Corey Taylor: "pelo menos eles têm coragem", diz sobre Linkin Park

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Alternative Press
Enviar Correções  

Após ter feito críticas às declarações de Chester Bennington sobre a recusa dos fãs em aceitar o novo trabalho do Linkin Park, "One More Light", o vocalista Corey Taylor (Slipknot, Stone Sour) resolveu tecer elogios à postura do grupo. Taylor disse, em entrevista ao site Alternative Press, que, pelo menos, o grupo tem coragem de fazer algo diferente.

Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmes

Classic Rock: os 50 maiores álbuns de rock progressivo

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Inicialmente, Corey Taylor foi questionado sobre as referências a Led Zeppelin e Rolling Stones na música "Fabuless", do novo disco do Stone Sour, "Hydrograd". O entrevistador aponta que não há muitos artistas fazendo algo do tipo no sdias de hoje.

Corey, então, respondeu: "É porque as pessoas estão crescendo muito categorizadas - existe um som específico para active rock, outro para alternativo, para isso e aquilo - e todos estão com medo de sair da caixinha, porque não há provas de que você ganhará dinheiro dessa forma. Nós não ligamos. Para muitas bandas, 'rock' é um palavrão. Eles nem se chamam mais de bandas de rock, se intitulam bandas alternativas".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Depois de comentar que muitas pessoas estão preocupadas em manter suas aparências, Corey Taylor falou sobre o Linkin Park. "Ele errou na forma como falou, mas veja Chester (Bennington). Ao menos, Chester está dando a cara à tapa por sua nova música, em vez de se esconder por trás de uma parede de retórica, por estar com medo de não ganhar dinheiro. O Linkin Park, pelo menos, está tentando fazer algo diferente", afirmou.

Ele continua: "Você pode não gostar, mas quem se importa? Há pessoas por aí que vão gostar e, pelo menos, eles tiveram colhões para fazer isso. Entendo a reação pelo que ele disse, mas ele tem um ponto. F*da-se se você não gosta do novo. As pessoas estão com tanto medo de se arriscar que a única forma para vencer é se você se arriscar, e é o que temos feito em toda a carreira".

Matéria relacionada:

Corey Taylor: agradeça pelo que tem, ele diz para ChesterCorey Taylor
"agradeça pelo que tem", ele diz para Chester

Comente: Você concorda que ao menos tentar algo diferente já é um ponto positivo?




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmesCinema
O melhor e o pior dos rockstars em filmes

Classic Rock: os 50 maiores álbuns de rock progressivoClassic Rock
Os 50 maiores álbuns de rock progressivo


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280