meu Malvado Favorito 3)740 acessosMotorhead: Roger de Souza bate papo com Gastão Moreira, do KZG1731 acessosMotorhead: biografia mostra o quão Lemmy era único1502 acessosLoudwire: em vídeo, os 10 maiores riffs de metal dos 80's480 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

Lars UlrichLars Ulrich
Quando conheci o Motorhead decidi montar o Metallica

Lemmy KilmisterLemmy Kilmister
"O maior inimigo de uma mulher é outra mulher"

InspiraçãoInspiração
Bandas que adotaram títulos de músicas como nome

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"

IndústriaIndústria
17 coisas que as bandas novas não entendem

Heavy MetalHeavy Metal
As piores capas dos grandes artistas do gênero

Power MetalPower Metal
Os dez álbuns essenciais do gênero

5000 acessosAve, Satan!: As dez melhores músicas sobre o Inferno5000 acessosMúsicas Ruins: blog elege as piores de grandes bandas do Rock/Metal5000 acessosThe Wall - Uma obra de arte conceitual5000 acessosSeparados no nascimento: Ozzy Osbourne e Renato Aragão5000 acessosDave Ellefson: quem é o maior baixista de metal da história?4409 acessosUltimate Classic Rock: Os 10 melhores singles de estreia

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online