A Revolução é Agora: Suíça legaliza downloads gratuitos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Nacho Belgrande
Enviar correções  |  Ver Acessos

Enquanto a França continua a intensificar sua ação antipirataria, a Suíça mantém-se na direção oposta. Antes do último fim de semana, o governo Suíço declarou que o livre download para uso pessoal irá continuar dentro da legalidade, citando os resultados de um estudo lançado recentemente. "O Superior Tribunal de Justiça conclui que ação legislativa não é cabível," uma declaração feita publicamente concluiu, tal como traduzido diretamente do alemão.

Dedo x Palheta: Jason Newsted joga gasolina na fogueira do debateSexo: os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal Hammer

A ação com certeza irá irritar um lobby por parte da indústria do entretenimento que fica cada vez mais agressivo, apesar do relatório discordar da maioria dos argumentos propostos. O estudo, patrocinado pelo próprio governo Suíço, conclui que o download gratuito NAO AFETA NEGATIVAMENTE os gastos com entretenimento como um todo, e dependendo do caso, até o aumenta. "A quantidade total de renda disponível sendo gasta em entretenimento permanece constante, apesar de mudanças terem sido observadas," lê-se no relatório.

Isso acompanhado de uma constatação de que cerca de um terço da população acima dos 15 anos de idade faz downloads com freqüência. Mas o relatório apontou especificamente para as subseqüentes compras de ingressos para shows e merchandise, entre outros itens tangíveis.

O que realmente deve fazer sentido para a Suíça, um grupo relativamente rico com pilhas consideráveis de dinheiro pra gastar. E isso significa que a produção cultural suíça não deve ser afetada, que é o que importa de fato pro governo do país. "Isso afeta principalmente a produção estrangeira," continua a conclusão do relatório. "Mas ela precisa adaptar-se às constantes mudanças de comportamento dos consumidores."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Pirataria"


Pirataria: enquanto isso, em uma loja de CDs na Rússia...Pirataria
Enquanto isso, em uma loja de CDs na Rússia...

Pirataria: álbuns mais baixados ilegalmente no Reino UnidoPirataria
álbuns mais baixados ilegalmente no Reino Unido

Frank Zappa: downloads contra a pirataria... em 1989Frank Zappa
Downloads contra a pirataria... em 1989


Dedo x Palheta: Jason Newsted joga gasolina na fogueira do debateDedo x Palheta
Jason Newsted joga gasolina na fogueira do debate

Sexo: os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal HammerSexo
Os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal Hammer

Metallica: James Hetfield imitando Dave Mustaine na TVMetallica
James Hetfield imitando Dave Mustaine na TV

Guitar Hero: veja como o jogo desgraçou uma geração inteiraGuitar Hero
Veja como o jogo desgraçou uma geração inteira

Chris Cornell: a emocionante despedida de Tom MorelloChris Cornell
A emocionante despedida de Tom Morello

Sepultura: novos vídeos comprovam que Eloy não é humanoSepultura
Novos vídeos comprovam que Eloy "não é humano"

Tico Santa Cruz: sua opinião sobre Cid Gomes e os achacadoresTico Santa Cruz
Sua opinião sobre Cid Gomes e os achacadores


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336