Journey: vocalista defende posição polêmica do presidente filipino

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro, Fonte: Blabbermouth
Enviar Correções  

O cantor filipino Arnel Pineda, que é vocalista da banda Journey, defendeu o presidente filipino Rodrigo Duterte, que tomou medidas duras para controlar o coronavírus, entre elas, a ordem para que a polícia atire em cidadãos que causarem problemas nas ruas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Minhas ordens para a polícia e os militares ... se houver problemas e houver uma ocasião em que eles (nota: os cidadãos que causarem problemas nas áreas bloqueadas) revidem e suas vidas estejam em perigo, atire neles", disse o mandatário na última quarta-feira.

Depois que um fã compartilhou um artigo Twitter sobre os comentários de Duterte, o cantor respondeu: "...suas palavras são tiradas de contexto novamente... ele disse 'se a vida dos frontliners começa a ficar comprometida com a segurança dos soldados / policiais que mantêm a paz e a ordem, então é a hora... ele não estava provocando a DITADURA."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Goo336 Goo336 CliIL Goo336