Darkthrone: Fenriz fala sobre Sepultura, Sarcófago, Gal Costa e Caetano Veloso

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Bruce William, Fonte: Rock Brigade
Enviar correções  |  Comentários  | 

Durante entrevista com a Rock Brigade, Fenriz, do Darkthrone, falou de sua relação com a o Metal feito no Brasil e a música brasileira em geral, confira:

1 acessosSepultura: "Roots", ambivalente na forma, polivalente no conteúdo5000 acessosLinkin Park: Chester Bennington abre o jogo sobre seu vício

"Começou com eu encomendando os dois primeiros álbuns de Sepultura no final de 1986. Um ano mais tarde eu recebi um pacote do Max e ele disse que o cara que estava lidando com os envios da banda tinha tomado o dinheiro deles e felizmente ele tinha encontrado a minha carta. De qualquer maneira estava envergonhado porque tive que esperar um ano inteiro pela encomenda, então ele adicionou o último álbum como um um bônus, chamado Schizophrenia. Esse álbum se tornou um dos meus favoritos no Thrash Metal e eu também gosto do Metal mais obscuro como em Bestial Devastation. Em seguida, fui para o Sarcófago e assim por diante, até que na década de 2000 eu entrei em novas bandas como Apokalyptic Raids e muitos outros. Dos caras do Em Ruínas eu recebi compilações feitas de bandas antigas dos anos 80 e 90 que nunca tinha ouvido antes. Eu poderia listar cada banda que eu ouvi, mas levaria muito tempo, só citei mesmo os principais. Falando nisso, eu vi o Grave Desecrator ao vivo!"

Ele continua: "Eu cresci no início dos anos 70 com um álbum chamado Bossa Rio na minha coleção, e lentamente eu comecei a me abrir para a música mais "geral" brasileira também, sendo Sebastiana, da Gal Costa, meu favorito absoluto. Eu também gosto do álbum Tam Tam Tam, de José Prates e também o Krishnanda, do Pedro Santos. Na verdade, eu estou realmente obcecado por esses dois últimos álbuns esses dias. Curto muito também coisas como Caetano Veloso e Os Mutantes. Eu não sou um especialista, mas eu gosto muito do estilo brasileiros dos anos 60. Aqui na Escandinávia parece exótico, mas como eu tinha um álbum de Bossa Nova desde que eu era um bebê me sinto em casa com esse tipo de música. Eu gosto muito de Whipstriker também, eu realmente sinto o que o Victor está fazendo em sua música."

Leia a matéria completa no link abaixo:
http://www.rockbrigade.com.br/index.php?option=com_content&v...

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Malcolm YoungMalcolm Young
Músicos do Sepultura e Ultraje a Rigor lamentam morte

1 acessosSepultura: "Roots", ambivalente na forma, polivalente no conteúdo932 acessosCavalera Conspiracy: veja o unboxing do "Psychosis"596 acessosSepultura: Galeria de fotos do show no Festival de Rock Indaiatuba471 acessosSepultura: com Face of Death e Ego Kill Talent em São Paulo0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Sepultura"

PolêmicaPolêmica
Cinco artistas inesperadamente Rock n' Roll

GuitarrasGuitarras
As mais icônicas do Rock - Parte 1

Max CavaleraMax Cavalera
Ele cortou o cabelo pra ganhar o Ride The Lightning

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Darkthrone"0 acessosTodas as matérias sobre "Sepultura"0 acessosTodas as matérias sobre "Sarcofago"


Linkin ParkLinkin Park
Chester Bennington abre o jogo sobre o seu vício

MulheresMulheres
10 músicas que ajudarão a conquistá-las

Solos de guitarraSolos de guitarra
Lista dos 50 melhores segundo a NME

5000 acessosIron Maiden: "pequena falha" em outdoor na Russia em 20115000 acessosMetalhammer: 10 ridículos anúncios no Heavy Metal5000 acessosOs dez maiores picaretas da música internacional5000 acessosTheatre of Tragedy: Liv diz que foi demitida igual a Tarja no Nightwish5000 acessosTom Araya: filha explica o famoso olhar de vergonha adolescente5000 acessosSebastian Bach: "eu era um brinquedinho das mulheres mais velhas"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 20 de fevereiro de 2017
Post de 10 de março de 2017


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online