Belphegor: "Não somos satanistas. Somos ateus."

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marco Néo, Fonte: Brave Words, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O site romeno MetalHead.ro postou uma nova entrevista com os Black Metallers austríacos do BELPHEGOR, que comentaram sobre o retorno à Romênia e a necessidade de um novo baterista.

5000 acessosPresença de Palco: dicas para iniciantes5000 acessosBon Jovi: chocando companheiros de banda com confissão

Pra começo de conversa, um show de vocês na Romênia foi cancelado há um ou dois anos por causa da igreja local. Agora vocês estão de volta, haverá um concerto de vocês na Romênia em outubro. Qual a sua opinião sobre isso?

"Bom, mal podemos esperar. Não foi uma situação em que nós fomos forçados a cancelar por qualquer igreja ou governo ou algo do tipo, foi um problema na formação da banda que nos forçou a cancelar o show. Mas agora nós estamos ansiosos para tocar. Gostaríamos de ir a todos os lugares, especialmente a lugares em que nunca tocamos, e a Romênia é um desses lugares".

Falando sobre a nova formação, e o novo baterista?

"Bem, é um baterista antigo retornando, mas ele só vai tocar no festival Party.San e depois sai de novo. É o baterista com quem gravamos o álbum 'Lucifer Incestus', ele vai tocar conosco aqui hoje e amanhã. Eu gosto dele, acho que é o melhor baterista que já tivemos, 'Lucifer Incestus' é o material mais rápido que já fizemos, ele é perfeito para o Belphegor, pena que ele saiu da banda".

Vocês já pensaram sobre algum substituto?

"Já, nós teremos um baterista contratado a partir da semana que vem, ele é bom mas não se encaixa no Belphegor. De qualquer forma, não vamos mais cancelar shows por causa de problemas de formação, tivemos sorte de encontrar esse cuzão, o cuzão novo. Não me entenda mal, ele provavelmente é ótimo, então os cancelamentos por causa de problemas de formação acabaram".

Por qual motivo gravaram canções em três idiomas diferentes no novo disco?

"Porquê não? Se você é familiar com nosso trabalho, saberá que sempre gravamos algo em Latim. Agora temos trechos em Alemão, Latim e Inglês. Nada de novo, supostamente se trata de uma blasfêmia pois Latim é o idioma da igreja. A idéia do disco é justamente desafiar a Igreja".

Mas por qual motivo apelar para o Satanistmo?

"Para alguns o Satanismo é uma religião, para outros uma filosofia, existe muita controvérsia sobre isto. De minha parte penso que isto não tem nada a ver com religião pois sou ateu. Se não acredito em Deus não posso ser simpatizante do Diabo. Quero que as pessoas leiam as letras e tirem suas próprias conclusões".

Leia e assista a entrevista completa neste link.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Satanismo e Ocultismo"

Aleister CrowleyAleister Crowley
Um dos pensadores que inspiraram o Heavy Metal

GhostGhost
O lado escuro do rock: você acredita em magia negra?

BehemothBehemoth
Banda cristã comenta proximidade com Nergal

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Satanismo e Ocultismo"0 acessosTodas as matérias sobre "Belphegor"

Presença de PalcoPresença de Palco
Dicas para iniciantes

Bon JoviBon Jovi
Chocando companheiros de banda com confissão

Mick JaggerMick Jagger
Em cerimônia na escola do filho em São Paulo

5000 acessosMetallica: banda passa dificuldades financeiras, dizem biógrafos5000 acessosThrash Metal: 10 novas promessas - incluindo uma brasileira5000 acessosTime Magazine: os 100 maiores álbuns de todos os tempos5000 acessosGene Simmons: "O rock morreu, e não foi de velhice, ele foi assassinado"5000 acessosAC/DC: "gravamos mais álbuns que um monte de bandas"5000 acessosAerosmith: "Walk This Way" surgiu enquanto esperavam cocaína

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online