Matérias Mais Lidas

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemBruce Dickinson revela qual é sua música preferida do Iron Maiden

imagemRock in Rio libera ingressos extras e novamente dia do metal é único que não esgota

imagemTommy Lee postou uma foto com o "Dr. Feelgood" de fora

imagemNova Fã que descobriu Metallica por Stranger Things quer cancelar banda e reúne provas

imagemPaul McCartney lamenta morte de seu cunhado e advogado: "Extremamente triste"

imagemO hit da Legião que Renato Russo compôs para Cássia Eller e traz coincidência trágica

imagemA reação de Jimi Hendrix ao assistir King Crimson ao vivo

imagemJoão Gordo se reencontra com o amigo Iggor Cavalera; "Agora falta zerar com o vovô"

imagemLemmy, Filho e Espírito Santo: Gary Holt tem certeza que ele era três ao mesmo tempo

imagemSe não fosse o Queen, Max Cavalera provavelmente não existiria

imagemSteve Perry revela o motivo ter recusado substituir Dave Lee Roth no Van Halen


Dream Theater 2022

Sepultura: comemoração de 30 anos com ex-membros?

Por Fernando Portelada
Fonte: Blabbermouth
Em 03/10/13

Raymond Westland, do Ghost Cult Magazine, recentemente conversou com o vocalista do SEPULTURA, Derrick Green. Alguns trechos desta entrevista estão disponíveis abaixo.

GCM: "The Mediator Between Head And Hands Must Be The Heart" é um álbum bem espiritual e sombrio. Por Que?

Derrick: "Eu não sei, na verdade o álbum foi gravado em Venice Beach, na Califórnia. Muito do material foi escrito em São Paulo. Havia muitas coisas acontecendo no mundo nessa época. Houve a eleição do novo Papa, muita sublevação social sobre a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos e, especialmente, sobre a corrupção atual. Muito dinheiro foi investido em estádios, mas há o clamor popular por escolas e hospitais. Muito disto está acontecendo ao nosso redor. Outro grande fator é o nosso baterista, Eloy Casagrande. Compor músicas com ele trouxe muitas mudanças. Ele realmente gosta de tocar Metal e é apaixonado por isso. Ele é bem jovem e a energia que ele trouxe, empurrou o resto de nós a melhorar nosso jogo. Ele realmente queria deixar sua marca e isto fez o novo álbum um pouco diferente dos antigos, eu acho. Era seu sonho tocar com o SEPULTURA e nós realmente precisávamos deste impulso e ele trouxe isso.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

GCM: Ross Robinson produziu o novo álbum. Ele tem uma reputação de levar as bandas ao limite mental para capturar a melhor performance possível. Como ele se saiu com o SEPULTURA?

Derrick: "Ele tinha passe livre com Andreas [Kisser, guitarra e Paulo [Xisto Pinto Jr,]. Ele já tinha gravado com eles em 'Roots', então ele já era familiar com o trabalho interno do SEPULTURA. Ele falou sobre como 'Roots' mudou sua vida e como abriu várias portas para ele como produtor. Nesta segunda vez, ele realmente queria fazer um trabalho diferente de "Roots", mas com o mesmo tipo de energia. Ele já sabia que éramos capazes disso. Ele estava lá naquela sala conosco enquanto gravávamos nossos instrumentos, realmente nos forçando fisicamente. Ele constantemente perguntava por que certas partes estavam lá, por que certas palavras estavam lá. Nós revisamos as letras juntos, com todos presentes na sala. Foi algo que nunca fizemos. Eu escrevi as letras e estava pronto, simples assim. Ele perguntou a Eloy ou Paulo o que as letras significavam e se podiam se identificar nelas. Antes de começarmos ele dizia que não sentia emoção por trás de certa letra. Ele dizia: 'Dê tudo de si ou não dê nada. Nós estamos vivendo um momento especial. Este álbum é sobre liberdade e muitas energias diferentes, e várias pessoas precisam dessa música para ajudar a lidar com seus dias. [...]"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

GCM: A banda está celebrando seu 30º aniversário. Vocês tem planos para algo especial, como um box set de raridades ou um DVD especial?

Derrick: "Nós vamos na verdade gravar um DVD no Rock In Rio com um grupo de percussionistas franceses, e quando finalizarmos o atual ciclo de turnês do novo álbum com Eloy, vamos sentar e pensar em algo especial juntos, como algumas pessoas do antigo SEPULTURA aparecendo e tocando em uma grande locação. Isto é algo que estamos pensando há algum tempo, mas, como eu disse, nós precisamos finalizar o atual ciclo de turnês do novo álbum, porque eu sinto que este álbum realmente vale a pena. Nós precisamos sair e tocar estas novas músicas. Escrevemos estas músicas, gravamos elas no estúdio, mas tocar ao vivo é algo totalmente diferente. Precisamos ter esta experiência primeiro e acho que várias destas músicas vão aparecer no próximo DVD do SEPULTURA, mas sim, celebrar 30 anos da banda iria incluir uma bela locação e vários convidados especiais. [risos]"

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iggor Cavalera relembra jogo do Palmeiras que viu na torcida do River e quase deu ruim

Se não fosse o Queen, Max Cavalera provavelmente não existiria

Sepultura: setlist, fotos e vídeos de show no Sesc Pompeia, em São Paulo

João Gordo se reencontra com o amigo Iggor Cavalera; "Agora falta zerar com o vovô"

Resenha - Max e Iggor Cavalera (Audio, São Paulo, 07/08/2022)

Discos do Sepultura serviram de inspiração para novo álbum do Soulfly? Max responde

Sepultura: resenha do show em Jundiaí (Sesc Jundiaí, 29/07/2022)

Por que Max Cavalera acha que "Roots" do Sepultura foi rotulado como Nu-Metal

Max e Iggor convidam Jairo, detonam no Rio e alfinetam: "Verdadeiro Sepultura"

Max Cavalera comenta reunião do Pantera e diz que não pensa em se reunir com o Sepultura

Max Cavalera revela qual música sente mais orgulho de ter escrito

Max Cavalera e os fãs das antigas que só querem ouvir o "Arise"

"Roots": Max Cavalera não concorda com a opinião geral da galera sobre o álbum

Robb Flynn e ex-guitarrista do Machine Head tocam "Roots Bloody Roots" em live

Andreas Kisser retoma posto no Sepultura após ausência por tragédia familiar

Metal: você acredita na "lenda do terceiro álbum"? - Parte 1

Black Sabbath: ícones do metal nacional se despedem da banda

Sepultura: Se essa banda não for a verdadeira, eu não sei qual há de ser

Metallica: a letra que fez Hammett e Hetfield chorarem

Slash: por que ele usa óculos escuros o tempo todo?


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada.