Alvin Lee: músicos lamentam morte do guitarrista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos


Inúmeros músicos do rock e heavy metal manifestaram-se à notícia da morte do lendário guitarrista e vocalista britânico Alvin Lee, fundador da banda TEN YEARS AFTER, que faleceu no início da quarta-feira (6 de março), após complicações decorrentes de um procedimento cirúrgico de rotina.

Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaAve, Satan!: As dez melhores músicas sobre o Inferno

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ric Lee (baterista do TEN YEARS AFTER): "Estamos todos estarrecidos. Todos nós. Eu acho que ainda nem deu para assimilar a realidade do falecimento dele. Todos nós estamos pensando na família e nos amigos dele hoje e prestamos nossas condolências."

Leo Lyons (baixista do TEN YEARS AFTER): "Fiquei sabendo do falecimento do Alvin e foi um completo choque para mim. Eu ainda não caí na real. Sinto-me muito triste. Ele foi a coisa mais próxima que tive de um irmão. Nós tivemos nossas diferenças, mas nós partilhamos juntos tantas experiências incríveis que nada vai apagar. Eu vou sentir muita falta dele. Ele foi uma inspiração para uma geração de guitarristas. Continue arrasando, Alvin!"

FOGHAT: "Muito entristecedor saber do falecimento de Alvin Lee. Realmente um dos maiores guitarristas de nossos tempos. Nossos corações e pensamentos estão com sua família e amigos. Você deixará saudades, Alvin."

Joe Bonamassa (BLACK COUNTRY COMMUNION): "Descanse em paz, Alvin Lee... Mais um herói se foi essa semana... Isso está se tornando rotineiro demais... Uma noite muito triste."

Geezer Butler (BLACK SABBATH): "Chocado e entristecido em saber do falecimento de Alvin Lee, um dos verdadeiros grandiosos e uma das maiores influências para o SABBATH. A guitarra mais rápida do oeste. Ele foi uma das poucas pessoas que acreditou no SABBATH quando começamos, e ele nos arranjou nosso primeiro grande show em Londres, no Marquee. Um verdadeiro cavalheiro e um sujeito adorável. RIP Alvin."

Slash (VELVET REVOLVER, GUNS N' ROSES): "Acabei de saber do falecimento do Alvin Lee. Ele foi o primeiro guitarrista fodão, super rápido que me lembro de ter ouvido quando criança. lenda. RIP."

Bill Ward (BLACK SABBATH): "Obrigado, Alvin, por tudo que você foi. Por tudo que você deu. Você foi único. Sua música arrasava com paixão, força, entusiasmo; Valente diante do perigo, levando o ouvinte ao ponto do impressionante. Resumindo, obrigado. Obrigado. Nossos pêsames à familia do Alvin. Sinceras condolências nesse momento de perda."

Joe Satriani (CHICKENFOOT): "Alvin Lee foi uma grande influência no meu modo de tocar. Ele foi um grande músico e também um cavalheiro. Eu ainda tenho a palheta que ele me deu há uns anos... R.I.P. Alvin Lee."

Glenn Hughes (BLACK COUNTRY COMMUNION, DEEP PURPLE): "RIP Alvin Lee... muito triste saber do falecimento de mais um amigo..."

Danny Vaughn (TYKETTO): "Muito triste perder o Alvin Lee, um dos primeiros heróis da guitarra."

Rasmus, webmaster de Jon Lord: "RIP, Alvin Lee, que tristemente faleceu hoje cedo. Jon tocou em alguns de seus discos, e - o que é ainda mais legal - Jon, Lee e outros costumavam fazer um som na casa do George Harrison em reuniões particulares, e a viúva dele tem gravações disso."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Ten Years After"


Rock: os 10 guitarristas mais subestimados da históriaRock
Os 10 guitarristas mais subestimados da história


Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaSlash
Guitarrista fala sobre a origem da sua cartola

Ave, Satan!: As dez melhores músicas sobre o InfernoAve, Satan!
As dez melhores músicas sobre o Inferno


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

adGoo336