Sepultura: por que a nova música "Isolation" não está disponível no Brasil

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Instagram
Enviar correções  |  Ver Acessos

Os fãs brasileiros de Sepultura não estão conseguindo ouvir a nova música "Isolation" nas plataformas de streaming. O problema, que se estende à América Latina como um todo, apresenta uma mensagem de que a faixa está indisponível em ferramentas como Spotify, Deezer, Apple Music e YouTube Music, entre outros.

Sepultura: Iggor relembra Schizophrenia e comenta chance de tocá-lo em turnêHeavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiram

Divulgação - Marcos Hermes
Divulgação - Marcos Hermes

Só é possível conferir o primeiro single do álbum "Quadra" por meio de seu clipe oficial, lançado no canal da gravadora Nuclear Blast no YouTube. E, de acordo com o guitarrista Andreas Kisser, há um motivo para isso.

Em um vídeo publicado no perfil do Sepultura no Instagram, Andreas Kisser explicou que a situação tem a ver com licenciamento da distribuição da faixa. "A gente ainda está fechando o contrato com uma gravadora de distribuição do lançamento do disco novo nessas regiões - Brasil e América Latina", afirmou.

O guitarrista disse que as negociações "atrasaram um pouco", mas que os fãs não devem se preocupar. "No próximo single, que vai sair na segunda quinzena de dezembro, a gente já vai estar com tudo arrumado, tudo ajeitado e, aí, vai sair em todas as plataformas, tanto o single novo como a própria 'Isolation', que já saiu pelo mundo", revelou.

Veja:

O problema na reprodução de "Isolation" em plataformas de streaming no Brasil já havia sido noticiado, anteriormente, pelo Whiplash.Net. Muitos fãs também chegaram a comunicar a situação para a banda em suas redes sociais, na data em que a música foi lançada - 8 de dezembro.

Sepultura: banda divulga clipe de Isolation gravado no Rock in RioSepultura
Banda divulga clipe de "Isolation" gravado no Rock in Rio

"Quadra"

"Isolation" e a próxima faixa a ser lançada pelo Sepultura integram o álbum "Quadra", que chega em 7 de fevereiro de 2020 pela Nuclear Blast Records. O trabalho será conceitual.

A capa, criada por Christiano Menezes (Darkside Books), "representa as diferentes regiões, fronteiras, tradições que todos nós viemos e tivemos durante o nosso processo de vida". "Olhe para a moeda. Você dá importância ao dinheiro? Ele não está presente apenas na capa, mas na cabeça de todo mundo. Seja a regra do seu próprio jogo!", diz a banda.

Em nota, Andreas Kisser falou sobre o conceito. "Em português, além de outros significados, 'Quadra' significa 'quadra esportiva': uma área terrestre limitada, com demarcações, onde um jogo acontece com suas determinadas regras. Somos de diferentes 'Quadras'. Todos os países têm fronteiras, tradições, cultura, religiões, leis, educação e um conjunto de regras onde a vida acontece", diz, inicialmente.

O músico completa: "Nossas personalidades, o que acreditamos, como vivemos, como construímos sociedades e relacionamentos... tudo depende desse conjunto de regras com as quais crescemos. Conceitos de criação, deuses, morte e ética. Somos escravizados pelo conceito do dinheiro. Quem é pobre ou rico, é assim que medimos pessoas e bens. Independentemente de sua 'Quadra', você precisa de dinheiro para sobreviver. É a regra principal do jogo 'vida'".

Por fim, é explicada a relação do conceito com a capa do álbum. "A moeda é forjada com o crânio do senador, que representa o conjunto de leis em que vivemos. O mapa mundial na cabeça representa as fronteiras das nações, com linhas imaginárias separando pessoas por conceitos de raça e do que é sagrado", afirma.

Quatro partes

Também em material de divulgação, o Andreas Kisser explicou que "Quadra" é dividido em quatro partes. Cada "momento" do disco traz uma proposta diferente.

"O álbum foi composto desta forma: dividido em quatro - três faixas para cada lado - como se fosse um disco de vinil duplo com os lados A, B, C e D", afirmou ele, inicialmente.

"O lado A, aberto por 'Isolation', é mais tradicional, thrash, e representa o discurso do Sepultura, mas sempre com elementos novos. Por isso, Isolation tem essa característica rápida e tradicional. O lado B é mais percussivo, com ritmos brasileiros. O C vai um pouco mais além com o violão, sendo mais instrumental como característica geral. E o D é aquela coisa mais groovada, lenta, com melodia", disse.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Sepultura"


Sepultura: Iggor relembra Schizophrenia e comenta chance de tocá-lo em turnêSepultura
Iggor relembra Schizophrenia e comenta chance de tocá-lo em turnê

David Ellefson: a semelhança (e a diferença?) entre Max Cavalera e MustaineDavid Ellefson
A semelhança (e a diferença?) entre Max Cavalera e Mustaine

Sepultura: A polêmica mudança de vocalista (vídeo)Sepultura
A polêmica mudança de vocalista (vídeo)

Sepultura: Quadra revisita thrash de Beneath e Arise, diz AndreasSepultura
Quadra revisita thrash de Beneath e Arise, diz Andreas

Sepultura: ouça Last Time, mais uma nova música da bandaSepultura
Ouça "Last Time", mais uma nova música da banda

Sepultura: Derrick Green em bate-papo super descontraído no Rock Add (áudio)Sepultura: Max e Igor Cavalera tocam clássicos da banda em Londres (vídeo)

Andreas Kisser: o nono melhor guitarrista da história do metal, segundo revistaAndreas Kisser
O nono melhor guitarrista da história do metal, segundo revista

Grandes covers: cinco versões para Refuse/Resist, do SepulturaGrandes covers
Cinco versões para "Refuse/Resist", do Sepultura

Sepultura: vídeo profissional de show completo em Paris

Sepultura: matar por religião - análise de Mass HypnosisSepultura
Matar por religião - análise de "Mass Hypnosis"

Sepultura: música está em trilha sonora de novela da GloboSepultura
Música está em trilha sonora de novela da Globo


Heavy Metal: celebridades que curtem ou já curtiramHeavy Metal
Celebridades que curtem ou já curtiram

Vitão Bonesso: A imensa coleção do apresentador do BackstageVitão Bonesso
A imensa coleção do apresentador do Backstage


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

adGooILQ