Slipknot: baterista comenta seu novo projeto

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 28/05/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O baterista do SLIPKNOT, Joey Jordison, recentemente falou com a Metal Hammer do Reino Unido sobre seu novo projeto.

1203 acessosSlipknot: estúdio x ao vivo, expectativa e realidade5000 acessosMetallica: Jason explica o baixo apagado de And Justice For All

“Eu estaria trabalhando em novo material do SLIPKNOT desde o fim do ciclo de turnês do ‘All Hope Is Gone’, mas eu acabei com tanta coisa que eu tinha que dar um passo para trás e parar de trabalhar com isso”, explica. “Não era a hora certa, mas eu acabei com tanto material realmente bom e pesado, e comecei a levá-los em uma direção diferente. Eu comecei a focar-me bastante em algo pós-punk e industrial, que eu sempre amei, e comecei a colocar estas guitarras pesadas e super brutais no topo disto. Foi assim que comecei. Levou alguns anos para chegar aqui, mas posso dizer honestamente que estou mais satisfeito do que jamais estive em um estúdio. Mal posso esperar que todos ouçam isto.”

Ele continua: “Eu tenho feito o grosso do trabalho no estúdio, mas agora tenho Jed [Simon, STRAPPING YOUNG LAD] e Kris [NORRIS, DARKEST HOUR] tocando guitarra em tudo.” Adiciona. “Chris [Vrenna, NINE INCH NAILS] está nos teclados e sintetizadores e todas essas coisas, e eu tenho um cara meio desconhecido nos vocais. Seu nome é Henry [Derek Bonner do BLOOD PROMISE], e ele é super talentoso e um ótimo vocalista. Eu não quero ninguém de uma banda conhecida cantando nesta banda, porque ela se tornaria mais um supergrupo e não é isso que eu quero.”

O vocalista do SLIPKNOT, Corey Taylor, foi ambivalente sobre trabalhar em novo material deste a morte do baixista do grupo, Paul Gray, em maio de 2010, por mais que o percussionista Shawn Craham e Jordison, Baterista, estejam confiante sobre uma nova gravação da bana.

A última performance do SLIPKNOT foi em sua própria Knotfest, em agosto passado, em Iowa e Somerset, Wisconsin, nos Estados Unidos.

Jordison disse em 2011 que o SLIPKNOT iria continuar “com ou sem Taylor”

O MURDERDOLLS – banda de Jordison e Wednesday 13, lançou seu segundo álbum, “Womem And Children Last” em agosto de 2010 pela Roadrunner Records.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Bill WardBill Ward
Os dez discos de metal favoritos do baterista

1203 acessosSlipknot: estúdio x ao vivo, expectativa e realidade468 acessosSlipknot: reagindo aos melhores vocais cover da banda2740 acessosSlipknot: o fã que achou alguma coisa na Deep Web0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slipknot"

FaturamentoFaturamento
Quanto Slayer, Slipknot e Exodus fazem por show?

Corey TaylorCorey Taylor
"Scott Weiland é um preguiçoso de merda"

Corey TaylorCorey Taylor
"O rock não está morto. A velha guarda está morta"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Slipknot"

MetallicaMetallica
Jason explica o baixo apagado de And Justice For All

Lady GagaLady Gaga
"O Iron Maiden mudou a minha vida!"

Ozzy x SharonOzzy x Sharon
Conheça a mulher que supostamente causou a separação

5000 acessosMayhem: banda levou restos humanos para o palco em 20115000 acessosAs regras do Thrash Metal5000 acessosBon Jovi: Larissa Riquelme dançando com os seios de fora4755 acessosCradle of Filth: Dani Filth alfinetando o Kiss em 19995000 acessosLed Zeppelin: as crianças da capa de "Houses Of The Holy"5000 acessosRick Rubin: produtor volta a comer carne e perde 60 quilos

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online