Matérias Mais Lidas

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Soul Station: projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança músicaSoul Station
Projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança música

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

David Bowie: com apenas 2.500 Lps em 2003, ele escolheu seus 25 favoritosDavid Bowie
Com "apenas" 2.500 Lps em 2003, ele escolheu seus 25 favoritos

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Yngwie Malmsteen: aos 10 anos ele fazia solos de Blackmore e enganava os amigosYngwie Malmsteen
Aos 10 anos ele fazia solos de Blackmore e enganava os amigos

Kurt Cobain: ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistasKurt Cobain
Ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistas

Jon Schaffer: Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarristaJon Schaffer
Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarrista

Max Cavalera: O único presidente bom do Brasil foi mortoMax Cavalera
"O único presidente bom do Brasil foi morto"

Eddie Van Halen: ele chorou quando Wolfgang mostrou música que fala sobre perdaEddie Van Halen
Ele chorou quando Wolfgang mostrou música que fala sobre perda

Megadeth: Mustaine se tornou vocalista por acaso e por causa de um delineadorMegadeth
Mustaine se tornou vocalista por acaso e por causa de um delineador


Matérias Recomendadas

Nirvana - Perguntas e Respostas
Nirvana - Perguntas e Respostas

Metal sueco: site elege as dez melhores bandas da SuéciaMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

Kirk Hammett: Mustaine toca rápido e eu, melódicoKirk Hammett
"Mustaine toca rápido e eu, melódico"

Preconceito: dificuldades de ser roqueiro em cidade do interiorPreconceito
Dificuldades de ser roqueiro em cidade do interior

O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídicaO Clube dos 27
17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica

Tunecore
Baladas de Sangue

Testament: "parei com a maconha", diz vocalista

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Guedes, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

Andrew Sample recentemente entrevistou para uma revista o vocalista Chuck Billy e o guitarrista Eric Peterson do TESTAMENT, lendas do Thrash da Bay Area que, dentre outras coisas, falaram sobre seu novo álbum "The Formation Of Damnation".

Metal Maniacs: Seus vocais no "Formation" estão realmente, realmente fortes e sua performance, pode-se dizer, é a melhor em anos. Como você se preparou para trabalhar no estúdio dessa vez?

Chuck Billy: "Bem, pra ser honesto, primeiro e antes de tudo eu parei de fumar maconha uns oito meses atrás. Estou certo de que isso será uma surpresa para muita gente e para um monte de bandas, porque eu tinha fumado muito ao longo dos anos com um monte de pessoas também [risos]! No último ano que estivemos em turnê, fazendo muitos shows aonde tínhamos que estar voando de um lado para o outro todos os dias, eu não tinha nenhum baseado comigo. Antes dessas viagens eu tinha parado de fumar fazia já algumas semanas, fizemos a turnê, voltamos para casa e eu me dei conta que já fazia mais de um mês que havia fumado. Nós sairíamos em turnê novamente dentro de algumas semanas. então eu me mantive firme nessa condição e quando fizemos a segunda turnê eu tinha todo esse grande vigor e a minha voz estava forte. Dessa maneira fui para casa e me sentia realmente confiante. Eu sabia que estávamos para começar a compor e eventualmente começar a gravar, então eu pensei que deveria seguir dessa maneira que me encontrava e fazer a gravação desse jeito. Eu me senti forte no estúdio, eu tinha mais confiança e minha voz estava realmente poderosa, isto aumentou minha força e limpou minha voz um pouco mais".

Metal Maniacs: "Formation" tem elementos do "Pratice What You Preach", "Souls Of Black" e "Low", e é tão rápido quanto o material gravado no "The Legacy" e o que há de mais pesado nos álbuns mais novos. Como foi criar algo novo sem parecer que estivessem copiando a si mesmos?

Chuck Billy: "O Eric sempre foi muito bom em trazer novos materiais e novos estilos. Um monte disso tem a ver com o seu projeto DROAGONLORD e seu amor pelo Black Metal. Ele tem outro elemento que traz para dentro da idéia do TESTAMENT, e também ter Alex [Skolnic, guitarra] de novo é muito bom. Quando Nick Barker começou conosco ele revigorou o Eric também; ele vem de um background diferente de Metal e de tocar e isso inspirou Erick. Mas ele compõe diferente para o TESTAMENT, e é claro que isso tem que ser absorvido – isso tem que ter pegada. É nesta que eu entro. Eu trabalho em cima das músicas e dos riffs e digo a ele aonde eu vou cantar e aonde será o refrão. Nós trabalhamos juntos e escolhemos em que direção isso tudo vai e como isso será colocado tudo junto".

Eric Peterson: "Muito disso começa comigo. Todo mundo tem suas opiniões e nós todos concordamos no que as músicas vão proporcionar. Algumas coisas foram escritas depois do 'The Gathering', mas a maior parte foi escrita há alguns anos atrás. Alguns dos riffs antigos são os melhores do material reescrito. Nós mesclamos algumas partes do material antigo com alguma coisa do material mais recente".

Metal Maniacs: Eric, como a experiência do DRAGONLORD afetou sua aproximação para compor para o TESTAMENT, e em particular com a formação clássica?

Eric Peterson: "O DRAGONLORD sempre foi um projeto paralelo, mas alguma coisa eu tinha que tirar porque foi necessário pra mim. Nós [TESTAMENT] não estamos excursionando tanto quanto costumávamos, então sempre há tempo para material criativo no caminho em direção ao lar. Mas o TESTAMENT sempre foi a coisa mais importante, e eu tenho trabalhado duro para continuar ao longo dos anos. Algumas músicas do novo álbum, 'Persecuted' e 'Henchmen', foram escolhidas para ser mais 'darks', ter vibrações mais Black Metal, apesar que ultimamente eu escrevo de maneira diferente para o TESTAMENT, que sempre vai ser a minha prioridade".