Metallica: agora é o baixista quem fala sobre o novo álbum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/04/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


384 acessosMetallica: Cliff Burton VS Jason Newsted VS Robert Trujillo5000 acessosSlipknot: Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir

O site AllAfrica.com entrevistou recentemente o baixista do METALLICA, Robert Trujillo. Seguem alguns trechos da conversa.

AllAfrica.com: Há gente por aí que acha que o METALLICA é a maior banda do mundo. Você acha que toca na maior banda do mundo?

Robert: Um, sim, eu acho sim. Eu não muito de ver as coisas dessa forma porque meu lance é manter os pés no chão e nadar conforme a maré, e ter noção da sua existência e ser humilde. Mas é muito legal da parte deles achar isso. Eu entendo por que eles pensam assim. Somos uma banda especial e a razão disso é porque estamos muito envolvidos. Eu valorizo muito isso, eu gosto disso. Eu fico meio intimidado, tipo: ah, não, assim eu fico sem jeito. [risos] Estar no METALLICA é incrível, porque eles são meus heróis, sabe. Somos uma equipe; somos uma família e então eu me sinto abençoado de ser parte dessa equipe.

Podemos esperar por um novo álbum do METALLICA em breve?

Bem, estamos trabalhando em novas músicas. Há um processo de eliminação e é aí que vamos pegar todas as idéias, e vamos dar uma escutada e algumas não vão passar disso, e a maior parte das coisas a gente toca e tenta de formas diferentes e as revisita durante uns oito meses, talvez. Então há um processo extenso de eliminação antes da composição da música, efetivamente. Mas posso lhe dizer que as idéias que tenho ouvido estão bem, bem empolgantes e nos vejo fazendo um ótimo álbum. Eu sinto de coração que vamos fazer algo especial. Além disso, não faço idéia do que vai acontecer porque, nesse exato momento, está tudo ótimo e estamos fazendo as coisas, mas quanto ao novo álbum – veremos.

Vocês conquistaram tantas coisas como banda. O que mais? Onde vocês se vêem daqui a alguns anos?

O interessante é que temos um filme 3D que está saindo logo em breve e isso por si só já é uma experiência e um desafio. Eu crio que vai ficar ótimo. Eu vi um trecho recente e temos muito trabalho a fazer – não terminamos, mas estamos próximos disso e tenho a sensação de que o resultado final será especial. Agora, o que isso fará por nós, ou aonde isso nos levará não dá para saber, entende, mas eu tenho um bom pressentimento sobre isso. Eu também acho que são essas experiências e desafios que fazem o METALLICA grandioso e especial e que mantém as pessoas interessadas. Nós fizemos nossos shows de aniversário de 30 anos há pouco mais de um ano no lendário Fillmore Theatre in San Francisco — você sabe, onde a Janis Joplin, THE GRATEFUL DEAD e todas essas bandas especiais tocaram. Mas o lance é que trouxemos artistas de todo o mundo. Então trouxemos o MERCYFUL FATE, o Ozzy Osbourne, o Rob Halford, vocalista do JUDAS PRIEST. Havia essa longa lista de gente para trazer, isso foi um compromisso, ensaiar com eles, aprender as músicas deles e subir no palco com eles. Que banda faz isso? Eu não conheço nenhuma banda que faça isso, mas esse é o tipo de coisa que nós fazemos – nós nos desafiamos. Às vezes é uma experiência gloriosa e em outras talvez não dê certo. Mas esses riscos que corremos são o que fazem do METALLICA uma banda especial.

Leia a entrevista na íntegra no AllAfrica.com
http://allafrica.com/stories/201304261217.html

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 01 de maio de 2013

MetallicaMetallica
A música preferida dos fãs nos shows ao vivo

384 acessosMetallica: Cliff Burton VS Jason Newsted VS Robert Trujillo285 acessosMetallica: mais vídeos oficiais ao vivo, jovem fã sobe ao palco293 acessosMeshuggah: e se "Bleed" tivesse a bateria de "St. Anger"?380 acessosMetallica: vídeo profissional de "Creeping Death" em Miami0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

MetallicaMetallica
Kirk Hammett conta como se juntou à banda

Lars UlrichLars Ulrich
Improvisando no palco ao lado do pai de 86 anos

MetallicaMetallica
Várias releituras diferentes de "Master of Puppets"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir

SolosSolos
Alguns dos mais bonitos do Heavy Metal

Courtney LoveCourtney Love
"Parei com drogas e fodi como um coelho"

5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosChris Cornell: cantor usou aparelho de escalada para tirar a vida5000 acessosPattie Boyd: o infernal triângulo com George Harrison e Eric Clapton5000 acessosW. Axl Rose: o som de 25 mil dólares da BMW do vocalista3850 acessosTop 10: unanimidades entre os álbuns de rock ao vivo4576 acessosMötley Crüe: Mick Mars admite que banda usa fitas ao vivo

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online