Matérias Mais Lidas

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemProdutor de "Temple of Shadows" conta problemas que teve com voz de Edu Falaschi

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemZakk Wylde relembra ídolo: "tão relevante quanto Bach, Beethoven e Mozart"

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemKiko Loureiro explica efeito colateral da saída de Andre Matos que o fez crescer

imagemComo foi 1º encontro de Nando Reis e Cássia Eller, ocorrido na casa de Marisa Monte

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemLuciana Gimenez tentou aprender com Mick Jagger algo que não funcionou para ela

imagemÁlbum histórico do Iron Maiden estampa capa da revista Metal Hammer

imagemRitchie Blackmore comenta o instrumental que lançou como homenagem a Jon Lord

imagemA definição de rock n roll segundo quem melhor entende do assunto: Mick Jagger

imagemTodos os discos do Nightwish, do pior para o melhor, em lista da Metal Hammer


Madness Factory: a força do metal paraibano

Por Junior Frascá
Fonte: Metal Media
Em 22/08/14

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Banda paraibana que tem um som bem diversificado, com uma mescla bem interessante entre thrash metal, crossover, stoner hard e até classic rock, o MADNESS FACTORY acaba de lançar o ótimo "Follow the Madness". O baterista Jorge Augusto nos conta um pouco sobre o novo álbum, bem como os planos da banda para o futuro. Confiram:

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

1. Falem-nos um pouco da recepção do álbum 'Follow The Madness'. Vocês estão satisfeitos?

Jorge: Inicialmente agradecemos pela oportunidade da entrevista! A recepção do disco tem nos dado ótimas resenhas nos meios especializados, além do respaldo dado pelos compradores do mesmo! Estamos plenamente satisfeitos com os resultados até agora conquistados e esperamos ir além!

2. Como é o processo de composição do grupo? Existe algum ritual seguido?

Jorge: Não existe um ritual específico, um dos integrantes chega com a parte estrutural de uma música de acordo com sua inspiração, dai todos analisam, aparam algumas arestas, modificam algumas coisas e então pomos em prática! Temos músicas compostas do zero dentro do estúdio, como as mais antigas e temos composições que partiram de ideias feitas no Guitar Pro!

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

3. Um dos destaques de 'Follow The Madness' é a parte lírica. Como são criadas as letras?

Jorge: Nesse disco o compositor master das letras fora nosso antigo guitarrista Diego Nóbrega que as fez de acordo com seus sentimentos, colocando-as no papel. Todos na banda acharam legal a forma dele compor, parecia uma poesia divertida, satírica, cheio de ambiguidade e subjetividade. A faixa "Le Monde Bizarre" foi composta pelo baixista e vocalista Fillipe Alves e segue na mesma "vibe".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

4. Metal em português ou em inglês?

Jorge: Achamos que a música em geral não tem língua oficial... Falando especificamente do metal o importante é o que a música passa, independente que essa mensagem seja em inglês ou português, a diferença em você fazer letras em sua língua será o cuidado que você terá para não falar besteiras, cometer alguns erros e escrever palavras que se encaixem perfeitamente com a dinâmica da música, acaba sendo até mais criterioso.

5. Contem-nos um pouco da cena nordestina. Vocês acham que ela é desvalorizada mesmo com a enorme quantidade de bandas de alta qualidade?

Jorge: A cena do Nordeste é forte e rica, vale a pena passar algum tempo na caça de materiais de bandas dessa região! Não creio que a palavra certa seja desvalorização e sim estagnação, nossa cena ultimamente é carente em movimentação de bandas e circuitos por cidades vizinhas. Nossa sensação é que falta uma centelha que faça fervilhar esse negócio todo! Usando nosso lado otimista (risos), esperamos que isso aconteça!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

6. O álbum foi lançado em formato físico. O que vocês pensam sobre o material virtual?

Jorge: Pensamos que é mais uma forma de se adquirir e divulgar materiais de bandas! Não temos preconceitos sobre a forma de lançamento, o importante é produzir e lançar! Os mais saudosistas preferirão adquirir o material físico (CD, LP, entre outros) e os não saudosistas poderão adquirir virtualmente, ou seja, tem para todos os gostos!

7. Contem sobre os planos do Madness Factory.

Jorge: Bem, no momento estamos "ajeitando a casa", pois perdemos nosso guitarrista e fundador Diego Nóbrega. Logo que tivermos com o novo guitarrista a pleno vapor, tocando nossas músicas, daremos seguimento aos shows de divulgação de "Follow the Madness".

https://soundcloud.com/madnessfactory-para-ba/sets/follow-the-madness

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá.