Beatles: Paul McCartney fecha acordo sobre direitos autorais

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Mário Pescada, Fonte: Exame
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 04/07/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Sir Paul McCartney fechou acordo judicial com a empresa Sony ATV Music Publishing sobre os direitos autorais do catálogo dos BEATLES.

3528 acessosUlrich no U2: ele perdeu para McCartney a chance de tocar bateria5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal

Em janeiro desse ano ele havia entrado na justiça norte-americana tentando recuperar os direitos sobre as composições que fez sozinho e em parceira com John Lennon que foram compradas por MICHAEL JACKSON em 1985 e que posteriormente foram adquiridas pelas Sony ATV.

O acordo foi selado em Nova York e segundo seu advogado "ambas as partes haviam resolvido este assunto com um acordo confidencial” - ou seja, alguns milhões de dólares trocaram de mãos para selar a paz e evitar uma longa disputa.

A alegação da defesa de PAUL McCARTNEY foi embasada na Lei de Direitos Autorais de 1976 dos EUA. Resumidamente, essa lei diz que os autores podem reivindicar os direitos de suas canções 35 anos depois de lançá-las após 1978 e se for antes desse ano, deve-se esperar 56 anos.

Na época do ajuizamento da ação, PAUL McCARTNEY avisou que lutaria pelo controle do catálogo dos BEATLES, tendo em conta que em 2018 “Love Me Do” completará 56 anos de lançamento.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de julho de 2017

Lars Ulrich no U2Lars Ulrich no U2
Ele perdeu para Paul McCartney a chance de tocar bateria

2265 acessosE se for verdade?: Famosos que morreram e foram substituídos1386 acessosShows: em vídeo, Top 11 Músicas Viscerais de Encerramento263 acessosVersões: Clássicos que você talvez não saiba, ou não lembre que são0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

Mistura curiosaMistura curiosa
Heróis de quadrinhos e capas de discos

Paul Está Morto?Paul Está Morto?
Um Beatle morreu em 1964? O maior boato da história do rock?

John LennonJohn Lennon
Julian Lennon revela ódio pelo próprio pai

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Paul McCartney"0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"

Contra-baixoContra-baixo
As melhores introduções do Heavy Metal

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Faixa retirada do Youtube volta da melhor forma possível

BandasBandas
Por que ninguém está indo a seus shows?

5000 acessosBeatles: como seriam os quatro rapazes hoje em dia?5000 acessosCuriosidade: artistas que odeiam suas próprias músicas5000 acessosRush: Alex Lifeson lista seus três melhores solos4351 acessosKiss: banda toca clássico do Led Zeppelin em versão acústica5000 acessosBilllboard: os 25 melhores frontmen/women da história do rock5000 acessosRolling Stone: os cem maiores álbuns de Metal de todos os tempos

Sobre Mário Pescada

Mineiro, leitor compulsivo, ouvinte de todas as vertentes do rock - do blues ao grindcore. Valoriza mais a honestidade e entrega em cima do palco do que a técnica. Guarda os flyers dos shows que vai como se fossem relíquias.

Mais matérias de Mário Pescada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online