Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana cuja letra fala sobre esperança de Renato em se curar da AIDS

imagemMax e Iggor convidam Jairo, detonam no Rio e alfinetam: "Verdadeiro Sepultura"

imagemA lenda do Rock que se arrepende de nunca ter dormido com Jimi Hendrix

imagemTom Morello explica por que o RATM se reúne, mas não lança novas músicas

imagemNando Reis e a enigmática música que ele queria usar para seduzir Marisa Monte

imagemPodcast diz que prática comum no black metal hoje seria "coisa de esquerdomacho"

imagemPink Floyd: Roger Waters relembra a última vez que viu Syd Barrett

imagemQuando Slash tentou entrar pro Kiss mas foi rejeitado por um motivo cruel

imagemO hit dos Engenheiros do Hawaii que faz uma dura crítica à panelinha do rock nacional

imagemA sincera resposta de João Gordo para quem o acusa de ser "traidor do movimento"

imagemLulu Santos diz que "a hora é agora" para manifestações no Rock in Rio

imagemPrika explica critérios para entrar na Nervosa: "Fascista na minha banda não toca!"

imagemO sensato conselho que Lulu Santos deu para o novato Herbert Vianna

imagemDez clássicos do rock e do heavy metal que não têm bateria

imagemBittencourt começou a fazer tai chi chuan no camarim após beque de Mariutti bater forte


Stamp

Rough Silk: "o novo CD é definitivamente um álbum de Metal"

Por Diego Camara
Fonte: BraveWords
Em 07/03/09

Grigoris Chronis, do Metal Temple, recentemente conduziu uma entrevista com Ferdy Doernberg, da banda de Hard Rock alemã ROUGH SILK, que falou sobre a atual situação do grupo, considerando que ele é o único integrante original.

Metal Temple: Isso vai soar meio típico mas - é verdade - o que podemos esperar de "A New Beginning" em termos de música? Como foi predito, faz seis anos desde o lançamento do último álbum. A marca das melodias e da estrutura da banda estará nele de novo?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ferdy Doernberg: "Sim claro, eu já respondi isto antes, eu acho. É ainda o bom e velho ROUGH SILK, que foi criado com um estilo próprio. O nome diz tudo: Rough se mantém como as verdadeiras influências do Heavy (às vezes Thrash e Hardcore) Metal, e Silk para as partes incomuns de vocal, composição e piano que possuímos. Eu acredito que este álbum é muito mais ROUGH SILK do que o último álbum com os velhos membros. E é definitivamente um disco de metal! Esta foi a principal razão dos antigos membros deixarem a banda, eles não estavam mais dentro do metal, e o ROUGH SILK sempre foi uma banda de metal".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Metal Temple: 2009 marca o 20º aniversário da banda, outro sinal de um novo recomeço. Não seria meio cruel perguntar se esta ainda é "sólida", pois você hoje é o único membro original. Ou você sente que a "banda" são as músicas e não simplesmente os membros dela?

Ferdy Doernberg: "Exatamente, como eu havia dito antes: o nome diz tudo. A banda tem um som e um estilo únicos. E bandas como MOTÖRHEAD, RUNNING WILD, SODOM, SAVATAGE, THERION e muitas outras também trabalharam por anos apenas com um dos membros originais. Nós originalmente queríamos dar a banda um nome diferente, mas depois que nós escrevemos as primeiras músicas todos diziam que isto soava a ROUGH SILK, então eu perguntei aos outros rapazes o que eles pensavam, e nós decidimos continuar com o nome original. EU tenho o direito de usar o nome não obstante os outros membros originais tenham parado de tocar e agora vivem em um novo mundo como professores, advogados e pais de família - por que nós daríamos à banda um novo nome?"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O ROUGH SILK teve várias mudanças de formação durante os anos e eu sou o último remanescente, mas atualmente conta mais é o estilo da banda, o nome já diz tudo: ROUGH SILK!!!"

Metal Temple: Você sente que tem que esquecer todos os movimentos errados que foram feitos no passado à respeito do ROUGH SILK? Eu falo sobre os antigos membros, cooperações, contratos. Como você se acha em termos de sabedoria 20 anos depois?

Ferdy Doernberg: "Ah sim, eu me considero bastante inteligente de fato - NÃO! É claro que eu faço muitas coisas diferentes - mas somente se eu souber o que eu sei agora. Nas mesmas situações e com o mesmo conhecimento eu provavelmente faria todos os erros novamente. É claro que nós fomos trapaceados, confiamos nas pessoas erradas (até mesmo em alguns membros da banda...) e fizemos diversos movimentos incorretos - mas esta é a vida!!!"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A entrevista completa esta disponível no Media Temple (em inglês).

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Power Metal: os dez álbuns essenciais do gênero

Andreas Kisser: "Eloy Casagrande talvez não seja humano"


Sobre Diego Camara

Nascido em São Paulo em 1987, Diego Camara é jornalista, radialista e blogueiro. Seu amor pelo metal e rock começou há 6 anos. Um amante da nova geração, é um grande fã de Arjen Lucassen, Andre Matos e bandas como Nightwish, Hammerfall, Sonata Arctica, Edguy e Kamelot. Também não deixa de ter amor pelos clássicos, como Helloween, Gamma Ray e Iron Maiden e do Rock de bandas como Oasis, Queen e Kings of Leon. Atualmente seus textos podem ser lidos no blog OCrepusculo.com sobre assuntos diversos, além de planos para criação de um projeto totalmente voltado aos blogs de Rock e Metal.

Mais informações sobre

Mais matérias de Diego Camara.