Marduk: padre católico da Guatemala afirma que banda não é satânica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Henrique Schmidt, Fonte: El Puerto Informa
Enviar Correções  

Segundo a Billboard, a banda de Black Metal sueca MARDUK foi proibida de entrar na Guatemala após uma votação no congresso, onde por 87 votos a 13, decidiu-se que a banda e qualquer pessoa relacionada, estariam proibidos de entrar e tocar no país, pois segundo os políticos a banda ofende "a moralidade do povo cristão da Guatemala".

publicidade

Na Colômbia e em El Salvador, existem discussões similares envolvendo políticos conservadores cristãos que tentam proibir os shows da banda que está em turnê pela América Latina divulgando o 14º disco da carreira, Viktoria.

publicidade

Mas foi da Guatemala mesmo que o padre católico Sérgio Godoy deu sua opinião acerca do ocorrido:

Qualquer coisa é uma distração muito útil, até mesmo nossos padrões duplos. Mais satânicos do que MARDUK são as intenções básicas dos deputados corruptos que querem aprovar leis em seu favor; mais satânico é um sistema de saúde que mata silenciosamente; mais satânico é esse sistema exclusivo e injusto; satânico é a teimosia e a estupidez do incenso e da procissão abençoados que são escandalizados por um "grupo de música satânica", mas não são escandalizados pela fome e miséria do seu povo e pela ousadia e arrogância dos governantes: isto é satânico.

publicidade



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rock x Igreja: veja 12 artes que mostram essa impávida lutaRock x Igreja
Veja 12 artes que mostram essa impávida luta

Marduk: padre católico da Guatemala afirma que banda não é satânicaMarduk
Padre católico da Guatemala afirma que banda não é satânica


Sepultura: Gloria Cavalera xinga e rebate Derrick Green após entrevistaSepultura
Gloria Cavalera xinga e rebate Derrick Green após entrevista

O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídicaO Clube dos 27
17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica


Sobre Carlos Henrique Schmidt

Graduado em Computação e Administração, a paixão pela música pesada surgiu nos primeiros anos da adolescência e permanece até os dias de hoje. Apesar da preferência pelos estilos mais x-tremos da música pesada (Black, Death, Grind), o seu universo musical não limitado por estes rótulos, mas pelo que a música em si transmite.

Mais informações sobre Carlos Henrique Schmidt

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin