Evanescence: como Amy Lee explica a falta de mulheres em destaque no rock

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

A vocalista do Evanescence, Amy Lee, publicou um texto nas redes sociais onde reflete sobre a falta de mulheres no chamado "mainstream" do rock. A cantora destacou que pensou bastante no assunto depois de ter concedido uma entrevista e não oferecido uma resposta tão boa ao ser perguntada sobre o assunto.

Top 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone

Max Cavalera: A opinião de Lemmy, Kiko Loureiro, Vinnie Paul e outros

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Considerando que há poucas bandas com musicistas femininas obtendo destaque no rock em comparação aos grupos com homens, Amy Lee disse que as mulheres são "ignoradas" dentro do estilo musical. "Somos deixadas de lado da recapitulação ao longo do resumo geral. É mais difícil chegar às capas de revistas ou às rádios. Nossos rostos não são o rosto clássico e típico do rock", afirmou.

A líder do Evanescence pontuou que está "subentendido nas mentes de todos que as mulheres no rock são menos autênticas". "É como se fôssemos a próxima geração do rock. A segunda parte, não a parte original do rock. Um pequeno nicho sem marca. Mas o negócio é o seguinte: o verdadeiro coração do rock é o espírito de REBELIÃO. Ir contra a corrente. Desafiar pontos de vista, quebrar regras da sociedade e ser assumidamente quem você é", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

De acordo com Amy, existe uma compreensão de que as mulheres no rock exercem os papéis de "mães, namoradas e fãs". "Mas há aquelas dissidentes desonestas que não se moldam nesses papéis e não permitem que isso as impeça de fazer o que elas sonham - e ISSO é rock n' roll!", comentou.

Por fim, a vocalista incentivou todas as "mulheres que estão por aí deixando suas marcas no mundo do rock e desafiando as regras". "Vocês são de verdade. Mil vezes mais legítimas do que qualquer 'mestre dos riffs' tatuado que apenas olha para uma parte", declarou, concluindo com uma mensagem de parabéns ao The Pretty Reckless por emplacar a música "Death By Rock And Roll" por três semanas seguidas na parada Mainstream Rock National, da Billboard, nos Estados Unidos.

A postagem de Amy Lee pode ser conferida a seguir.



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Top 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling StoneTop 500
As melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone

Max Cavalera: A opinião de Lemmy, Kiko Loureiro, Vinnie Paul e outrosMax Cavalera
A opinião de Lemmy, Kiko Loureiro, Vinnie Paul e outros


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280