Matérias Mais Lidas

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemSlash explica por que rejeitou Corey Taylor no Velvet Revolver

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemPaul Di'Anno recebe autógrafo de Rivellino e fica feliz da vida; "Te vejo ano que vem?"

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemTodd La Torre diz que os verdadeiros cantores de heavy metal estão em extinção

imagemBob Dylan explica a diferença entre suas composições e as de Paul McCartney

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

imagemCinco álbuns que serão lançados no segundo semestre de 2022 e merecem a sua atenção

imagemAmazon: seleção de CDs, LPs e livros de rock e metal com descontos e frete gratis


Stamp

Genocídio: entrevista com W. Perna

Por Vitor Luciano carnelossi
Fonte: COLORADO HEAVY METAL
Em 30/07/15

Escrever sobre a banda GENOCIDIO é sempre algo desafiador, escutar e tentar classificar a sonoridade do grupo Tupiniquim é algo desnecessário, pois o GENOCIDIO por si só é um estilo. Promover essas sensações contrastantes sempre foi algo que acompanhou a discografia do grupo. O espirito desafiador em inquieto da banda segue sempre aos olhos atento de seu tutor, W.Perna. Rafael Orsi e João Gobo acompanhados do grande e legendário Murillo Leite, continuam essa trajetória única do GENOCIDIO, produzindo uma nova jornada que promete cada vez mais embaralhar os conceitos dos mais preocupados com rótulos e tendências!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Agradecemos imensamente ao baixista W.Perna, pela simplicidade e disposição em nos atender, sem mais delongas confira a entrevista desse pioneiro do Heavy Metal Brazuca!

1 - Perna, o Genocidio vive uma nova fase de sua prolifera carreira, no entanto a sonoridade sempre se mantem fiel aquele estilo vanguardista sempre inserido na banda, você acredita que hoje em dia as pessoas compreendem melhor as misturas e referencias que vocês carregam desde o início da carreira?

WPerna: Com certeza!! Um grande exemplo é o álbum Posthumous que na época muitos fãs não deram importância e hoje é um disco muito procurado pelo fato da sonoridade ser bem atual depois de 20 anos de seu lançamento.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

2 – Olhando hoje para a discografia da banda, como compositor você tem total ligação com os resultados e características de cada álbum... É possível separar Wanderley Perna de sua obra?

WPerna: Não acho que seja possível rsrsrs... Sempre acreditei que tudo que você se propõe a fazer, para ser verdadeiro tem que ser feito com a alma, se empenhar de forma completa e isso eu faço em tudo, não seria diferente na banda!! Ela carrega a minha alma sempre!!!

3 – É interessante notar que o GENOCÍDIO sempre procurou quebrar padrões e mostrar um material com muita personalidade, em sua opinião qual é o disco em que é mais notável o espírito vanguardista?

WPerna: Citar apenas um trabalho seria injusto! Todos os discos tiveram elementos inovadores cada um em sua época, até mesmo o EP Genocidio (1988) que mudou a forma de cantar Death Metal, substituindo o tradicional vocal rasgado para um vocal gutural que até então não fazia parte do estilo musical em geral!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

4 – Após o relançamento de HOCTAEDROM é a vez de POSTHUMOUS voltar aos catálogos! Como é dar novamente a chance desse material chegar ao público que não vivenciou a época desses lançamentos?

WPerna: Acho muito importante, até porque tocamos músicas de todos os discos nos shows e o público pode adquirir os CDs. Outro fator importante é que nos relançamentos podemos colocar músicas bônus como foi no Hoctaedrom, e será agora no Posthumous que terá uma demo do álbum com 4 músicas com o primeiro vocalista.

5 – O disco REBELLION é um ótimo disco de Death Metal, nas lojas o preço dele anda nas alturas, há alguma chance do disco vir a ser relançado?

WPerna: Ele foi relançado em vinil recentemente e tão logo seja possível vamos relançar em CD!

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

6 – Após anos como guitarrista, agora você tem outra função, você já consegue pensar como um baixista e explorar o instrumento plenamente no processo criativo?

WPerna: Na verdade eu era guitarrista e pensava como baixista rsrsrs. No começo foi estranho, mas a cada ensaio ou show ia ficando mais fácil, mesmo porque a sonoridade do Genocidio não é tão complicada assim!

7 - O DVD PROBATIONS LIVE é um ótimo registro ao vivo do grupo, o Setlist é fantástico. É possível que após dois grandes discos em consecutivo logo surja algo novamente neste sentido?

WPerna: Ano que vem a banda faz 30 anos e é bem provável que gravaremos um DVD para comemorar a data!

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

8 – Pessoalmenteeu acho THE CLAN um disco fabuloso em todos os sentidos, produção, arte gráfica, composições... Mal recuperamos o folego e o GENOCIDIO lança IN LOVE WITH HATRED, um álbum que já nasceu clássico. Após tanta luta deve ser motivador levar o GENOCIDIO em lugar de destaque e superação, afinal vocês podem falar sem clichê que o ultimo trabalho é um dos melhores da banda, não é mesmo?

WPerna: Sem dúvida aprendemos muito nesses quase 30 anos e continuamos a aprender! Outro fator é que quando recrutamos novos membros, logo eles percebem a oportunidade de expandir a criatividade nas músicas pelo fato de não ficarmos preso a um único estilo musical!!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

9 –Vocês já estão trabalhando em algo novo? Quando o Genocidio está compondo, o que você costuma colocar na "vitrola" para dar uma motivação extra!

WPerna: Estamos com todas as composições praticamente prontas, agora é ensaiar bastante e fazer alguns ajustes até a gravação que ainda não definimos! A música faz parte da minha vida, ouço muita coisa todos os dias, a motivação está todos os dias na "vitrola" rsrs.

10 – Agradecemos imensamente sua participação W.Perna, deixo o espaço livre para alguma informação extra e considerações finais! Grande Abraço!

WPerna: Obrigado ao Colorado Heavy Metal pelo espaço e obrigado também a todos que nos prestigiam nos shows e compram nossos discos. Vejo vocês na estrada!!!!!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Por Vitor Carnelossi
http://www.genocidio.com.br
http://www.facebook.com/genocidiobr
http://www.youtube.com/genocidioofficial

COLORADO HEAVY METAL

Confira outras matérias com o GENOCIDIO no blog:

Discografia Comentada:
http://coloradoheavymetal.blogspot.com.br/2015/04/genocidio-o-legado-do-heavy-metal.html

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Biografia:
http://coloradoheavymetal.blogspot.com.br/2014/01/genocidio-uma-banda-para-nova-geracao.html

Biografia: Cover Clássico
http://coloradoheavymetal.blogspot.com.br/2015/01/cover-quando-criatura-supera-o-criador.html

COLORADO HEAVY METAL é uma iniciativa de
Vitor Carnelossi e Evandro Sugahara em prol ao Metal Nacional

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash