Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu, em busca de emprego, pede ajuda a seguidores

imagemRegis Tadeu explica porque o vinil e o Spotify vão despencar e o CD vai bombar

imagemOzzy Osbourne revela o único integrante de sua banda que saiu "do jeito certo"

imagemEdgard Scandurra, do Ira!, explica atual sumiço do rock nas rádios brasileiras

imagemDavid Gilmour surpreende ao responder se o Pink Floyd pode voltar a fazer shows

imagemGene Simmons faz passagem de som antes de show do Kiss com roupa inusitada

imagemPaul McCartney lista os cinco músicos que formariam sua banda dos sonhos

imagemMax Cavalera e o conselho dado por Ozzy Osbourne: "ambos nos sentimos traídos"

imagemQuem Glenn Hughes considera digno de substituí-lo como "a voz do rock"

imagemBill Hudson comenta sobre falta de público de Angra e outras bandas nos EUA

imagemJames Hetfield se emociona profundamente no show de BH e é amparado pelos amigos e fãs

imagemBrian May revela o inesperado álbum do Queen que é o seu favorito

imagemPink Floyd: Em entrevista de 1984, David Gilmour falou sobre "The Final Cut"

imagemDez grandes músicas do Iron Maiden escritas pelo vocalista Bruce Dickinson

imagemConheça a "melhor banda com as melhores músicas" para Robert Smith, do The Cure


Stamp

Integrantes do Kiss avaliam e comentam o álbum de estreia faixa a faixa

Por André Garcia
Em 12/05/22

O Kiss foi formado em 1973, quando Ace Frehley se uniu a Paul Stanley, Gene Simmons e Peter Criss, e juntos eles decidiram adotar esse nome. Já no começo do ano seguinte eles gravaram "Kiss" (1974) que, se por um lado não foi um sucesso comercial, por outro possui diversos clássicos que até hoje não podem faltar nos shows da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No livro Kiss por trás da máscara - a biografia oficial autorizada, de David Leaf e Ken Sharp, Paul Stanley, Gene Simmons, Ace Frehley e Peter Criss avaliaram e comentaram faixa a faixa o álbum.

Paul Stanley: Eu daria ao primeiro álbum cinco estrelas, pois foi o pai de todos os outros. Foi como nossa Declaração de Independência, tudo que seguiu se originou desse disco.

Gene Simmons: Eu daria três estrelas. Do ponto de vista sonoro, não resistiu à passagem do tempo, foi gravado com baixíssimo orçamento.

Ace Frehley: Eu o daria cinco estrelas. Acredito que colocamos 110 por cento de dedicação naquele disco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Peter Criss: Eu daria cinco estrelas por ser o primeiro. O primeiro álbum foi meu bebê. Eu dei tudo de mim.

Strutter

Paul Stanley: Foi composta quando a banda era um trio: Peter, Gene e eu. Sabíamos que tipo de música a gente queria fazer, e começamos tocando o que veio a ser "Strutter". A letra era sobre meu fascínio pelas mulheres do cenário glam de Nova Ioque.

Nothin' To Lose

Gene Simmons: Surgiu de mim depois que ouvi o verso em duas músicas. Uma era do Little Richard: [canta imitando ele] "before I had a baby...", a outra música se chamava "Sea Cruise": "you got nothing to lose". Do ponto de vista da letra, "Nothin' To Lose" é sobre sexo anal.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Firehouse

Paul Stanley: Compus "Firehouse" quando estava no ensino médio. Tinha uma banda chamada [The] Move, que tinha a música "Fire Brigade", então me inspirei nela, e a reescrevi.

Cold Gin

Ace Frehley: Compus "Cold Gin" mentalmente num metrô — a letra e a música [risos]. Eu tinha um caderno de espiral comigo. Posso compor músicas de cabeça, que eu sei quais são os acordes. Eu não imaginava que ela fosse ser um clássico do Kiss.

Let Me Know

Paul Stanley: "Let Me Know" surgiu de uma música chamada "Sunday Driver", que foi a primeira música que toquei para Gene quando nos conhecemos. Para Gene foi uma revelação, porque ele ainda não tinha sacado que havia outras pessoas que compunham além dele, Lennnon e McCartney. "Let Me Know" mais tarde ganhou mais um trecho, e acabou no primeiro álbum.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Kissin' Time

Paul Stanley: "Kissin' Time" foi um dos artifícios de Neil [Bogart, dono da gravadora do Kiss na época, Casablanca Records]. Ele falou que aquilo estava sendo gravado só para um comercial, e que jamais seria lançado. [Nós] éramos perfeitamente capazes de escrever nosso próprio material, gravar uma música de Bobby Rydell àquela altura do campeonato não era necessário.

Deuce

Gene Simmons: Eu escrevi "Deuce" mentalmente no ônibus. Ouvi o lick [solo curto], o riff [trecho musical], a melodia… a coisa toda! Fizemos o arranjo e eu soube que seria sucesso durante anos. Do ponto de vista da letra… eu não tinha a menor ideia do que estava falando.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Love Theme from Kiss

Gene Simmons: "Love Theme from Kiss" foi encurtada. Originalmente, tinha sete minutos. Começava com um instrumental, e então passava para uma outra sessão [musical] chamada "You're Much Too Young". A [sessão] "Acrobat" virou "Love Theme from Kiss", e continuou até se tornar o riff de "Detroit Rock City", que Paul roubou e nunca me deu os devidos créditos.

100,000 Years

Paul Stanley: Eu criei a letra inteira, a melodia. Eu me lembro de que a linha de baixo foi mudada, e o que pusemos no lugar era basicamente meu.

Black Diamond

Paul Stanley: Era uma música que eu compus sobre Nova Iorque. A gente fantasiava vendo as prostitutas nas ruas. Peter acabou cantando porque precisávamos de uma música para ele cantar no álbum (e também porque ele foi bastante insistente). Pensávamos como os Beatles, queríamos que todos os integrantes cantassem.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

FONTE: Kiss por trás da máscara
A biografia oficial autorizada
de David Leaf e Ken Sharp

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

PRB


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metal: 16 músicas dos anos 80 para se escutar durante o treino