Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana cuja letra fala sobre esperança de Renato em se curar da AIDS

imagem"Babá de Artista" do Rock in Rio diz que Iron Maiden não dá trabalho e são "gentleman"

imagemPrika: "Já esperava saída da Fernanda, mas só em longo prazo e não naquele momento"

imagemMetallica e as duas músicas do "Black Album" que retratam traumas de James Hetfield

imagemPodcast diz que prática comum no black metal hoje seria "coisa de esquerdomacho"

imagemDinho lembra quando entrevistou Robert Plant sem poder falar sobre Led Zeppelin

imagemMax e Iggor convidam Jairo, detonam no Rio e alfinetam: "Verdadeiro Sepultura"

imagemA lenda do Rock que se arrepende de nunca ter dormido com Jimi Hendrix

imagemNando Reis e a enigmática música que ele queria usar para seduzir Marisa Monte

imagemTom Morello explica por que o RATM se reúne, mas não lança novas músicas

imagemDiscos do Sepultura serviram de inspiração para novo álbum do Soulfly? Max responde

imagemA sincera resposta de João Gordo para quem o acusa de ser "traidor do movimento"

imagemO hit dos Engenheiros do Hawaii com citação de canção soviética sobre defender a pátria

imagemRobert Fripp e a frase que Jimi Hendrix lhe disse que aqueceu seu coração

imagemQuando Slash tentou entrar pro Kiss mas foi rejeitado por um motivo cruel


Dream Theater 2022

Melechesh: "Enki" será lançado em fevereiro

Por Carlos Henrique Schmidt
Fonte: Bravewords
Em 09/12/14

Fundada por um jovem guitarrista - que adotou o pseudônimo Ashmedi - na cidade de Jerusalém em 1993, MELECHESH sempre foi uma banda visionária e que inventou um gênero próprio.

Em 27 de fevereiro (UE), 02 de março (UK) e 10 (US), MELECHESH lançará o sucessor de sua obra-prima de 2010 "The Epigenesis", intitulado "Enki", via Nuclear Blast Records.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

O álbum foi gravado na Grécia por Giorgos Bokos (Rotting Christ), enquanto Jonas Kjellgren (IMMORTAL, LEGION OF THE DAMNED, OVERKILL, HYPOCRISY) teve o cuidado com a mixagem e masterização em seu renomado Black Lounge Studios na Suécia.

Ashmedi comentou: "Para a capa trabalhamos novamente com John Coulthart, que fez nossas duas capas anteriores. A arte reflete a dinâmica do álbum e do mundo do MELECHESH: a ordem e o caos. Ela amalgama em vários conceitos espirituais, culturais e mitológicos do Oriente Próximo e Médio e os nossos aspectos líricos. Mais uma vez, foi baseado na proporção áurea, que para o propósito deste álbum parecia adequado. os pilares apresentados aqui são uma continuação do álbum anterior e levam a um caminho de conhecimento. John sempre consegue captar a essência do MELECHESH."

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Enki tracklisting:
"Tempest Temper Enlil Enraged"
"The Pendulum Speaks"
"Lost Tribes"
"Multiple Truths"
"Enki - Divine Nature Awoken"
"Metatron And Man"
"The Palm The Eye And Lapis Lazuli"
"Doorways To Irkala"
"The Outsiders"

Quase todas as músicas e letras foram novamente escritas e produzidas por Ashmedi. O MELECHESH passou um mês em sua sala de ensaios em Hinzweiler (Alemanha) ensaiando o material antes de entrar no estúdio de gravação em Atenas, Grécia. A banda queria um lugar Mediterrâneo para capturar a essência das origens da banda.

"Enki" possui guitarras de 12 cordas, além da de 6 cordas tacando em todo o álbum, para um som mais pesado e harmônica sutilmente mais rico. A banda também afinou seus instrumentos na frequência afinação perfeita 432 Hz ao invés do padronizado 440 Hz um para uma experiência mais profunda sonora dentro da psique humana e de acordo com as vibrações do universo.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

"Enki" tem vários convidados especiais, como os vocalistas Max Cavalera (SOULFLY, KILLER BE KILLED, ex-SEPULTURA) e Sakis Tolis (ROTTING CHRIST), alguns solos feito por Rob Caggiano (VOLBEAT, ex-ANTHRAX).

Com tantas nacionalidades na banda MELECHESH tornaram-se mais confortável em ser rotulado como um ato de terra do planeta ou apenas Jerusalém sem aderir a quaisquer fronteiras virtuais criadas pelo homem. Para a banda isto é rebelião metafórica.

Com este álbum profundo e pessoal preenchido com metáforas, espirituais e referências filosóficas, e um maior desenvolvimento de seu próprio Mesopotamian Metal, MELECHESH está novamente pronto para espalhar a sua magia sonora, revelações iluminadas e arte para o cosmos.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Pré-vendas aqui:
http://www.nuclearblast.de/en/shop/artikel/gruppen/51000.1.html?article_group_sort_type_handle=rank&custom_keywords=Melechesh%2Benki

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?


Sobre Carlos Henrique Schmidt

Graduado em Computação e Administração, a paixão pela música pesada surgiu nos primeiros anos da adolescência e permanece até os dias de hoje. Apesar da preferência pelos estilos mais x-tremos da música pesada (Black, Death, Grind), o seu universo musical não limitado por estes rótulos, mas pelo que a música em si transmite.

Mais informações sobre

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt.