Mike Portnoy: O que ele acha sobre os comentários de que está em muitas bandas?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carol Manzatti, Fonte: UltimateGuitar.com, Tradução
Enviar Correções  

Mike Portnoy conversou com o apresentador Eddie Trunk e falou sobre o fato de muitas pessoas ainda baterem na mesma tecla de que ele está 'em bandas demais'.

Primórdios: O Rock Brasileiro da década de 50

Megadeth: Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Eu ainda sinto resultado disso. Mesmo com o anúncio feito semana passada sobre a nova banda, Sons of Apollo (Derek Sherinian, Billy Sheehan, Jeff Scott Soto e Ron" Bumblefoot "Thal), estive lendo os comentários sobre e ainda vejo posts constantes como 'Oh, meu Deus! Quantas bandas o Portnoy vai fundar?' 'Oh, meu Deus! Essa é a 87ª banda?' Blá blá blá. Então, ainda é um assunto sobre o qual as pessoas gostam de me perseguir. Mas o lado bom disso é que eu consigo lidar com isso tudo." disse Mike.

Ele segue: "Sou apenas um adepto do trabalho e sou muito profissional em como coordeno meus trabalhos e garanto que tudo se encaixa e tudo funciona. As pessoas cometem um equívoco pensando que eu começo uma banda e depois desisto aí começo outra banda e assim por diante. Então, como dizem as pessoas, das '87 bandas' em que eu estive (risos), eu só saí de duas. Uma era o DREAM THEATER (fiquei 25 anos nela) e a outra foi o ADRENALINE MOB porque naquela época, eu não conseguia fazer 'malabarismo' com tudo na vida. Mas em todas as bandas das quais faço parte, eu me esforço e trabalho muito e se hoje eu consigo fazer esse malabarismo pra tudo funcionar e ir pra frente, porque diabos eu não vou fazer?"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Desde o Dream Theater, fiz muitas coisas e estive em tantas bandas diferentes. Literalmente, parece que sempre é adicionado mais um trabalho na lista todos os anos, fora as bandas em que eu apenas fiz participações breves como Twisted Sister ou Avenged Sevenfold. Então, sim, a lista continua ficando cada vez mais longa e mais longa. Mas o fato é que se você é alguém que ama música, você quer fazer coisas diferentes, você quer tocar com pessoas diferentes! Se você é por exemplo um ator, você não quer fazer o mesmo papel o resto da vida não é? Você quer trabalhar com diferentes diretores e outros atores e outros roteiristas e tentar diferentes papéis em diferentes gêneros. Então pra mim, não é diferente como músico. São apenas novas experiências."

Depois desse 'desabafo' do baterista das '87 bandas', o fato é que, só assume vários projetos quem tem talento pra isso. E devido ao curriculo que Mike formou em sua trajetória musical, fica bem claro que não importam as piadinhas, ele tem muita bagagem e muita competência. A banda Sons of Apollo, trabalho mais recente de Mike, lançará o álbum de estréia chamado "Psychotic Symphony" em 20 de outubro. Confira uma prévia abaixo (áudio):

Comente: Você acha que Portnoy está em bandas demais? Ou ainda tem tempo para mais algumas?




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Primórdios: O Rock Brasileiro da década de 50Primórdios
O Rock Brasileiro da década de 50

Megadeth: Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatosMegadeth
Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatos


Sobre Carol Manzatti

Ex-baterista, cozinheira, apaixonada por rock'n'roll. Viveria da música se possível, mas ainda não foi aceita no Iron Maiden, então seguirá só escrevendo sobre bandas. Fã do Darth Vader.

Mais matérias de Carol Manzatti no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline WhipDin